Descubra o que faz um escrivão

Saiba qual é a função do escrivão, esse cargo policial tão importante!

Você já deve ter visto por aí que o cargo de escrivão é um dos mais procurados em concursos públicos.

Só que muita gente não tem ideia de qual função esse profissional desenvolve e por que essa posição é tão cobiçada.

Bom, a gente já começa dizendo que o escrivão tem um papel estratégico para o bom andamento de inquéritos policiais.

Quer saber mais?

Então descubra a seguir o que faz um escrivão e os passos que você deve seguir para se tornar um!

O que faz um escrivão

O escrivão trabalha na formalização e documentação de inquéritos policiais.

Trata-se de uma função de extrema importância para o bom andamento do dia a dia de uma delegacia.

Ele é uma espécie de auxiliar direto do delegado, a pessoa que conhece a fundo todos os setores do seu local de trabalho e todos os trâmites burocráticos.

Para ser um bom escrivão é preciso ter pensamento ágil. Muitas vezes ele terá de ouvir e redigir ao mesmo tempo, enquanto analisa um inquérito e anota tudo em um livro oficial.

Sim, os escrivães têm uma rotina bem dinâmica.

Mas sua função não se resume apenas a documentar. Conheça algumas outras de suas responsabilidades:

  • Fazer indiciamentos e prisões em flagrante.
  • Fazer identificação, recolhimento e soltura de presos.
  • Elaborar boletins de ocorrência quando alguém chega à delegacia para prestar queixa.
  • Anotar informações sobre andamento de investigação e processos em livros oficiais.
  • Recolher fianças.
  • Garantir que todos os autos de investigação sejam transformados em documentos para o inquérito policial.
  • Recolher e guardar objetos, armas e documentos que serão atrelados ao inquérito policial.
  • Ouvir as partes envolvidas em um processo para ajudar na apuração de fatos.
  • Cumprir mandados de prisão, autos de apreensão, ordens de serviço, acareação, reconhecimento de pessoas ou objetos.
  • Realizar intimações, citações e notificações.
  • Encaminhar vítimas para exames de corpo de delito e perícias.

Um bom escrivão é um profissional extremamente organizado, com bom raciocínio lógico, porque vai ter de lidar com centenas de casos todos os dias, papeladas, processos, burocracias.

Também é preciso muita disposição física, já que de vez em quando terá de acompanhar o delegado em diligências (para efetuar prisão em flagrante, por exemplo).

O escrivão trabalha para a Polícia Civil ou Federal.

Veja a seguir como se tornar um!

Como se tornar um escrivão

O cargo de escrivão é ocupado por meio de concurso público.

Os interessados em participar precisam verificar se atendem aos requisitos necessários:

  • Idade mínima de 18 anos até a data da posse.
  • Ser brasileiro nato, naturalizado ou, em caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo Estatuto da Igualdade entre Brasileiros e Portugueses.
  • Não ter antecedentes criminais.
  • Estar em dia com as obrigações eleitorais e militares (este último somente para candidatos do sexo masculino).
  • Estar em pleno exercício de seus direitos civis e políticos.
  • Possuir curso superior em qualquer área.
  • Ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH) na categoria “B”.

Os concursos são bastante concorridos e podem ser oferecidos tanto pela Polícia Civil quanto pela Polícia Federal. Boa parte é composta de provas objetivas e dissertativas sobre conhecimentos gerais: língua portuguesa, língua inglesa, legislação, direito, raciocínio lógico e atualidades.

Os que passarem para a segunda fase do concurso devem se submeter a testes de aptidão física e mental. Caso sejam aprovados em todas as etapas, participam de um curso de formação.

O escrivão atua em delegacias gerais e especializadas da corporação. Ele trabalha em cidades do estado para o qual prestou o concurso, podendo ser alocado na capital ou no interior.

Quanto ganha um escrivão

O salário médio de um escrivão da Polícia Civil varia de estado para a estado, mas, no geral, a média para quem os recém-aprovados em concurso flutua entre R$ 3.800 e R$ 5.000.

Conforme vão ganhando experiência, os salários vão subindo.

Quem quer ganhar mais pode considerar o cargo de escrivão na Polícia Federal.

Aqui o salário é quase o triplo: por volta de R$ 12.000.

O desafio é conseguir a vaga, já que os concursos federais, além de terem um alto nível de dificuldade, são concorridíssimos.

Melhores cursos para quem quer ser escrivão

No concurso e ao longo de todo o exercício profissional, os escrivães precisam dominar conhecimentos como legislação, Direito Constitucional, Direito Civil, Direito Processual e Direitos Humanos.

Isso sem falar, claro, no amplo conhecimento sobre língua portuguesa, já que parte de sua atividade diária consiste em escrever em livros oficiais.

Domínio de lógica, gestão e indexação também são fundamentais para o bom desempenho profissional.

Por isso, quem já sabe desde cedo vai tentar o cargo de escrivão pode investir em cursos que dão uma boa base para o concurso, como:

  • Direito
  • Matemática
  • Biblioteconomia
  • Engenharia (todas)
  • Administração
  • Investigação Forense e Perícia Criminal
  • Ciências da Computação
  • Ciência de Dados e Inteligência Artificial
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão de Serviços Judiciários e Notariais
  • Gestão em Logística
  • Gestão Financeira
  • Informática
  • Serviços Penais
  • Tecnologia da Informação

Se você já tem curso superior em outra área de formação, recomenda-se investir em cursinhos preparatórios e no estudo intensivo dos principais conhecimentos requeridos para o desempenho da função de escrivão.

Onde estudar para ser escrivão

Seja nos cursos recomendados ou em qualquer outra formação, é importante chegar ao concurso para escrivão com uma base de conhecimentos!

Isso só se adquire com muito estudo e formação de alto nível.

Por isso, procure sempre estudar em faculdade reconhecida e bem avaliada pelo MEC.

Além de preparar seu caminho para o serviço público, um bom diploma abre portas em qualquer mercado de trabalho.

Conheça abaixo algumas boas faculdades que oferecem a maioria dos cursos recomendados para quem quer ser escrivão:

Veja também:

Conheça a profissão perito criminal e veja onde estudar

Pensando em ser escrivão? Qual curso você vai fazer? Conte para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin