dcsimg

Descubra se você está na lista de espera do FIES 2017

Veja o que fazer se o seu nome não aparecer entre os aprovados no FIES do primeiro semestre de 2017!

A primeira edição do FIES 2017 já está a todo vapor. Após a divulgação dos resultados, no dia 13 de fevereiro, muita gente, infelizmente, vai ficar de fora.

Mas isso não é motivo para perder as esperanças de conseguir um financiamento estudantil a juros baixos e prazo facilitado de pagamento.

O FIES ainda dará uma última chance aos candidatos inscritos. É a lista de espera, que até o começo de março de 2017 pode ainda convocar aqueles que não foram aprovados logo de cara.

Se você está nessa situação, saiba tudo sobre a lista de espera do FIES 2017 e, principalmente, como descobrir se o seu nome está nela!

Lista de espera do FIES 2017

A lista de espera do FIES funciona como uma segunda chamada. Nela irão aparecer os nomes dos candidatos que não foram aprovados logo na primeira seleção.

A relação de quem ficou em lista sai junto com o resultado geral do FIES 2017, no dia 13 de fevereiro.

Os candidatos que estiverem na lista de espera devem ficar de olho, pois o FIES pode começar a convocar os participantes já no dia seguinte à divulgação dos resultados, a partir do dia 14 de fevereiro. As convocações podem se estender até o dia 3 de março.

Como descobrir se está na lista de espera do FIES 2017

Para ver se o seu nome está em lista de espera, basta acessar o site do FIES Seleção a partir do dia 13 de fevereiro.

Para consultar a lista será necessário informar o número de CPF e a senha.

Um alerta: o FIES não envia mensagem avisando da aprovação ou do ingresso em lista. É de inteira responsabilidade do candidato verificar essa informação e ficar atento aos prazos. Quem perder a data ou deixar de cumprir qualquer procedimento está fora do processo seletivo.

O que fazer se meu nome estiver na lista de espera do FIES 2017?

Precisa ficar bem atento. Se seu nome estiver em lista e você for convocado, terá um prazo curto a partir da data de aprovação para efetuar a segunda etapa de inscrição do FIES 2017, que consiste em:

  • Preencher o cadastro adicional no SisFIES em até cinco dias corridos a partir da data de convocação.
  • Levar toda a documentação exigida para ser conferida junto à Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA) da faculdade escolhida em até 10 dias depois do cadastro no SisFIES.
  • Comparecer a uma agência do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal para efetivar o financiamento em até 10 dias depois de comprovar os documentos na CPSA.

O que fazer se seu nome não estiver em lista de espera?

O FIES seleciona um determinado número de alunos para ficar em lista de espera. Se o seu nome não estiver entre os potenciais ganhadores de um financiamento estudantil é porque não vai mais rolar neste semestre. O jeito é procurar formas alternativas para financiar o curso.

O FIES é o último processo seletivo do Governo Federal que usa a nota do Enem para selecionar estudantes para cursos superiores. Quem não conseguir entrar neste momento, terá mais três processos seletivos pela frente no semestre que vem. São eles:

  • Sisu 2017 do segundo semestre – Para tentar vaga em universidades públicas. Só pode concorrer quem fez o Enem 2016 e tirou nota maior que zero na redação.
  • ProUni 2017 do segundo semestre – O ProUni permite obter bolsas de estudos parciais e integrais em faculdades privadas bem avaliadas pelo MEC. Para participar é preciso ter feito o Enem 2016, obtido pelo menos 450 pontos na média das provas e nota maior que zero na redação. Fora isso, ainda é preciso corresponder a alguns requisitos de renda e escolaridade definidos pelo MEC.
  • FIES 2017 do segundo semestre – Se tudo der certo, haverá uma nova seleção do FIES no segundo semestre, em junho ou julho. Ainda não há data definida, mas assim que soubermos divulgaremos por aqui.

Se você quiser entrar na faculdade ainda no primeiro semestre de 2017, pode tentar a seguintes alternativas:

  • Obter uma bolsa-desconto – Programas como Quero Bolsa e Educa Mais Brasil  oferecem bolsas parciais que podem chegar a 70% do valor do curso. As ofertas ficam abertas o ano todo.
  • Obter financiamento direto na faculdade desejada – muitas instituições de ensino têm programas próprios de financiamento estudantil – alguns deles sem juros. Confira as opções junto ao local onde você gostaria de estudar.

Onde estudar

A seguir selecionamos algumas instituições de ensino bem avaliadas pelo MEC que, além de participarem do FIES e do ProUni, ainda oferecem bolsas e facilidades de pagamento.

Veja também:

Confira quais são as regras para participar do FIES 2017

Seu nome entrou na lista de espera do FIES? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin