dcsimg

Obstetrícia: saiba mais sobre o curso e o mercado

Saiba como é o curso de obstetrícia, as melhores faculdades e o mercado de trabalho para esse profissional

obstetra

A Obstetrícia é uma ciência dedicada à reprodução humana. O termo tem origem no latim e vem do verbo obstare, que significa “ficar ao lado”. O obstetra ou obstetriz é o profissional que estuda e acompanha os aspectos fisiológicos e patológicos da gestação, desde o pré-natal até o parto e o pós-parto.

No Brasil, há três caminhos para seguir a carreira obstétrica:

  • Enfermagem: o profissional formado em enfermagem pode fazer uma especialização em obstetrícia para atuar na assistência da mulher no pré-natal, parto e pós-parto em situações de baixo risco.
  • Obstetrícia: é uma formação de nível superior com foco na saúde e no cuidado da mulher antes e durante a gravidez, no parto e no pós-parto. Essa formação tem disciplinas em comum com o curso de enfermagem, mas o graduado não precisa fazer uma especialização para atuar na área.
  • Medicina: o estudante de medicina que desejar seguir carreira na área de obstetrícia precisa fazer 3 anos de residência médica em Ginecologia e Obstetrícia.

Tipos de curso de Obstetrícia

No Brasil, há cursos de obstetrícia de nível superior e pós-graduação.

Bacharelado em Obstetrícia: segundo o MEC, há 5  cursos de bacharelado em obstetrícia em atividade no país, todos presenciais, sendo 4 de Enfermagem e Obstetrícia e 1 em Obstetrícia.

Licenciatura em Obstetrícia: a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) oferece o único curso de licenciatura em obstetrícia do país, com boa avaliação pelo MEC. O curso tem nota 4 em Conceito Preliminar do Curso, Conceito do Curso e Enade, sendo que a nota máxima é 5.

Especialização em Obstetrícia: de acordo com o MEC, há 47cursos de pós-graduação lato sensu na área de obstetrícia. Entre as opções, podemos citar:

  • Dermato-funcional e Urinoginecológica e Obstetrícia
  • Enfermagem em Ginecologia e Obstetrícia
  • Enfermagem em Obstetrícia
  • Enfermagem em Saúde da Mulher: Ginecologia e Obstetrícia
  • Enfermagem Obstétrica e Ginecológica
  • Enfermagem, Obstetrícia e Neonatal
  • Especialização em Fisioterapia e Urologia em Obstetrícia
  • Fisioterapia Aplicada à Urinoginecologia e Obstetrícia
  • Fisioterapia Gineco-Obstetrícia
  • Ginecologia e Obstetrícia
  • Imagem em Ginecologia, Mastologia e Obstetrícia
  • MBA em Enfermagem em Obstetrícia
  • Obstetrícia
  • Obstetrícia e Unidade de Terapia Intensiva
  • Pós-graduação em Ecografia em Ginecologia e Obstetrícia
  • Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia
  • Residência em Enfermagem e Obstetrícia

Grade do curso de Obstetrícia

Os cursos de bacharelado em Obstetrícia e de Enfermagem e Obstetrícia duram em média quatro anos.
A grade curricular varia de acordo com a instituição. No curso de Obstetrícia da Universidade de São Paulo (USP), por exemplo, os alunos devem cumprir um ciclo básico que compreende disciplinas específicas do curso, formação geral e formação científica. Após esse período, são oferecidas disciplinas de ciências biológicas, ciências humanas, sociais e da saúde, bem como técnicas e procedimentos ligados ao cuidado da mulher e do recém-nascido e à assistência da família.

Entre as disciplinas oferecidas no curso de Obstetrícia, podemos citar:

  • Imunologia
  • Farmacologia
  • Microbiologia
  • Parasitologia
  • Processos Patológicos
  • Nutrição
  • Biologia Celular
  • Embriologia
  • Genética
  • Anatomia
  • Fisiologia
  • Fisiologia da Gestação, Parto e Pós-parto
  • Endocrinologia do Sistema Reprodutor
  • Placenta e Placentação: Aspectos Básicos e Clínicos
  • Fundamentos Biológicos da Obstetrícia
  • Psicologia, Educação e Temas Contemporâneos
  • Processos Psicossociais na Assistência à Saúde
  • Antropologia do Nascimento
  • Fundamentação do Processo de Cuidar
  • Assistência à Mulher no Pré-natal e Pós-parto
  • Assistência ao Recém-nascido e Lactente
  • Administração de Serviços de Atenção à Saúde
  • Estágio
  • Tratamento e Análise de Dados
  • Gênero, Sexualidade e Direitos Humanos
  • Relações Humanas e Sociais e Cuidado em Saúde
  • Metodologia da Pesquisa e Bioestatística
  • Ética e Legislação Profissional
  • Assistência à Saúde da Mulher na Família e na Comunidade
  • Biossegurança
  • Terapias Complementares na Assistência
  • Assistência Perioperatória
  • Assistência às Urgências e Emergências
  • História Social da Criança e da Família

Melhores faculdades

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Medicina:

V0cê pode consultar todas as faculdades de Medicina reconhecidas pelo MEC no portal e-mec.

Profissão

O Obstetriz, ou Parteiro Diplomado, é o profissional responsável por acompanhar e atender mulheres antes, durante e logo após a gestação. Ele está apto a realizar os exames do pré-natal, acompanhar e realizar partos normais e prestar os primeiros cuidados à mãe e ao bebê recém-nascido. Também apoia e orienta a família nesse período.

Esse profissional também pode atuar no apoio e orientação da comunidade, bem como na carreira acadêmica, lecionando em cursos técnicos e superiores, ou realizando pesquisas científicas na área.

Mercado de Trabalho

Devido aos programas de incentivo do Ministério da Saúde para que sejam feitos mais partos normais no país, o mercado para obstetrizes está aquecido.
Esse profissional está habilitado a realizar partos normais sozinho ou integrando uma equipe médica e pode atuar nos setores públicos e privados, como por exemplo em:

  • Postos de saúde
  • Unidades básicas de atenção à saúde
  • Casas de parto
  • Hospitais
  • Maternidades
  • Clínicas
  • Laboratórios de diagnóstico
  • Universidades

Veja também:
Quanto ganha um obstetra?

Você pretende fazer o curso de Obstetrícia? Já escolheu sua faculdade? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin