dcsimg

Biologia ou Biomedicina: qual a melhor opção?

Está em dúvida se faz Biologia ou Biomedicina? Conheça as principais diferenças entre as duas carreiras e veja onde estudar para se destacar no mercado!

Biologia ou Biomedicina?

A dúvida na hora de escolher entre a carreira de biólogo ou biomédico é muito comum, pois há muitas semelhanças na atuação desses profissionais: ambos são cientistas, atuam fortemente com pesquisa, estudam os mais diversos seres vivos e trabalham frequentemente em laboratórios. Mas, na prática, desempenham papéis bastante diferentes!

Quem faz Biologia tem no seu trabalho uma relação mais ampla com a natureza e com a promoção da sustentabilidade. Já o profissional da Biomedicina tem uma função ligada à saúde do ser humano. O foco do seu trabalho é a prevenção e o tratamento de doenças.

Conheça as principais características da formação e da carreira nas áreas de Biologia e Biomedicina, onde estudar e as diferentes oportunidades que o mercado oferece a estes profissionais!

Diferenças entre Biologia e Biomedicina

A Biologia é a ciência responsável pelo estudo da vida. O biólogo pesquisa a origem, evolução, estrutura e funcionamento das mais variadas espécies de plantas e animais, desde microrganismos até o ser humano, além de analisar a relação deles com o meio ambiente. O profissional formado em Biologia é um dos mais preocupados com a sustentabilidade e a preservação da natureza. Quem quiser seguir carreira nesta área tem dois caminhos: bacharelado ou licenciatura. Qualquer que seja a escolha, o campo de trabalho é amplo no Brasil.

O profissional de Biomedicina pesquisa os microrganismos causadores de doenças nos seres humanos e desenvolve ou melhora remédios para combater e prevenir enfermidades. É uma das áreas do conhecimento mais recentes entre as Ciências Biológicas e mescla conceitos de Medicina, Biologia e Química. Ela surgiu da necessidade de formar profissionais capacitados para acompanhar os avanços na área de Saúde. Há 37 habilitações reconhecidas na Biomedicina e cada vez mais cursos superiores aprovados pelo Ministério da Educação (MEC) surgem em todas as regiões do Brasil.

As principais diferenças entre Biologia e Biomedicina são:

  • Grau do curso: O curso de Biologia é oferecido em grau de bacharelado e licenciatura, enquanto na área de Biomedicina existe apenas o bacharelado.
  • Foco de atuação: O biólogo tem uma atuação mais ampla, relacionada a diferentes formas de vida e à preservação da natureza. O Biomédico tem foco na área de saúde humana e no tratamento de doenças.

Os cursos de Biologia e de Biomedicina

Tanto o bacharelado quanto a licenciatura em Biologia duram, em média, quatro anos. Esta graduação exige o estudo de muitas disciplinas teóricas das Ciências Biológicas e da Saúde, além de algumas matérias de Ciências Exatas. Boa parte da carga horária do curso é dedicada a atividades em laboratórios ou saídas a campo, com o objetivo de observar diferentes espécies e seus hábitos.

Na licenciatura, que forma professores de Biologia, os alunos estudam disciplinas pedagógicas como Didática e Psicologia da Educação. Ao final da graduação é preciso defender um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). No caso da licenciatura, é obrigatório realizar estágio supervisionado em escolas de ensino fundamental e médio.

Confira as principais disciplinas da grade curricular do curso de Biologia:

  • Anatomia
  • Bioclimatologia e Hidrologia
  • Biogeografia e Geoprocessamento
  • Biologia Celular
  • Bioquímica e Biofísica
  • Biotecnologia
  • Citologia
  • Ecologia
  • Fisiologia
  • Fundamentos de Física
  • Genética
  • Geologia e Paleontologia
  • Histologia e Embriologia
  • Imunologia
  • Manejo da Fauna e Flora
  • Matemática
  • Microbiologia e Imunologia
  • Morfologia Vegetal
  • Parasitologia
  • Química Geral e Orgânica
  • Responsabilidade Social e Meio Ambiente
  • Zoologia

O curso de Biomedicina é de grau bacharelado e dura, em média, quatro anos. Ele prepara o estudante para entender as causas e formas de curar as mais variadas doenças do ser humano. Esta graduação já foi chamada de Ciências Biológicas – Modalidade Médica. Além das matérias teóricas, o currículo conta com carga horária expressiva de aulas práticas e atividades em laboratório.

Durante o curso os alunos são estimulados também a desenvolver trabalhos científicos, participar de seminários e congressos. Para se formar em Biomedicina é obrigatório passar por um período de estágio supervisionado e apresentar um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Confira as principais disciplinas da grade curricular do curso de Biomedicina:

  • Análise Físico-Química Aplicada à Saúde
  • Anatomia
  • Bioengenharia e Biotecnologia
  • Bioestatística
  • Biofísica
  • Biologia Molecular Aplicada à Biomedicina
  • Bioquímica
  • Biossegurança
  • Citopatologia e Citologia Clínica
  • Embriologia e Reprodução Humana
  • Epidemiologia e Saúde Pública
  • Farmacologia
  • Fisiologia
  • Fisiopatologia e Anatomia Patológica
  • Genética e Citogenética
  • Gestão Laboratorial e Controle de Qualidade
  • Hemoterapia e Banco de Sangue
  • Histologia
  • Imunologia
  • Microbiologia
  • Parasitologia
  • Química Geral

O mercado de trabalho para o Biólogo e para o Biomédico

O campo de atuação do biólogo é muito amplo. A preocupação com a sustentabilidade e a preservação do meio ambiente vêm abrindo novas frentes de trabalho para este profissional, além de valorizar ainda mais sua atuação.

O bacharel em Biologia pode desenvolver atividades em três grandes áreas: Biotecnologia, Saúde e Meio Ambiente. Campos mais recentes, como a biocombustíveis, apresentam carência de profissionais em todo o país.

Os licenciados encontram oportunidades de trabalho com facilidade nas escolas de ensino fundamental e médio em todas as regiões. A demanda por professores para atuar na educação básica é grande, especialmente em cidades mais afastadas dos grandes centros. Conheça as principais atividades do biólogo:

  • Elaborar e executar estudos e pesquisas científicas.
  • Prestar assessoria ou consultoria a empresas.
  • Administrar parques, reservas florestais e institutos biológicos.
  • Criar, manipular e reproduzir organismos em laboratórios.
  • Pesquisar sobre a utilização de microrganismos na produção de alimentos ou medicamentos.
  • Fazer análises de DNA.
  • Elaborar relatórios de impacto ambiental.
  • Desenvolver programas de preservação da fauna e flora.

A Biomedicina é uma profissão em alta no Brasil. Entre as áreas mais promissoras estão a reprodução humana e a pesquisa genética como, por exemplo, de células tronco. É importante destacar que, ao contrário dos médicos, os biomédicos não fazem cirurgias nem prescrevem medicamentos. Seu trabalho está na pesquisa de microrganismos causadores de doenças e no desenvolvimento e evolução de remédios e vacinas.

Um dos setores que mais empregam biomédicos é o de análises clínicas. Mas este profissional pode encontrar oportunidades de trabalho também em institutos de pesquisa, hospitais, bancos de sangue e na indústria de medicamentos. Conheça as principais atividades do biomédico.

  • Fazer a manipulação de microrganismos para que possam ser industrializados como medicamento.
  • Executar exames clínicos em laboratórios e hospitais para ajudar a identificar agentes causadores de doenças.
  • Realizar exames que possibilitem o diagnóstico por imagem.
  • Pesquisar e desenvolver produtos obtidos por meio da biotecnologia.
  • Atuar na Polícia Federal ou Civil, auxiliando na investigação de crimes por meio de análises de tecidos.

Onde estudar

Há diversas instituições públicas e privadas que oferecem os cursos superiores de Biologia e Biomedicina no País.

Confira algumas das principais instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Biologia:

Confira algumas das principais instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Biomedicina:

Veja também:

Quanto ganha um biomédico?

Ficou interessado em seguir uma destas carreiras? A de biólogo ou biomédico? Conte pra gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin