dcsimg

Saiba tudo sobre o curso de Gastronomia da Estácio de Sá

Tem vontade de estudar Gastronomia na Estácio? Veja agora mesmo tudo o que precisa saber sobre o curso e a faculdade!

Gastronomia é uma das áreas mais pulsantes do Brasil – uma profissão que se destaca pelo potencial de inovação mostrado na última década e por atrair um número gigantesco de jovens talentosos.

A Universidade Estácio de Sá, por sua vez, é uma das instituições de ensino mais tradicionais do país, com presença em praticamente todo o território nacional.

Não é de se espantar que fazer Gastronomia na Estácio está nos planos de quem quer entrar com tudo em um mercado de trabalho tão concorrido.

Ficou interessado? Então saiba tudo sobre o curso de Gastronomia da Estácio de Sá a seguir!

O curso de Gastronomia da Estácio de Sá

Na Estácio, Gastronomia é um curso superior de tecnologia com dois anos de duração.

Está disponível apenas em algumas cidades e somente na modalidade de ensino presencial – ou seja: o aluno precisa estar na faculdade todos os dias da semana, em horários predeterminados, para acompanhar as aulas teóricas e práticas.

O curso faz um panorama das principais culturas alimentares do planeta, prepara o aluno para lidar com as principais técnicas de preparações de alimentos e trata também da gestão de empreendimentos no setor de alimentação e bebidas.

Na Estácio, além das salas de aulas, os estudantes de Gastronomia realizam atividades em laboratórios de panificação, confeitaria e cozinha industrial. Têm à disposição também um espaço de recepção, onde aprendem a montar mesa, receber convidados, etc.

Embora o diploma de nível superior não seja obrigatório para atuar na área de Gastronomia, o mercado cada vez mais exigente tem feito com que as empresas deem preferência a profissionais mais qualificados.

Com o diploma em mãos, os profissionais podem tentar vaga em cozinhas de restaurantes de todos os tipos no país, até nos mais estrelados. Eles podem atuar como chef, personal chef, auxiliar, gestor de empreendimentos e muito mais.

Também podem fazer cursos de pós-graduação ou prestar concursos públicos de nível superior, se for o caso.

O que se estuda no curso de Gastronomia da Estácio de Sá

Vai fazer Gastronomia na Estácio? Então prepare-se para encarar uma graduação curta, porém intensa.

Ao longo de dois anos, os estudantes vão, literalmente, colocar a mão na massa.

Veja algumas das disciplinas oferecidas:

  • Antropologia da Alimentação Humana
  • Higiene e Segurança de Alimentos
  • Nutrição Básica
  • Preparações Preliminares na Cozinha
  • Gastronomia Saudável e Sustentável
  • Panificação e Confeitaria
  • Técnicas de Cozinha
  • Administração de Negócios Gastronômicos
  • Cozinha Brasileira (Sul, Sudeste, Centro Oeste)
  • Cozinha na Hotelaria
  • Custos em Restaurantes
  • Eventos Gastronômicos
  • Cozinha Asiática
  • Cozinha Mediterrânea
  • Marketing em Gastronomia
  • Cozinha Contemporânea e Tendências
  • Cozinha Regional Francesa
  • Enologia, Drinks e Aperitivos
  • Gerência de Cozinhas

Onde encontrar o curso de Gastronomia da Estácio de Sá

O curso de Gastronomia da Estácio de Sá está disponível em cinco cidades brasileiras:

  • Salvador (BA)
  • Belo Horizonte (MG)
  • Rio de Janeiro (RJ)
  • Florianópolis (SC)
  • São Paulo (SP)

Por enquanto, a instituição não oferece a possibilidade de estudar Gastronomia a distância.

Quanto custa estudar Gastronomia na Estácio de Sá

Os valores das mensalidades da Estácio variam de acordo com a unidade escolhida.

Em Salvador e Florianópolis, por exemplo, pode ir de R$ 780 a R$ 900, dependendo do período de estudos – o matutino muitas vezes sai mais em conta do que o noturno.

Em São Paulo, o valor é um só: R$ 980.

Em Belo Horizonte, custa entre R$ 980 e R$ 1.200.

O Rio é a cidade que tem as mensalidades mais caras – talvez por ter os laboratórios mais bem equipados. Estudar Gastronomia por lá custa entre R$ 1.620 e R$ 1.700. O curso pode ser encontrado em duas unidades, na Barra da Tijuca e no Centro.

Como ganhar bolsa ou financiar o curso de Gastronomia da Estácio de Sá

Como você pode ver, Gastronomia não está entre os cursos mais baratos oferecidos pelas faculdades particulares.

Para perseguir o sonho de brilhar nas cozinhas, muitos estudantes precisam recorrer a programas de bolsas e financiamentos.

Veja alguns que a Estácio oferece:

  • ProUni – É o programa de bolsas do governo federal voltado a quem fez o Enem mais recente e se deu bem nas provas. Aqui é possível estudar Gastronomia na Estácio sem pagar nada. A seleção, que é bem concorrida, abre duas vezes por ano e está disponível para quem atende ao perfil socioeconômico determinado pelo MEC. Leva quem tiver a maior nota.
  • FIES – Financiar Gastronomia a juros baixos e ganhar um prazo generoso para pagar a dívida pode ser decisivo para muitos estudantes que estão sem condições de bancar o curso no momento. Para solicitar o FIES é preciso ter feito qualquer Enem a partir de 2010 e atender aos requisitos de desempenho nas provas e renda familiar. A seleção também ocorre duas vezes ao ano.
  • PAR/Estácio – É um parcelamento facilitado com aprovação rápida e sem burocracia. Com ele, dá para pagar até 70% do valor da mensalidade no dobro do tempo do curso. Não é preciso ter feito o Enem, apresentar fiador ou ter conta em banco.

Outras faculdades que oferecem o curso de Gastronomia

Como o curso da Estácio está disponível em poucas cidades pelo Brasil, quem mora em regiões diferentes talvez tenha que optar por outras faculdades.

O desafio é encontrar uma instituição que ofereça ensino com qualidade similar, cobre preços acessíveis e esteja perto de você.

Para facilitar sua vida, a gente separou algumas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que contam com o curso de Gastronomia.

Confira:

Nessa relação, quatro faculdades oferecem a opção de estudar Gastronomia tanto presencialmente quanto a distância (EAD): o Centro Educacional Anhanguera (ANHANGUERA), a Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL), a Universidade Cidade de São Paulo (UNICID) e a Universidade de Franca (UNIFRAN).

Os cursos de Gastronomia EAD são oferecidos de forma semipresencial, em que parte das aulas são feitas presencialmente e parte online. Como têm o reconhecimento do MEC, o diploma é válido e bem aceito no mercado de trabalho, normalmente.

Veja também:

Qual é o salário de Gastronomia?

Vai tentar Gastronomia na Estácio ou em outra faculdade? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin