Descubra o que faz um almoxarife

Pensando em seguir a carreira de almoxarife? Saiba quais são suas principais atribuições!

Sem o almoxarife, muitas empresas estariam em sérios problemas.

Sua atividade é importantíssima para a gestão de suprimentos de uma organização, seja na esfera pública ou na iniciativa privada.

Por seu apurado senso logístico, é um profissional que tem sido cada vez mais valorizado nos últimos anos.

A seguir, descubra o que faz um almoxarife e como entrar nessa área com um belo diferencial!

O que faz um almoxarife

O almoxarifado é o setor da empresa onde são estocados produtos de uso interno. Por exemplo: papéis, móveis, material de escritório, arquivos, produtos de limpeza, vestuário, suprimentos médicos e por aí vai.

O almoxarife é quem cuida de tudo isso.

Sua responsabilidade é grande, já que precisa garantir a segurança e as condições ideais de estocagem para cada produto.

Em seu dia a dia, precisa encarar atividades que envolvem:

  • Coordenar entrada e saída de mercadorias.
  • Fazer registro e inventário de materiais permanentes ou de consumo.
  • Inspecionar itens defeituosos e enviá-los para reparo.
  • Conferir se os produtos recebidos estão de acordo com o que foi solicitado, em quantidade e integridade.
  • Manipular softwares e planilhas.
  • Emitir notas fiscais e lançá-las em sistema.
  • Classificar os produtos de acordo com seu tipo e alocá-los no espaço adequado.
  • Cuidar de materiais perecíveis ou de alta periculosidade (produtos químicos ou explosivos, por exemplo).
  • Prever demandas futuras, para evitar que faltem materiais.
  • Criar ou adotar modelos de indexação.
  • Organizar arquivos e documentos de forma que sejam rapidamente localizados em caso de necessidade.
  • Tomar providências caso identifique alguma irregularidade.
  • Fazer, de tempos em tempos, o levantamento dos estoques no almoxarifado para atualizar o inventário.
  • Observar se a sua equipe está utilizando os equipamentos de segurança exigidos para cada tipo de manuseio.
  • Garantir o cumprimento das normas e regulamentos do almoxarifado.

Um bom almoxarife tem familiaridade com computadores, planilhas, cálculos matemáticos e bons conhecimentos sobre processos logísticos. Ele também está sempre atualizado em relação às novidades e inovações tecnológicas em sua área de atuação – que são cada vez mais frequentes.

Os maiores contratantes são empresas do setor atacadista, transportadoras, aeroportos, indústrias, depósitos, portos, fábricas, construção civil e também organizações do setor público, por meio de concurso.

Os atributos mais procurados em almoxarifes são:

  • Organização
  • Proatividade
  • Atenção aos detalhes
  • Agilidade
  • Comunicação e relacionamento interpessoal
  • Familiaridade com tecnologia

Como se tornar almoxarife

Na maioria das empresas e no serviço público, o requisito para trabalhar como almoxarife é ter formação de nível médio, familiaridade com ferramentas como Excel, Word e afins, e alguma experiência na área.

Algumas empresas exigem que o almoxarife saiba, por exemplo, dirigir empilhadeiras ou carrinhos de transporte e manusear equipamentos similares.

Uma boa alternativa para entrar na área é fazer um curso de qualificação em Almoxarifado, desses que a gente encontra em escolas de formação profissional, como o Senac.

O curso é de curta duração – quatro meses, mais ou menos – e ensina os fundamentos da administração de materiais, estocagem, técnicas de segurança, controle de entrada e saída, gestão e organização geral.

Quem busca mais oportunidades de trabalho pode optar por um curso superior de curta duração em Logística.

No Brasil, profissionais com diploma universitário podem ganhar até três vezes mais que um de nível médio. Mais à frente a gente fala mais sobre isso!

Agora veja quanto você pode ganhar trabalhando como almoxarife!

Qual o salário de um almoxarife?

A média salarial de um almoxarife no Brasil é de R$ 2.000, de acordo com a plataforma Trabalha Brasil.

Para os que já têm experiência, os valores podem chegar a R$ 3.000.

Os que estão começando encontram oportunidades com salários que vão de R$ 1.350 a R$ 1.900, aproximadamente, dependendo do tamanho da empresa.

Agora, quem aposta numa formação superior em Logística pode ter ganhos bem mais interessantes.

Um analista de Logística ganha entre R$ 3.700 e R$ 7.600, em média.

Quem, além da graduação, investir em especializações e MBAs na área, pode se dar ainda melhor.

Chefes de Logística experientes, por exemplo, podem ganhar mais de R$ 4.800; gerentes de Logística, mais de R$ 27.000. Quem chegar ao cargo de direção em uma grande empresa pode receber entre R$ 30.000 e R$ 50.000!

Bem interessante, não é? Agora saiba mais sobre este curso!

Aposte na formação de nível superior em Logística!

O curso de Logística está disponível em centenas de faculdades. São mais de 450 em todo o país, a maioria na rede privada de ensino.

Essa formação oferece cinco grandes vantagens aos interessados:

  • É de nível superior.
  • Tem apenas dois anos de duração.
  • É muito apreciada no mercado de trabalho.
  • Pode ser feita presencialmente ou a distância – ambos com autorização do Ministério da Educação (MEC).
  • As mensalidades são acessíveis.

Nesses dois anos de estudos, além de aprender princípios de administração geral, produção e operações, os alunos vão lidar com contabilidade e finanças, gestão de suprimentos, distribuição logística, demanda de estoques, gestão de transportes – tudo que tem a ver com almoxarifado e estocagem!

Para ter sucesso na área basta garantir um ensino de qualidade e se dedicar bastante. Dois anos passam rápido e podem ser decisivos para a sua vida profissional!

Abaixo, a gente separou algumas boas faculdades onde você pode tentar sua vaga em Logística:

Veja também:

Descubra tudo sobre o curso tecnólogo em Logística

E aí, o que achou do trabalho do almoxarife? Pensando em entrar na área ou pretende investir num curso superior? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin