dcsimg

Tudo o que precisa saber sobre tecnólogo em Automação Industrial

Os cursos de tecnólogo estão super em alta. Quem opta por esse tipo de formação encontra um universo bastante diverso: tem graduações na área da saúde, produção cultural, segurança, construção civil e muito mais! São mais de 100 opções, distribuídas faculdades em todo o país.

Para quem está em busca de um curso de tecnólogo na área de Engenharia, o de Automação Industrial é uma excelente pedida. Bastam alguns poucos anos de estudo para o aluno entrar com tudo no mercado de trabalho – e mais: com um diploma de nível superior em mãos!

Se você está cogitando a ideia de estudar Automação Industrial, fique aqui com a gente. Vamos dar o caminho das pedras: contar como é o curso, o que faz um profissional da área e onde encontrar as melhores faculdades para estudar!

O curso de tecnólogo em Automação Industrial

Com duração que varia de 2,5 a 3 anos, o curso superior de tecnologia em Automação Industrial ensina a projetar e gerenciar todo tipo de sistema automatizado usado em indústrias diversas.

Isso abre diversas possibilidades de atuação, como supervisionar processos, implantar e operar redes industriais, fazer vistoria, perícia e avaliação em tudo o que diz respeito à área.

O diploma é de nível superior e com ele o profissional pode ocupar vagas de emprego que exijam esse grau de formação ou dar prosseguimento aos estudos em cursos de especialização, mestrados e doutorados.

O curso de tecnólogo em Automação Industrial está disponível apenas na modalidade presencial.

O que se estuda no curso de tecnólogo em Automação Industrial

Nos cursos de tecnólogo, o papo é reto: a meta é aprender o máximo possível em pouco tempo. Para isso, o aluno vai ter acesso a muitas disciplinas ligadas à Automação Industrial e, ao mesmo tempo, colocar a mão na massa para valer!

A graduação é repleta de atividades em laboratório. Ao longo dos três anos de estudos o aluno vai ter aula em:

  • Laboratório de informática
  • Laboratório de automação industrial
  • Laboratório de eletrônica
  • Laboratório de hidráulica e pneumática
  • Laboratório de instalações elétricas
  • Laboratório de redes industriais

Durante o curso, há também disciplinas ligadas à área de Engenharia. Veja um exemplo de grade curricular:

  • Acionamentos Eletromagnéticos
  • Acionamentos Eletropneumáticos
  • Algoritmos e Técnicas de Programação
  • Cálculo I e II
  • Circuitos Elétricos
  • Controladores Lógicos Programáveis
  • Controle
  • Controles Lógicos Programáveis
  • Desenho Assistido por Computador
  • Eletricidade Aplicada
  • Eletrônica Analógica
  • Eletrônica de Potência
  • Eletrônica Digital
  • Eletrônica Fundamental
  • Empreendedorismo
  • Estatística
  • Ética e Legislação Profissional
  • Física
  • Fundamentos de Redes de Computadores
  • Fundamentos de Sistemas Operacionais
  • Gestão da Produção
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Projetos
  • Instalações Elétricas
  • Instrumentação Eletroeletrônica
  • Instrumentação Industrial
  • Linguagem de Programação
  • Lógica
  • Máquinas Elétricas
  • Medidas e Materiais Elétricos
  • Metodologia Científica
  • Microcontroladores e Microprocessadores
  • Organização de Computadores
  • Pneumática e Hidráulica
  • Princípios de Sistemas de Informação
  • Processos Industriais
  • Qualidade da Energia Elétrica
  • Redes Industriais
  • Robótica
  • Sistemas Supervisórios
  • Teoria de Controle Moderno

Onde o tecnólogo em Automação Industrial trabalha

O tecnólogo em Automação Industrial pode trabalhar na indústria e em qualquer outro tipo de empresa que utilize processos automatizados.

Separamos as mais comuns:

  • Empresas de automação industrial
  • Empresas de desenvolvimento de projetos e assistência técnica
  • Qualquer indústria que utilize processos automatizados
  • Institutos e Centros de Pesquisa
  • Instituições de ensino – desde que atenda às exigências de formação para dar aulas

Dentre as indústrias, pode trabalhar na de motores, automóveis, aviação, naval, petrolífera, de mineração, pecuária, leiteira, agrícola, etc.

Os empregos podem ser encontrado em zonas industriais de regiões metropolitanas ou pelo interior do país.

Em seu dia a dia, o tecnólogo pode desenvolver atividades como:

  • Melhorar sistemas de produção com a aplicação de novas tecnologias em automação.
  • Executar projetos.
  • Operar sistemas.
  • Desenvolver componentes eletroeletrônicos (hardware e software).
  • Criar novos equipamentos.
  • Acompanhar o desempenho dos equipamentos de linhas de produção.
  • Fazer supervisão geral da manutenção industrial.
  • Prestar consultoria.
  • Inspecionar a montagem de sistemas.

Outras opções de tecnólogo em produção industrial

Se você ainda não tem 100% de certeza de que quer fazer Automação Industrial, existem outros cursos de tecnólogo com perfil e área de atuação semelhantes. Conheça alguns exemplos:

  • Eletrônica Industrial
  • Eletrotécnica Industrial
  • Gestão da Produção Industrial
  • Manutenção Industrial
  • Mecatrônica Industrial

Eles têm duração semelhante e o que muda é o perfil ou habilitação do profissional formado. Verifique se estão disponíveis na faculdade onde você quer estudar.

Agora, se você está em dúvida entre Automação Industrial e um curso de Engenharia, por exemplo, então é melhor entender direitinho a diferença entre eles para fazer a escolha correta. Confira a seguir.

Automação Industrial ou Engenharia de Automação? Qual o melhor?

A escolha entre Automação Industrial e Engenharia de Automação depende única e exclusivamente de seu plano profissional.

Se estiver interessado em entrar mais rapidamente no mercado de trabalho, achar emprego com facilidade e ter possibilidade de ganhos interessantes logo no início da carreira, talvez o tecnólogo seja a melhor opção.

Já o curso de Engenharia é bem mais longo e complexo. Com quase o dobro de tempo – cinco anos –, forma profissionais com possibilidades de atuação mais amplas. Aqui o aluno também aprende a projetar sistemas de automação, mas sai da faculdade com alguns outros conhecimentos na bagagem: gestão de pessoas, de projetos, noções de administração e produção – o que permite ocupar cargos de maior responsabilidade e remuneração conforme acumula experiência e novos conhecimentos.

Onde encontrar o curso de tecnólogo em Automação Industrial

O curso de tecnólogo em Automação Industrial está disponível em mais de 70 instituições de ensino pelo Brasil. A maioria fica em faculdades privadas.

O importante, aqui, é escolher uma universidade reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Essa é a garantia de que seu diploma terá validade em todo o território nacional.

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de tecnólogo em Automação Industrial:

Veja também:

Qual a diferença entre tecnólogo e bacharelado?

Vai de Automação Industrial ou quer tentar outro curso? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin