dcsimg

Descubra quanto ganha um técnico em administração

O cargo de técnico em administração pode ser uma boa porta de entrada no mundo do trabalho. Veja quanto ganha esse profissional e como subir na carreira!

O técnico em administração é um profissional de nível médio bastante requisitado.

Por conhecer e saber lidar com rotinas administrativas, pode trabalhar em empresas de praticamente qualquer tamanho e segmento da economia.

Acontece que camarão que dorme a onda leva, como diz o samba da Beth Carvalho. Por isso, o técnico em administração que for mesmo esperto vai investir em mais qualificações para alcançar salários mais interessantes.

Descubra agora mesmo quanto ganha um técnico em administração de acordo com várias pesquisas salariais e o que fazer para turbinar a carreira!

Quanto ganha um técnico em administração

De acordo com a plataforma de empregos Catho, um técnico em administração ganha em média R$ 1.800 no Brasil, sendo que Minas Gerais, São Paulo e Distrito Federal oferecem as melhores remunerações.

Já o site Trabalha Brasil traz dados organizados por tempo de experiência do profissional e o porte da empresa contratante, detalhando um pouco mais a remuneração mínima e máxima do técnico em administração. Confira os valores aproximados:

  • Em empresa pequena: R$ 1.000 a R$ 1.900
  • Em empresa média: R$ 1.300 a R$ 2.300
  • Em empresa grande: R$ 1.500 a R$ 2.700

Já melhorou a situação, não é mesmo?

Agora, vejamos os dados do levantamento realizado pela plataforma Salário.com.br, com dados do Ministério do Trabalho e Emprego.

Aqui, a média salarial do técnico em administração fica em R$ 2.400, aproximadamente, variando entre R$ 1.000 e R$ 6.400. É claro que esses salários mais altos são reservados para quem tem bastante tempo de experiência, alto desempenho e qualificações extras.

Quer saber como aumentar ainda mais suas chances de conquistar uma remuneração interessante no departamento administrativo? Confira a seguir!

Como um técnico em administração pode turbinar a carreira?

Num mercado tão competitivo quanto o da administração, com novos profissionais chegando todos os dias, investir em qualificação é uma questão de sobrevivência.

Se falarmos em formação de nível técnico, algumas possibilidades envolvem fazer cursos ligados à área em que o profissional já atua, como por exemplo:

  • Agente de Microcrédito
  • Almoxarife
  • Assistente de Planejamento e Controle de Produção
  • Assistente Administrativo
  • Auxiliar de Faturamento
  • Auxiliar de Crédito e Cobrança
  • Auxiliar de Pessoal
  • Auxiliar de Recursos Humanos
  • Auxiliar de Tesouraria
  • Auxiliar Financeiro
  • Assistente de Marketing
  • Assistente de Logística

E tem ainda as especializações técnicas em áreas como:

  • Administração de Materiais
  • Administração de Produção
  • Logística
  • Marketing
  • Recursos Humanos

No entanto, chega uma hora em que o certificado de técnico de nível médio não tem muito mais a oferecer em termos de remuneração. A carreira fica estagnada, pois há um limite para as responsabilidades que o profissional técnico pode assumir.

É aí que entra um passo importante: investir em um curso superior. Com ele, é possível alcançar cargos de analista, supervisor, coordenador e até gerente, multiplicando a remuneração!

A opção mais óbvia é fazer o bacharelado em Administração, que dura quatro anos.

Mas quem já sabe em que área pretende se especializar e quer acelerar a subida na escada corporativa pode optar por um curso superior de tecnologia (tecnólogo).

Com duração entre 2 e 3 anos, os tecnólogos ligados à Gestão e Negócios estão disponíveis em faculdades de todo o Brasil, nos formatos presencial e a distância. Tem opção para tudo quanto é perfil, olha só:

  • Comércio Exterior
  • Gestão Comercial
  • Gestão da Qualidade
  • Gestão de Cooperativas
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Financeira
  • Gestão Pública
  • Logística
  • Marketing
  • Negócios Imobiliários
  • Processos Gerenciais
  • Secretariado

Vai investir? Então confira a seguir onde estudar para turbinar sua carreira!

Onde estudar para turbinar a carreira

Tanto o curso de bacharelado em Administração como os tecnólogos relacionados a essa área são muito fáceis de encontrar em faculdades tradicionais e a distância por todo o Brasil.

Para quem já trabalha, o legal do formato a distância é que ele permite conciliar melhor as atividades do dia a dia com os estudos. E o melhor: com qualidade e diploma reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC).

Por falar nisso, independentemente do curso ou formato que você escolher, verifique se a faculdade tem o reconhecimento do MEC. É o que vai garantir que seu diploma terá validade em todo o território nacional e será valorizado no mercado.

E aqui vai uma última dica. É possível estudar com alta qualidade sem estourar o orçamento.

Separamos para você algumas faculdades muito bem avaliadas pelo MEC que oferecem cursos na área de administração e ainda participam de programas de bolsas de estudos e financiamentos estudantis.

Clique e conheça:

Veja também:

Descubra quanto ganha um profissional de RH

O que achou dos salários de técnico em administração? Está pensando em seguir essa carreira? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin