dcsimg

Como está o mercado de trabalho para Nutrição?

Veja onde estão as oportunidades de trabalho para os nutricionistas e as áreas que melhor remuneram estes profissionais!

NutriçãoQuem quer conhecer a fundo as propriedades nutricionais dos alimentos, a forma correta de alimentação para cada tipo de pessoa e as diferentes maneiras de levar uma vida saudável vai encontrar na Nutrição a carreira ideal.

Em crescimento no mercado de trabalho, a profissão oferece oportunidades para atuar em consultórios, clínicas, hospitais, hotéis, restaurantes, indústrias e redes de alimentos.

É uma carreira ampla, diversificada, que tem se tornado bastante popular no Brasil, especialmente junto a quem busca um estilo de vida mais de acordo com os novos tempos: alimentação consciente, livre de pesticidas, menos industrializada, mais saudável e que se encaixe na correria da vida moderna.

Se você está pensando em seguir esta carreira, descubra como está o mercado de trabalho para Nutrição, onde estão as melhores oportunidades e os melhores cursos de graduação!

Mercado de trabalho para Nutrição

Embora seja uma carreira que tem ganhado espaço no mercado de trabalho brasileiro, Nutrição também é uma área bastante concorrida. Quem quiser seguir nesta profissão vai ter que investir numa boa formação e, posteriormente, em especializações de diversos tipos.

A carreira oferece diversas áreas de atuação. Conheça algumas das mais tradicionais:

  • Consultórios
  • Clínicas
  • Supervisão de refeitórios em escolas, universidades, empresas, indústrias, etc.
  • Clubes esportivos
  • Cruzeiros
  • Buffets de festas
  • Fornecedores de alimentos para empresas aéreas
  • Agências públicas de fiscalização

Outras áreas que têm crescido bastante e exigido mais mão de obra são:

  • Pesquisa acadêmica
  • Pesquisa mercadológica
  • Indústria de alimentos
  • Reeducação nutricional
  • Rotulagem

Embora existam tantas possibilidades de atuação, o trabalho em consultórios particulares ainda é o mais comum entre os nutricionistas.

Melhores oportunidades para quem faz Nutrição

Os salários dos nutricionistas ainda variam muito, mas pesquisas de mercado indicam que as oportunidades mais lucrativas ainda estão nas grandes indústrias – a farmacêutica e a automobilística, principalmente. Nelas, os profissionais trabalham elaborando cardápios e acompanhando a produção de alimentos nos grandes refeitórios dessas empresas.

A indústria alimentícia – mais tradicional entre os nutricionistas – também oferece oportunidades interessantes. Além de atuar nos restaurantes, aqui o profissional trabalha na definição, seleção, tratamento e análise de nutrientes de alimentos que serão industrializados e levados ao consumidor.

Ele também analisa as quantidades de calorias, sódio, gordura, açúcar, proteínas e carboidratos de cada alimento que vai passar pelo processo de industrialização – sabe aquela tabela com informações nutricionais que vêm em todas as embalagens, de iogurte até a lasanha congelada? São os nutricionistas que fazem!

Outra área que oferece boa remuneração é o serviço público. Só que aqui tem um porém: é preciso ser aprovado num concurso, que geralmente é bem concorrido. A oferta de vagas também é bastante restrita. Superada essa etapa, o nutricionista pode obter bons salários em agências de fiscalização, universidades e institutos federais de educação.

A área acadêmica, aliás, também vem crescendo bastante. O aumento no número de graduações em Nutrição tem demandado mais e mais professores na área, o que pode ser uma boa alternativa a quem gosta de docência e pesquisa. Ter formação de alto nível (mestrado ou doutorado) é fundamental nesse caso, especialmente para quem pretende ser contratado por uma faculdade pública.

Sobre a carreira em Nutrição

O nutricionista é um profissional da área de Saúde que tem uma missão nobre: ajudar as pessoas a reverem seus hábitos através da reeducação alimentar. Ele passa anos estudando a estrutura e o funcionamento do corpo humano e o impacto de cada alimento na nossa dieta cotidiana.

No Brasil, em especial, vivenciamos uma epidemia de obesidade entre crianças e adultos. Estudos indicam que mais de 50% da população está acima do peso. Se nada for feito, a estimativa é que em menos de dez anos o país contabilize pelo menos 75 milhões de crianças nessa situação – o que nos colocará nas primeiras posições da lista dos países com mais obesos no planeta.

Isso decorre de diversos fatores. Entre os principais responsáveis estão os maus hábitos alimentares (comida com alto teor de sódio e açúcar).

Com isso, cresce o número de pessoas que buscam apoio profissional para perder peso ou melhorar a qualidade de vida com a ajuda da reeducação alimentar.

É uma profissão com grande potencial de expansão nos próximos anos, também na área de nutrição esportiva (para melhorar o desempenho dos atletas) e acompanhamento nutricional para pacientes com doenças crônicas ou que se submeteram à cirurgia bariátrica (redução de estômago).

O curso de Nutrição

No Brasil, a profissão de nutricionista é regulamenta por lei. Quem quiser seguir carreira nesta área tem que fazer o curso de graduação em Nutrição em uma instituição de ensino reconhecida pelo MEC e, na sequência, obter o registro profissional junto ao Conselho Regional de Nutricionistas (CRN) do estado onde trabalha.

A graduação dura quatro anos e forma bacharéis. A imensa maioria dos cursos está disponível no formato presencial, mas algumas poucas instituições oferecem a possibilidade de estudar a distância.

O curso superior de Nutrição é fácil de ser encontrado nas principais faculdades públicas e privadas das cinco regiões do País.

Onde estudar Nutrição

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Nutrição:

Universidades Privadas:

Universidades Públicas:

Veja também:

Quanto ganha um Nutricionista?

Você gostaria de atuar como nutricionista? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin