Conheça a profissão Engenharia de Sistemas

Saiba como e onde fazer o curso de Engenharia de Sistemas e entrar numa das profissões mais importantes do século!

Praticamente todos os serviços que movem a humanidade têm, como base, um grande conjunto de sistemas de inteligência tecnológica por trás.

Não acredita?

Pois pense nas ferramentas que gerenciam os fluxos de aviões, as que medem o consumo de água na sua casa, as que garantem o funcionamento e interligação de sistemas médicos, GPS, telefonia e até a própria internet: tudo isso é sistema!

O engenheiro de sistemas é um dos tantos profissionais que colaboram para o desenvolvimento, implementação e melhoria dessas plataformas – uma das atividades mais importantes do nosso século!

A seguir, conheça a profissão de Engenharia de Sistemas e saiba onde e como estudar!

A profissão Engenharia de Sistemas

A Engenharia de Sistemas é fundamental para todas as áreas da economia.

No Brasil, é uma atividade indispensável em empresas de tecnologia e indústrias diversas: mineração, petroquímica, automotiva, farmacêutica, portos, aeroportos, construção civil, supermercadista, etc.

O profissional é focado no desenvolvimento de plataformas tecnológicas para cada necessidade. Entre suas tantas atividades possíveis estão o levantamento de funcionalidades, interface com usuários, documentação, requisitos, operação, custos, performance, desenvolvimento, segurança, treinamento, instalação e outros tantos.

O mercado de trabalho para engenheiro de sistemas é excelente. Não faltam oportunidades em empresas de diversos portes, especialmente para quem investir na gestão de equipes de tecnologia.

Como boa parte das funções que empregam engenheiros, há boas chances de ganhar bons salários em todas as partes do país.

O serviço público também é um grande empregador desse tipo de engenheiro.

Mas como será que está a oferta de cursos de Engenharia de Sistemas pelo país?

Vamos conferir no próximo tópico.

O curso de Engenharia de Sistemas

O curso de Engenharia de Sistemas está disponível em apenas cinco universidades pelo país – quatro delas na rede pública de ensino e todas somente na modalidade presencial.

Veja onde encontrar:

  • Universidade de Araraquara (UNIARA)
  • Fundação Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC)
  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  • Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES)
  • Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS)

Com uma oferta pequena, você pode estar se perguntando: quem não mora nas cidades atendidas por essas faculdades, como faz para obter formação em Engenharia de Sistemas?

Bom, na prática o engenheiro que quer atuar com sistemas não precisa necessariamente fazer esse curso. Ele pode recorrer a outras engenharias similares, como a de Computação, Controle e Automação, de Informação, de Telecomunicações, Robótica e de Software.

Com o leque de opções expandido, o número salta para quase 400 instituições pelo Brasil. Várias delas ainda trazem a possibilidade de estudar a distância – uma modalidade que tem se tornado cada vez mais popular por aqui e ainda não está disponível para Engenharia de Sistemas.

Os cursos de Engenharia são oferecidos em grau de bacharelado e têm cinco anos de duração. Os cursos a distância são oferecidos de forma semipresencial, com uma frequência alta de encontros presenciais ao longo do semestre. Têm reconhecimento do Ministério da Educação (MEC) e rendem um diploma válido no mercado de trabalho.

Lembrando que todo engenheiro formado precisa se inscrever no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) para poder atuar normalmente no mercado de trabalho.

O que se estuda em Engenharia de Sistemas

Está pensando em fazer Engenharia de Sistemas ou um curso similar? Então prepare-se!

Ao longo de cinco anos, o curso irá exigir bastante estudo e raciocínio lógico por parte dos estudantes.

Conheça algumas disciplinas que esperam por você:

  • Algoritmos e estruturas de dados
  • Análise de circuitos elétricos
  • Análise de sistemas dinâmicos lineares
  • Análise numérica
  • Cálculo diferencial e integral
  • Computação evolucionária
  • Conversores eletromecânicos
  • Dispositivos e circuitos eletrônicos básicos
  • Eletromagnetismo computacional
  • Engenharia de controle
  • Engenharia de software
  • Equações diferenciais
  • Fluidos e termodinâmica computacional
  • Fundamentos de eletromagnetismo
  • Fundamentos de mecânica dos sólidos e fluidos
  • Fundamentos de óptica
  • Fundamentos de termodinâmica
  • Geometria analítica e álgebra linear
  • Modelos estatísticos e inferência
  • Otimização não-linear
  • Pesquisa operacional
  • Probabilidade
  • Processamento de sinais
  • Programação orientada a objetos
  • Redes de computadores
  • Redes neurais artificiais
  • Sistemas digitais
  • Sistemas nebulosos
  • Sistemas processadores e periféricos
  • Técnicas de modelagem de sistemas dinâmicos
  • Teoria da decisão

O curso ainda tem uma alta carga de atividades práticas. Ao longo dos cinco anos, os alunos vão ter aulas em laboratórios como:

  • Circuitos elétricos e eletrônica
  • Projeto
  • Sistemas digitais

Onde fazer o curso de Engenharia de Sistemas

O curso de Engenharia de Sistemas você já sabe onde fazer (veja mais acima). São poucas instituições, a maioria na rede pública (que é difícil de entrar) e que só oferecem vagas presenciais.

Para muita gente, o jeito é recorrer a faculdades que oferecem cursos similares na área de Engenharia.

Aí, com um universo de centenas de faculdades à disposição, fica mais fácil de escolher.

Para quem busca um ensino de qualidade, aqui vai uma dica que nunca falha: observe o desempenho da faculdade escolhida junto ao MEC. Se as notas nos quesitos avaliados ficarem entre 3 e 5, pode se matricular.

Isso vale para cursos presenciais e a distância. Uma faculdade bem avaliada pode ser um diferencial importante no seu crescimento profissional, nunca se esqueça.

Abaixo, a gente tem algumas dicas de faculdades bem avaliadas que trazem cursos de engenharia na área de sistemas. Dê uma olhada e escolha a sua:

Veja também:

Saiba tudo sobre o curso de Engenharia da Computação EAD 

O que achou do curso de Engenharia de Sistemas? Dá para encarar ou vai ter de buscar um similar? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin