Saiba quais são os salários mais altos na área de engenharia

Com foco na projeção de soluções, aplicando conhecimentos científicos, para os problemas de diversas áreas do nosso cotidiano, o profissional da engenharia tem a base de sua profissão na aplicação de conceitos matemáticos e técnicos. E são esses profissionais que ocupam algumas das vagas melhor remuneradas do mercado de trabalho brasileiro. 

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Da descoberta do fogo, do cozimento de alimentos e da alavanca, até o desenvolvimento fabril a vapor durante a Revolução Industrial, a evolução e a segmentação da engenharia, como conhecemos hoje, busca atender uma demanda crescente de invenções, intervenções e do aperfeiçoamento de mecanismos existentes. 

Essa demanda é fácil de perceber, já que na construção de estradas, de casas e de novas tecnologias, o papel dos engenheiros no fortalecimento da indústria brasileira faz com que os altos salários pagos a esses profissionais seja justificado. Em 2020, por exemplo, mais de 5% do PIB do país veio da construção civil, onde muitos engenheiros são empregados. 

O que faz um Engenheiro?

Assim como a enorme quantidade de habilitações que os cursos de engenharia oferecem, as áreas de atuação desse profissional também são inúmeras. Da Civil a Aeronáutica, das Telecomunicações e Produção Agrícola; em todas as áreas do conhecimento humano ligado à produção e beneficiamento de bens, podem existir engenheiros. 

Em seu dia a dia, o engenheiro irá desenhar, inventar, construir, projetar e supervisionar processos ou materiais. Através dessas proposições, esse profissional irá buscar a otimização de processos, aumentando a produção e a qualidade dos produtos resultados de sua prática profissional. 

Muitas engenharias possuem conselhos profissionais e legislações próprias, sendo que, em muitos casos, o registro dos engenheiros nesses colegiados é obrigatório para a prática profissional. A lei federal que regulamenta a profissão de engenheiro é a n.º 5.194, de 24 de dezembro de 1966.

As dez engenharias com os maiores salários

Abaixo listamos as engenharias que oferecem melhores salários aos seus formandos, com base nos dados de piso salarial e remuneração média divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED). Confira:

Engenharia de Minas: R$8 mil a R$12 mil

Este campo da engenharia estuda e pesquisa sobre reservas minerais, características geológicas e se debruça sobre a procura por jazidas de determinado material. Ele identifica a composição dos minérios, a localização e extensão das minas, a viabilidade financeira de sua exploração, os equipamentos e materiais necessários para efetivar a exploração e o beneficiamento desses recursos de maneira eficiente. 

Engenharia de Construção Naval: R$10 mil

O profissional formado nessa especialidade coordena a produção da embarcação, assim como os sistemas flutuantes e de propulsão que serão utilizados na navegação. O engenheiro também coordena a fabricação de plataformas flutuantes, lidera equipes e setores de manutenção, cuida dos motores, hélices, máquinas de propulsão, sistemas de bordo e navegação e o casco das embarcações. Além disso, o profissional pode trabalhar no gerenciamento do transporte da carga via hidrovias, a projeção de sistemas oceânicos e a pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias ligadas ao setor. 

Engenharia Aeronáutica: R$10 mil

O profissional formado neste segmento trabalha diretamente com a projeção, fabricação e manutenção de aeronaves, desenhando estruturas, definindo materiais, projetando e implementando sistemas de pilotagem. Alguns profissionais, com maior grau de especialização, podem atuar na Engenharia Espacial, área responsável por construir satélites e foguetes, definindo os dados técnicos necessários para a construção e o funcionamento destas estruturas, estabelecendo ainda os parâmetros para seu lançamento e operação.

Engenharia Civil: R$8 mil a R$10 mil

Uma das mais tradicionais segmentações da engenharia, este profissional se dedica ao desenvolvimento de empreendimentos, projetos estruturais e edificações. Este especialista ainda analisa as características de um terreno, especifica as melhores instalações para o local, define quais parâmetros devem ser seguidos para garantir e otimizar a segurança dos indivíduos que utilizarão as estruturas no futuro. 

Engenharia de Software: R$9 mil a R$10 mil

Com mercado de trabalho em constante expansão, este engenheiro trabalhará diretamente com a lógica de computadores e sistemas operacionais, desenvolvendo e gerenciando aplicativos, programas e novos sistemas que atendam a uma demanda observada. Este profissional pode ainda se debruçar sobre o gerenciamento de bancos de dados já existentes e sua otimização. 

Veja também: Engenharia: como as mulheres estão ganhando espaço nesse curso

Engenharia de Telecomunicações: R$10 mil

Neste segmento estão locados os profissionais responsáveis pelo planejamento, projeto, operação e manutenção dos sistemas eletrônicos e de telecomunicações. Este engenheiro estuda e projeta instrumentos que irão garantir a comunicação por sistemas de telefonia, rádio e televisão, além de trabalhar com a transmissão de dados em redes de computadores, com o gerenciamento dos sistemas de cabeamento e o desenvolvimento de novas tecnologias que otimizem a transmissão de informações. 

Engenharia Química: R$7 mil a R$10 mil

Este ramo da engenharia estuda e pesquisa maneiras pelas quais materiais podem ser processados quimicamente, transformando matérias prima em produtos apropriados para o nosso consumo. O profissional formado na área desenvolve e supervisiona industriais, elaborando, controlando, desenvolvendo e gerenciando processos. 

Engenharia de Dados: R$9 mil

O profissional formado nesse itinerário trabalhará com a transformação de dados brutos em informações complexas. Este engenheiro coleta, armazena, estrutura, organiza e distribui dados utilizando a tecnologia a seu favor. 

Engenharia de Materiais: R$9 mil

Este campo da engenharia estuda a concepção de novos materiais, que podem melhorar a produção industrial de determinada categoria de produto. Resistência, durabilidade, flexibilidade e a aplicação do material são alguns dos aspectos sobre os quais este engenheiro irá trabalhar. Alguns profissionais se especializam em materiais específicos, como cerâmica, plásticos ou metais. 

Engenharia de Mecânica: R$7 mil a R$9 mil

Outro curso muito popular dentre as engenharias, o profissional formado em engenharia mecânica desenvolve e projeta máquinas, motores e sistemas. Sua área de atuação, como presumido pelas habilidades exigidas ao profissional, é muito ampla. Esse engenheiro pode acompanhar e projetar peças, inspecionar linhas de produção, aprimorar sistemas, gerir equipes e pesquisar maneiras de otimizar a produção industrial. 

Como é a faculdade de engenharia?

A primeira escola de engenharia do mundo surgiu em Veneza, na Itália, em 1506. No Brasil, a Academia Real Militar, edificada em 1810, é o mais antigo registro do ensino de engenharias por aqui. Hoje, os cursos de engenharia no país representam uma porcentagem considerável do total de itinerários oferecidos pelas instituições de ensino superior. 

Geralmente, nos primeiros anos do curso estão concentradas as disciplinas que serão a base da formação do engenheiro, tais qual cálculo, física, álgebra, geometria, química e estatística. Após o aluno ter adquirido os conteúdos necessários do ciclo básico, são inseridas as disciplinas específicas, onde conhecimentos voltados para a especificidade da formação começaram a ser estudados. Por exemplo, enquanto o graduando de Engenharia Civil estudará hidráulica e estruturas de concreto; o aluno de Engenharia Mecânica terá aulas de usinagem e termodinâmica. 

É comum que os cursos de graduação em engenharia tenham uma parte da carga horária dedicada a atividades práticas e de extensão universitária. O estágio curricular também é obrigatório na maioria das instituições. 

Ficou interessado em cursar engenharia? Separamos uma lista de universidades que oferecem esses cursos, credenciadas pelo MEC e com condições especiais para novos alunos. Só escolher!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin