dcsimg

Como construir uma marca pessoal?

Você sabia que é importante ter uma marca pessoal? Não? Então descubra como construir essa marca e ter uma carreira de sucesso!

dicas-marca-pessoal

Quando se está desempregado é comum ficar desesperado, pois é uma situação bastante preocupante, principalmente quando se tem contas a pagar.

Neste caso, a melhor coisa a fazer é investir em algo que lhe dê bons frutos para o futuro da sua carreira, por isso invista o seu tempo livre para buscar cursos gratuitos que complementem a sua profissão.

No momento em que se encontra desempregado é fundamental tentar construir sua marca pessoal, para assim conseguir uma nova oportunidade de emprego.

Dicas para construir uma marca pessoal

As cinco (5) dicas importantes para conseguir construir a sua marca pessoal, são :

1 – Acredite na sua capacidade : Se você não acreditar em sua capacidade profissional, fica difícil conseguir  vender-se como um candidato capaz, e confiante. É importante parar de se diminuir, e entender que você tem ótimas qualidades.

2 – Seu perfil na rede social : Você pode não acreditar, porém é verdade sim, quando se escuta  falar que os recrutadores ou gerentes de RH, visualizam os perfis nas redes sociais, por isso, tome muito cuidado com  o que publicar em seu nome, pois é uma das formas mais sabotadoras para destruir  a sua marca profissional.

3 – Faça Networking : Os eventos profissionais são ótimos para fazer Networking  ainda mais quando se está desempregado, nesse tipo de eventos é possível conhecer pessoas influente,s que poderão vir a  oferecerem uma boa oportunidade. Porém, antes de participar desses eventos procure saber quais são as empresas que irão participar, para saber qual o profissional que você deve procurar para trocar experiências.

4 – Valorize os outros : É comum que quando se está procurando por uma oportunidade, você queira ressaltar apenas as suas qualidades, porém nesse momento é melhor demonstrar que sabe valorizar os pontos positivos em outras pessoas.

5 – Entenda o momento de desistir : É importante que fique atento aos contatos profissionais, porém, se depois de algumas trocas de e-mails ou ligações, e não obtiver respostas do recrutador, é melhor se dedicar a uma nova busca de oportunidade.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin