Engenharia Civil na UNIFACS

  • Graduação
  • 10 semestres
  • Bolsas a partir de R$ 216,96
4,2

Boa

(18)

Ofertas para começar a estudar, aproveita!

Como é o curso de Engenharia Civil na UNIFACS?

Engenharia Civil abrange projetos e construções de infraestruturas civis como edifícios, estradas, e pontes, além de cuidar do saneamento e gestão ambiental. É um campo multidisciplinar essencial para o desenvolvimento e sustentabilidade das cidades. O engenheiro civil é responsável por projetar, executar e gerenciar obras, aplicando conhecimentos técnicos para criar infraestruturas funcionais.

Resumo do curso

  • Área de conhecimento: Engenharias

  • Duração: em média, 5 anos

O que você vai aprender?

  • Fundamentos De Ciências Exatas - Matemática E Física Mecânica

  • Expressão Gráfica

  • Introdução A Engenharia (online)

  • Algoritmos E Programação (online)

Como é a faculdade UNIFACS

Avaliação dos Alunos

4,2

Boa

18 avaliações

  • Empregabilidade
    4
  • Estrutura
    4,1
  • Professores
    4,4
  • localização
    4,1

Resumo da faculdade

  • mais de 34.000 alunos matriculados
  • mais de 390 docentes
  • 98 cursos de graduação e 959 de pós-graduação
  • 219 unidades

Dúvidas mais frequentes

A Unifacs se destaca pela oferta plural de cursos em diferentes áreas do conhecimento. A metodologia da instituição contribui para a capacitação de profissionais em diferentes segmentos.

Além disso, o corpo docente é composto por professores capacitados e com experiência prática em suas respectivas áreas de atuação. As aulas são ministradas com o auxílio dos recursos presentes na infraestrutura da universidade.

A Unifacs também se destaca por oferecer programas de intercâmbio, permitindo que seus estudantes tenham uma experiência internacional.

Outro diferencial da Unifacs é o seu compromisso com a responsabilidade social e a sustentabilidade, fomentando ações que promovem o bem-estar da comunidade local e o uso consciente dos recursos naturais.

A faculdade de Engenharia Civil aborda desde fundamentos matemáticos e científicos até conceitos práticos de design e construção.

Nos primeiros anos, os estudantes de Engenharia Civil têm contato disciplinas básicas, como cálculo, física, química e introdução à engenharia. Essas matérias fornecem uma base sólida para os estudos mais avançados.

Conforme avançam no curso, os alunos começam a se aprofundar em áreas específicas da Engenharia Civil, como mecânica dos sólidos, hidráulica, estruturas, materiais de construção, geotecnia e gerenciamento de projetos.

A faculdade de Engenharia Civil não se limita apenas à sala de aula. Muitos programas oferecem oportunidades para os alunos aplicarem seus conhecimentos em projetos práticos e estágios em empresas do setor. Essas experiências práticas permitem que os estudantes desenvolvam habilidades de resolução de problemas, trabalho em equipe e comunicação.

Quais são as diferenças entre Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo?

A diferença entre Engenharia Civil e Arquitetura e Urbanismo reside principalmente nas suas abordagens, focos e objetivos, embora haja sobreposição em algumas áreas. Aqui estão as distinções principais:

Engenharia Civil:

Enfoque Principal: A Engenharia Civil concentra-se principalmente na concepção, construção, manutenção e gestão de infraestruturas físicas e projetos de engenharia.

Ênfase na Funcionalidade e Segurança: Os engenheiros civis geralmente lidam com a funcionalidade e a segurança estrutural de edifícios, pontes, estradas, sistemas de transporte, sistemas hidráulicos, entre outros.

Uso de Princípios de Engenharia: Os engenheiros civis aplicam princípios de física, matemática, ciência dos materiais e mecânica para projetar e construir estruturas seguras e duráveis.

Arquitetura e Urbanismo:

Enfoque Principal: Arquitetura e Urbanismo estão mais centrados na concepção estética, funcional e espacial dos ambientes construídos, incluindo edifícios, espaços públicos e paisagens urbanas.

Design e Estética: Os arquitetos se concentram no design de espaços habitáveis, levando em consideração aspectos estéticos, culturais, sociais e ambientais.

Planejamento Urbano: Além do design de edifícios, os arquitetos urbanos se envolvem no planejamento e design de comunidades, bairros e cidades, visando a melhoria da qualidade de vida urbana.

Quais são as especializações da Engenharia Civil?

Após completar o curso de Engenharia Civil, os profissionais podem dar prosseguimento em seus estudos por meio de pós-graduações.. Existem diversas possibilidades de especialização, como:

  • Gerenciamento de Construções: Essa especialização foca no planejamento, na execução e no controle de projetos de construção. Abrange desde a gestão de custos, qualidade, e segurança até a liderança de equipes multidisciplinares.
  • Geotecnia: Profissionais com especialização em Geotecnia aprofundam seus conhecimentos sobre o comportamento do solo e das rochas. Eles se dedicam ao projeto de fundações, muros de arrimo, barragens e outras estruturas.
  • Engenharia de Estruturas: Essa área concentra-se no estudo e na aplicação de princípios para o design de estruturas resistentes e seguras, como edifícios, pontes e viadutos.
  • Construção Civil: Especializar-se em Construção Civil envolve adquirir conhecimentos sobre técnicas e materiais de construção, além de práticas sustentáveis no setor. Engloba desde a execução de obras até a renovação e manutenção de estruturas existentes.

Outras áreas de especialização incluem Engenharia Hidráulica, focada na gestão de recursos hídricos e sistemas de drenagem, Engenharia Ambiental, que visa a minimização dos impactos das construções no meio ambiente, e Engenharia de Transportes, dedicada ao planejamento e otimização de sistemas de tráfego e infraestruturas de transporte.

Quais são as melhores faculdades de Engenharia Civil?

Com base nos resultados do Guia da Faculdade 2023, uma avaliação anual realizada pelo jornal O Estado de S.Paulo (Estadão), em parceria com a Quero Bolsa, veja os melhores cursos de Engenharia Civil. A escala de avaliação vai de 1 a 5, sendo 5 a nota máxima.

Instituição Nota Cidade
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) 5 Belo Horizonte (MG)
Universidade Federal de Lavras (Ufla) 5 Lavras (MG)
Universidade Federal de Uberlândia (UFU) 5 Uberlândia (MG)
Universidade Federal de Campina Grande (UFGC) 5 Pombal (PB)
Universidade Federal do Paraná (UFPR) 5 Curitiba (PR)
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) 5 Rio de Janeiro (RJ)
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) 5 Porto Alegre (RS)
Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) 5 Campinas (SP)
Universidade Federal de São Carlos (UFscar) 5 São Carlos (SP)
Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) 5 São José dos Campos (SP)
Universidade de São Paulo (USP) 5 São Paulo (SP)

Como é o estágio para o curso de Engenharia Civil?

O curso de Engenharia Civil inclui um estágio obrigatório supervisionado em sua grade curricular.

Geralmente, o estudante pode iniciar o estágio a partir do 7º período/semestre/ciclo, caso o contrato seja obrigatório. Já o estágio não-obrigatório, que pode contar apenas como atividades complementares, é liberado ainda na primeira metade da graduação.

Durante o estágio, os estudantes de Engenharia Civil podem atuar em diversas áreas, como construtoras, consultorias, instituições e entidades públicas ou privadas, além do terceiro setor, que inclui organizações sociais.

A carga horária máxima diária do estágio é de 6 horas, e as atividades são acompanhadas por profissionais da área. Além disso, os relatórios do estagiário e os projetos a serem apresentados no curso são orientados por um professor responsável pela disciplina de estágio obrigatório.

Essa supervisão acadêmica garante que o estágio contribua efetivamente para o desenvolvimento das competências técnicas, gerenciais e comportamentais necessárias ao engenheiro civil.

A experiência prática adquirida durante o estágio é essencial para que os futuros engenheiros estejam preparados para enfrentar os desafios do mercado de trabalho de forma eficiente e responsável.

Como fazer Engenharia Civil com a nota do Enem?

Para fazer Engenharia Civil com a nota do Enem, o estudante deve seguir alguns passos importantes. Primeiro, é necessário realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que ocorre anualmente e é composto por provas de diferentes áreas do conhecimento e uma redação. Após a divulgação dos resultados, o estudante deve se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que utiliza as notas do Enem para selecionar candidatos para vagas em instituições públicas de ensino superior.

O estudante deve acessar o site do Sisu durante o período de inscrição, escolher até duas opções de curso e instituição, e aguardar a divulgação dos resultados. É importante verificar as notas de corte dos cursos desejados, que são divulgadas diariamente durante o período de inscrição, para ajustar suas opções conforme a sua pontuação no Enem. Além do Sisu, algumas universidades privadas oferecem vagas para o curso de Engenharia Civil por meio do Programa Universidade para Todos (ProUni), que também utiliza as notas do Enem para conceder bolsas de estudo parciais ou integrais.

Outra opção é o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), que permite financiar a graduação em instituições privadas utilizando a nota do Enem como critério de seleção. Para participar, o estudante deve se inscrever no processo seletivo do Fies e atender aos requisitos exigidos, como ter uma renda familiar per capita de até três salários mínimos.

Com essas opções, é possível ingressar no curso de Engenharia Civil utilizando a nota do Enem, seja em instituições públicas ou privadas, e realizar o sonho de se tornar um engenheiro civil.

Engenharia Civil abrange projetos e construções de infraestruturas civis como edifícios, estradas, e pontes, além de cuidar do saneamento e gestão ambiental. É um campo multidisciplinar essencial para o desenvolvimento e sustentabilidade das cidades. O engenheiro civil é responsável por projetar, executar e gerenciar obras, aplicando conhecimentos técnicos para criar infraestruturas funcionais.

A faculdade de Engenharia Civil se concentra na concepção, planejamento, construção e manutenção de infraestruturas físicas, como edifícios, pontes, estradas e sistemas de água e saneamento. Ao longo do curso, os alunos são expostos a tópicos que abrangem desde a teoria da mecânica dos materiais até a gestão de projetos de construção.

As principais disciplinas do programa incluem matemática, física, química, geologia, hidrologia, estruturas, geotecnia, materiais de construção, planejamento urbano, entre outras. Os estudantes também aprendem sobre o uso de softwares de modelagem e simulação.

A faculdade de Engenharia Civil tem duração média de 5 anos, equivalentes a 10 semestres, com o currículo dividido em eixos que abrangem desde fundamentos teóricos e práticos até perspectivas profissionais no mercado.

A duração do curso é distribuída ao longo de 3.600 horas, carga horária mínima definida pelo Ministério da Educação (MEC) para o curso de Engenharia Civil.

O componente prático do curso é desenvolvido em laboratórios, onde os alunos podem testar propriedades dos materiais de construção, como resistência à tração e compressão. Além disso, projetos de grupo são frequentemente atribuídos para proporcionar aos estudantes a experiência de trabalhar em equipes multidisciplinares.

Após a conclusão do curso, os formandos em Engenharia Civil podem seguir várias carreiras. Eles podem trabalhar em empresas de construção, empresas de consultoria, órgãos governamentais, indústrias de infraestrutura, ou até mesmo iniciar suas próprias empresas. Além disso, alguns engenheiros civis optam por se especializar em áreas como geotecnia, estruturas, gestão de projetos ou planejamento urbano.

Veja também: Bolsas de estudo para o curso de Engenharia Civil

Quantos anos dura a faculdade de Engenharia Civil?

A faculdade de Engenharia Civil tem duração mínima de cinco anos, conforme as Diretrizes Curriculares do Ministério da Educação (MEC). Esse período é necessário para cumprir uma carga horária que varia entre 3.600 e 4.000 horas, dependendo da instituição de ensino.

Quais são as áreas da Engenharia Civil?

A Engenharia Civil engloba diferentes campos de análise. Cada um responsável por uma etapa específica da construção e fiscalização de obras. Confira algumas das principais áreas:

  • Construção Civil e Urbana: Foca no desenvolvimento de projetos e construção de edificações residenciais, comerciais e industriais, bem como infraestrutura urbana como pontes e viadutos.
  • Saneamento: Voltada para sistemas de abastecimento de água, tratamento de esgoto, drenagem urbana e gestão de resíduos, visando a saúde pública e a proteção do meio ambiente.
  • Geotecnia: Estuda as propriedades do solo e das rochas para fundamentar projetos de fundações, escavações, barragens e contenções, garantindo a estabilidade e segurança das obras.
  • Hidráulica: Dedicada ao gerenciamento de recursos hídricos, incluindo o projeto de sistemas de irrigação, barragens, canais e estações de tratamento de água.
  • Estruturas e Fundações: Engloba o cálculo e o desenho estrutural de edifícios, pontes e outras construções, focando na resistência e na estabilidade dessas estruturas.
  • Rodovias e Transportes: Trata do planejamento, projeto, construção e manutenção de sistemas de transporte, como estradas, ferrovias, aeroportos e portos, visando a eficiência e segurança no deslocamento de pessoas e mercadorias.
Com o Guia da Carreira, entrar na faculdade é muito mais fácilCadastre-se e receba alertas por e-mail e WhatsApp assim que chegarem novas vagas do seu interesse.
Busque sua vaga
Compare preços e escolha a vaga que cabe no seu bolso
Garanta sua vaga
Pague a taxa de serviço, chamada de pré-matrícula
Estude pagando menos
Aí é só fazer o processo seletivo e a matrícula na faculdade

As melhores vagas da UNIFACS perto de você

Direito
A partir de
R$ 472,23/mês
Medicina Veterinária
A partir de
R$ 725,61/mês
Enfermagem
A partir de
R$ 351,31/mês
Ciências Contábeis
A partir de
R$ 91,26/mês