dcsimg

Saiba quais as 18 melhores profissões para mães

Veja as carreiras mais recomendadas para mulheres que conciliam maternidade com vida profissional

melhores profissões para mães

As mulheres de hoje fazem uma verdadeira ginástica para conciliar maternidade e carreira. Não é uma tarefa fácil, pois as duas funções exigem tempo e dedicação. Mas o mercado está repleto de mães que são também ótimas profissionais, o que mostra que é possível, sim, dar conta dos dois.

Cada vez mais surgem oportunidades de trabalho adequadas a essa realidade. Além dos avanços na legislação que garantem a licença maternidade e dispensa para aleitamento, entre outros benefícios, muitas empresas estão mais responsáveis e preocupadas com o bem-estar dos colaboradores. O perfil dos trabalhadores também está mudando. Os profissionais autônomos e prestadores de serviços em geral vêm ocupando um grande espaço no mercado, com muito mais flexibilidade.

Veja as melhores profissões para as mulheres que são mães em três categorias: empregos com horário flexível, meio período e em empresas responsáveis!

Empregos com horário flexível

Imagine uma atividade profissional em que você possa gerenciar seus horários e desligar o celular quando necessário. É perfeito para conciliar seus objetivos pessoais e as necessidades de sua família. Algumas áreas de atuação são clássicas para quem procura trabalhar com horário flexível:

  • Arquitetura – as arquitetas podem desenvolver projetos sob encomenda e se especializar em determinado segmento. Precisam fazer reuniões com clientes e visitar obras, mas podem organizar seus horários.
  • Direito – as advogadas podem selecionar casos e clientes de acordo com sua disponibilidade. Precisam participar de reuniões e audiências, mas contam com flexibilidade para grande parte dos compromissos.
  • Saúde – profissionais de diferentes áreas da Saúde também podem trabalhar com alguma flexibilidade. Diferentemente daqueles que dão plantão em hospitais, os profissionais que atendem em clínicas ou consultórios próprios podem, muitas vezes, organizar seus horários de atendimento.
  • Comunicação – profissionais que desenvolvem conteúdo para meios de comunicação ou publicidade podem atuar como freelancer. Muitos deles trabalham de forma remota, podendo até enviar o material de casa, estilo home office.
  • Atividade Física – o segmento de condicionamento físico está em expansão. Profissionais que atuam nesta área podem organizar seus atendimentos de acordo com as prioridades de sua agenda.

Conheça algumas das principais profissões com horário flexível:

  1. Arquiteta
  2. Advogada
  3. Dentista
  4. Psicóloga
  5. Fonoaudióloga
  6. Fisioterapeuta
  7. Nutricionista
  8. Redatora
  9. Designer
  10. Fotógrafa
  11. Personal Trainer

Empregos em meio período

Muitas empresas oferecem a possibilidade do turno de trabalho em meio período, ou parcial, que é uma ótima opção para as mães. Você pode conciliar seus horários com os da escola e passar mais tempo com seu filho. Algumas áreas de atuação contam com mais oportunidades neste regime:

  • Educação: professoras do ensino infantil, fundamental e médio geralmente têm contratos de meio período. O mesmo acontece em nível universitário.
  • Funcionalismo público: há vários concursos neste setor que oferecem vagas de trabalho em jornadas diferenciadas. É comum encontrar oportunidades em meio período em diferentes áreas.
  • Secretariado: muitas escolas, escritórios e consultórios contam com secretárias com jornada de trabalho correspondentes a meio período.

Conheça algumas das principais profissões com o regime meio período:

  1. Professora
  2. Funcionária pública
  3. Secretária

Empregos em empresas responsáveis

Ser funcionária de uma empresa ou indústria que adota uma política de gestão responsável é uma boa opção para as mulheres que têm filhos, independentemente da função que exerçam. Além de cumprirem rigorosamente a legislação referente ao período de licença maternidade e aleitamento, muitas empresas oferecem benefícios que fazem a diferença na vida das colaboradoras. Entre eles, estão:

  • Creche in company, instalada nas dependências da empresa.
  • Flexibilidade de horário.
  • Licença maternidade de seis meses, enquanto a lei propõe quatro meses.
  • Sala de apoio ao aleitamento materno: espaço adequado para coletar e armazenar o leite materno, ou até amamentar. Algumas empresas conquistam até o reconhecimento do Ministério da Saúde com estes espaços.
  • Auxílio-creche ou escola: subsídio para financiar a mensalidade da escola, geralmente até seis anos de idade.
  • Convênio com farmácias.

Conheça algumas profissões que podem ser exercidas em empresas responsáveis:

  1. Administradora
  2. Contadora
  3. Gestora de Recursos Humanos
  4. Gestora de Marketing
  5. Gestora de Produção

O desafio de ser profissional e mãe

Parece impossível conciliar a carreira com as necessidades da pessoa que é mais importante no mundo para você: o seu filho. Mas, na prática, o número de mulheres que combinam a maternidade com a vida profissional é expressivo. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mais da metade das mães brasileiras trabalham, o que equivale a 28,1 milhões de mulheres!

O mercado vem reconhecendo as habilidades das mulheres que são mães, fazendo com que muitos empregadores deixem o preconceito de lado. Mais do que uma funcionária comprometida com a família, as mães também conseguem se dedicar com afinco ao trabalho.

Onde estudar

Conheça algumas das principais universidades, reconhecidas pelo MEC, que oferecem cursos nas áreas indicadas para mulheres que são mães:

Privadas:

Públicas:

Veja também

Conheça as 9 melhores profissões para trabalhar em casa

Você é mãe? Consegue conciliar a maternidade com sua carreira? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin