Descubra quanto ganha um engenheiro de horticultura

Descubra qual é o salário de um engenheiro de horticultura e o que estudar para exercer essa profissão.

A profissão de engenheiro de horticultura (ou engenheiro horticultor) oferece salários atraentes e é uma ótima opção para quem tem afinidade com o setor agrícola.

Quer saber qual é o salário desse profissional e qual é a formação necessária para seguir a carreira? Leia nosso artigo até o final!

Quanto ganha um engenheiro de horticultura?

De acordo com uma pesquisa realizada pelo site Salário.com.br, o salário de um engenheiro de horticultura pode variar de R$ 6.879,61 a R$ 19.115,29. 

A pesquisa foi elaborada a partir de dados recentes do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) e analisou ao todo 2.821 salários.

Média salarial por estado

Veja agora a média salarial para o cargo de engenheiro horticultor em cada estado segundo a pesquisa citada:

  • São Paulo: R$ 9.301
  • Paraná: R$ 7.999
  • Minas Gerais: R$ 6.818
  • Goiás: R$ 8.018
  • Mato Grosso: R$ 6.368
  • Rio Grande do Sul: R$ 6.053
  • Bahia: R$ 5.611
  • Mato Grosso do Sul: R$ 6.898
  • Maranhão: R$ 4.260
  • Rondônia: R$ 3.184
  • Santa Catarina: R$ 6.219
  • Distrito Federal: R$ 14.056
  • Pará: R$ 5.211
  • Tocantins: R$ 4.829
  • Ceará: R$ 11.258
  • Piauí: R$ 6.650
  • Rio de Janeiro: R$ 8.843
  • Pernambuco: R$ 8.294
  • Espírito Santo: R$ 3.849
  • Sergipe: R$ 10.919
  • Alagoas: R$ 6.569

O que um engenheiro de horticultura faz?

Entre as atividades que um engenheiro de horticultura pode desempenhar, destacam-se:

  • Planejar, gerenciar e supervisionar o cultivo de plantas ornamentais, frutas, hortaliças, plantas medicinais, aromáticas e condimentares, desde o plantio até a comercialização dos produtos.
  • Supervisionar o preparo do solo e de substratos, a montagem de sistemas de irrigação e drenagem. 
  • Selecionar sementes e mudas.
  • Planejar a adubação e acompanhar o emprego de fertilizantes e adubos, assim como o combate a doenças e pragas.
  • Prestar assessoria técnica a produtores e empresas da área de horticultura. 
  • Orientar o manejo de solo, adubação e receituários técnicos para a área de horticultura. 
  • Realizar vistorias, perícias, avaliações e emitir laudos e pareceres técnicos em sua área de formação.

Campo de atuação

Os principais locais onde o engenheiro horticultor pode atuar são:

  • Cooperativas e associações.
  • Empresas de armazenamento e distribuição de produtos hortícolas.
  • Empresas de certificação.
  • Empresas de comercialização de insumos e produtos destinados à horticultura.
  • Empresas de planejamento, desenvolvimento de projetos, assessoramento técnico e consultoria.
  • Empresas, propriedades rurais e empreendimentos agrícolas de todos os portes.
  • Organizações não governamentais.
  • Órgãos públicos.
  • Viveiros de produção de mudas.
  • Institutos e centros de pesquisa.
  • Instituições de ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.

O que estudar para ser engenheiro horticultor?

Os cursos de Engenharia Agrícola e Agronomia permitem atuar no ramo de horticultura, pois proporcionam uma formação abrangente ao estudante, capacitando-o para atuar em diferentes segmentos do setor agrícola (incluindo o de horticultura).

Além disso, esses cursos são ofertados por diversas instituições do país e também existem na modalidade semipresencial, o que garante flexibilidade de horários ao estudante.

Existe ainda a graduação tecnológica em Horticultura, que proporciona o título de tecnólogo em Horticultura. O curso tem duração aproximada de 3 anos e existe somente na modalidade presencial.

Pouquíssimas instituições têm o curso de Horticultura, uma delas é o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano. E, de acordo com informações do Cadastro Nacional de Cursos e Instituições de Educação Superiores (e-MEC), não existe nenhum curso de Engenharia de Horticultura no Brasil. 

Fizemos esse esclarecimento porque é normal achar que para ser engenheiro horticultor é preciso cursar a faculdade de Engenharia de Horticultura. Porém, como explicamos, as melhores opções para trabalhar na área são os cursos de Engenharia Agrícola e Agronomia, ambos bacharelados.

Onde estudar?

Pesquisamos para você duas faculdades que têm o curso de Agronomia reconhecido pelo MEC com mensalidades acessíveis. Como vimos, a graduação em Agronomia é uma opção de formação para quem deseja trabalhar no segmento de horticultura.

Nas instituições a seguir, você ainda encontrará facilidades de ingresso, como bolsas de estudos, descontos especiais e ingresso via Enem:

Saiba mais:

Descubra quanto ganha um agrônomo

Engenharia Agrícola – Conheça a importância desse profissional

Depois de saber qual é o salário de um engenheiro de horticultura e o que estudar para seguir essa carreira, responda nos comentários: você vai fazer uma faculdade para trabalhar com horticultura? Qual?

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin