Atividades e cursos para quem acabou o Ensino Médio

Após terminar o Ensino Médio, muitos estudantes enfrentam aquela crise do ?o que eu vou fazer agora??. Se esse for o seu caso, continue a leitura desse artigo para conferir dicas e sugestões de atividades e cursos para quem acabou o Ensino Médio. Nossa intenção é ajudar você nessa importante decisão.

A vida adulta chega para todos, e com o fim dos estudos no ensino básico, surge uma pressão – externa e interna – para que o jovem ingresse na universidade e inicie uma profissão. Parece que é a hora de colocar em prática aquela famosa frase ?o que quero ser quando crescer?.

Mas nem sempre o estudante se decidiu sobre o caminho a seguir ou não está bem convencido sobre a carreira que deseja ingressar. Ou pode até saber o que quer, mas não se sente preparado para tomar essa decisão tão importante.

Não desanime! Esse questionamento é muito comum nessa fase. E você não precisa ficar parado durante esse período. Há diversas opções de atividades e cursos para quem acabou o Ensino Médio para ajudar você a tomar uma decisão.

Teste vocacional

Se você não tem ideia ou não está convencido sobre quais profissões e carreiras mais combinam com o seu perfil, a solução pode estar nos testes vocacionais.

Com base em questionários com perguntas e respostas, o teste vocacional irá traçar o seu perfil profissional. Considerando sua personalidade e preferências, essa ferramenta irá indicar as profissões mais adequadas ao seu perfil.

Confira um teste vocacional simples e gratuito que preparamos para você:

https://www.guiadacarreira.com.br/teste-vocacional/

Faça um curso de idioma

Saber fluentemente uma segunda e até terceira língua atualmente é essencial para quem deseja se destacar no mercado de trabalho. E essa é uma excelente opção de curso para quem acabou o Ensino Médio!

Você pode aproveitar o momento para aprender ou aprimorar um idioma e não perder o pique dos estudos.

Leia também: Conheça os 5 melhores cursos intensivos de idiomas

Voluntariado 

Participar de um programa de voluntariado pode ser muito benéfico. Além de contribuir para alguma causa pela qual o voluntário se identifica e ser uma ótima oportunidade de crescimento pessoal, atualmente muitas empresas valorizam profissionais com essa experiência.

Esse tipo de atividade pode ser exercida em diferentes instituições e para os mais diversos objetivos e causas. Pode ser com foco no meio ambiente, no cuidado com animais, social, cultural, artístico, educativo, trabalhos com crianças ou idosos, em comunidades e centros comunitários, realizados à distância ou presencialmente, entre outras inúmeras opções.

O mais importante é escolher aquela que mais tem sentido para o voluntário, mais adequada ao seu perfil.

Para começar, você pode procurar por ONGs e instituições que aceitam esse tipo de trabalho e se oferecer como voluntário.

Que tal um intercâmbio?

Há quem diga que esse é o melhor momento para um intercâmbio, por ser um período de transição para a vida adulta. E há inúmeras opções no exterior de cursos para quem acabou o Ensino Médio. Além de aprender algo novo e aprimorar um idioma, a experiência cultural adquirida com um intercâmbio é muito positiva e contará vários pontos no seu currículo

Dicas de leitura:

Procurar uma vaga de emprego

Para muitos jovens que terminam o Ensino Médio, o desejo para o momento é conquistar a independência financeira. Trabalhar e ter seu próprio dinheiro pode trazer muitas vantagens, mas por outro lado, o tempo dedicado ao emprego pode afastar o profissional de outras possibilidades, como curso superior.

Por isso, é muito importante ponderar essa questão e traçar um planejamento de carreira, e também reservar uma parte do salário para investir na qualificação profissional.

Além da procura por emprego nas empresas privadas, uma opção é prestar concurso público. Estabilidade financeira e benefícios trabalhistas são os principais motivos que levam as pessoas a se inscreverem no processo seletivo para funcionário público. Há muitas opções de concurso público para profissionais com ensino médio, nas mais diferentes áreas e funções.

Contudo, a seleção costuma ser bem concorrida, sendo necessário estudar e se preparar para conquistar uma boa pontuação no exame.

Faça um curso técnico

O técnico é uma ótima opção de curso para quem terminou o Ensino Médio e não deseja ingressar direto na universidade.

O curso técnicos é excelente para aprender um ofício e se preparar para o mercado de trabalho. Há muitas vagas de trabalho para profissionais técnicos, tanto nas empresas privadas quanto em concursos públicos.

Diferente da faculdade, o curso técnico é focado em atividades específicas da área, e por isso tem uma duração menor, de cerca de dois anos. Também pode ser uma boa opção para o estudante adquirir conhecimentos técnicos sobre a profissão que deseja seguir e já entrar na faculdade com esse diferencial.

O Governo Federal possui um programa que facilita o acesso ao ensino técnico, de forma totalmente gratuita. O Pronatec, como é chamado, também oferece bolsas de estudo parciais, que ajudam os estudantes a terem descontos nas mensalidades durante todo o curso.

Leia mais:

Cursos livres

Há também outras opções de cursos para quem acabou o Ensino Médio: os livres. Estes são um modelo de curso sem pré-requisitos acadêmicos, ou seja, pode ser feito por pessoas de qualquer nível escolar.

Eles são diversos, podendo ser profissionalizantes ou não. Há cursos livres de corte e costura, artes, desenho, fotografia, artesanato, música, culinária, jardinagem, decoração, manicure, barbearia e outros.

Ingresse na faculdade

Se você está decidido sobre qual curso superior gostaria de fazer e se sente preparado para o ensino superior, então é o momento de enfrentar o vestibular e se matricular em uma universidade.

Essa é uma decisão importante, pois é o primeiro passo na construção de uma carreira sólida. Normalmente, o curso superior possui uma carga horária maior de aulas, durando cerca de 4 a 6 anos de estudos, com exceção da modalidade dos Tecnólogos, que costumam levar 2 anos para conclusão. Além desse, há o Bacharel, que é a modalidade mais comum, e a Licenciatura, voltada para quem deseja dar aulas.

Saiba mais: Veja a diferença entre bacharelado, tecnólogo e licenciatura

Há diferentes formas de se matricular em uma instituição de ensino superior. Você pode prestar o vestibular tradicional, em universidades públicas ou privadas, conquistar uma vaga pelos programas governamentais, como Enem, Prouni, Sisu e Fies, ou tentar uma bolsa de estudo diretamente com a universidade escolhida.

Confira algumas universidades particulares reconhecidas pelo MEC que aceitam todas essas modalidades de acesso ao ensino superior:

E aí, qual dessas possibilidades mais te animou? Deixe um comentário aqui embaixo pra gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin
Descubra a faculdade certa para você!