dcsimg

Saiba como virar piloto

A aviação comercial leva os pilotos ao topo desta carreira tão valorizada. Veja o passo a passo para quem sonha em comandar uma aeronave!

engenharia-aeronautica

A carreira de piloto de avião está associada a altos salários e a um ritmo de trabalho super dinâmico, sem rotina. É comum ouvir profissionais apaixonados por esta atividade falando sobre o prazer e a satisfação de voar.

Para chegar a pilotar um avião comercial há um longo caminho a percorrer. É preciso passar por testes teóricos, práticos e exames médicos, sempre acompanhados de perto pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), além de muitas horas de voo.

Não é necessário ter curso superior para virar piloto, apenas o Ensino Médio completo. Mas quem tiver faculdade e inglês fluente agrega diferenciais importantes ao currículo e pode se destacar em processos seletivos.

Saiba o que é preciso fazer para seguir a carreira de piloto e voar alto nesta profissão!

A carreira de piloto

A profissão de “aeronauta”, categoria composta pelos profissionais que compõem a tripulação de um avião comercial, é regulamentada desde 1984. Portanto, há uma lei que estabelece regime de trabalho, remuneração, direitos e deveres dos profissionais e das empresas que os contratam.

Trabalhar na aviação civil, comandando modernas aeronaves comerciais e viajando até outros países, é o sonho da maioria dos aspirantes a piloto. Mas para alcançar um posto em uma companhia de aviação é preciso estudar bastante e acumular experiência voando em aeronaves menores.

Quanto mais horas de voo você acumular, mais chances vai ter de crescer na carreira. Com 40 horas de prática é possível conseguir uma licença para pilotar um avião monomotor. Para comandar um Boeing 737 de empresa aérea comercial, por exemplo, você deve acumular 1.500 horas de voo, em média.

É importante lembrar que um piloto de avião pode optar também pela carreira militar, pilotando caças, aviões de transporte de tropas, bombardeiros ou aviões presidenciais. Neste caso é preciso prestar concurso para a Academia da Força Aérea.

O passo a passo para virar piloto

O primeiro passo para quem quer decolar nesta carreira é se tornar um piloto privado. Esta licença é requisito para buscar a formação de piloto comercial, que são os que têm registro profissional na carteira de trabalho e podem voar em grandes companhias aéreas. Veja o que é preciso fazer para chegar lá:

  • Como obter a licença de piloto privado

É preciso fazer o curso de piloto privado em uma escola reconhecida pela ANAC. Este curso conta com uma parte teórica e outra prática. Confira como funciona:

1 – Ao fazer a matrícula, os alunos devem solicitar à escola uma carta de apresentação para realizar o exame médico de 2ª classe, também chamado de Certificado Médico Aeronáutico (CMA). Ele pode ser realizado tanto nos hospitais da Aeronáutica como em clínicas particulares autorizadas pela ANAC. O certificado é necessário para iniciar o curso.

2 – A parte teórica do curso é ministrada em sala de aula e tem duração média de três meses. As matérias estudadas incluem:

  • Conhecimentos Técnicos
  • Meteorologia
  • Teoria de Voo
  • Navegação Aérea
  • Regulamentos de Tráfego Aéreo

3 – Depois de concluir o curso teórico, os alunos devem responder a uma prova escrita com 100 perguntas, aplicada pela ANAC. É preciso acertar pelo menos 70% das questões para ser aprovado.

4 – Os aprovados no exame da ANAC poderão iniciar o treinamento prático do curso de piloto privado. Esta parte da formação exige pelo menos 35 horas de voo. Ao final do treinamento os alunos realizam um voo de avaliação, que é acompanhado por um examinador credenciado pela ANAC. Se passarem na avaliação, tornam-se pilotos privados, podendo voar apenas em aeronaves particulares.

  • Como obter a licença de piloto comercial

O processo é semelhante àquele realizado para obter a licença de piloto privado. É preciso matricular-se também numa escola reconhecida pela ANAC e estudar a teoria e a prática. Mas o nível de exigência no curso de piloto comercial aumenta bastante. Confira:

1 – Os alunos devem solicitar novamente à escola a carta de apresentação para realização de exame médico. Desta vez é o exame de 1ª classe, que tem mais critérios de análise. É preciso ter o resultado em mãos para dar início ao curso.

2 – A parte teórica desta formação conta com as mesmas disciplinas do curso de piloto privado, mas o conteúdo é mais aprofundado. A duração é de aproximadamente três meses.

3 – A prova da ANAC também é aplicada ao final do treinamento e é necessário acertar pelo menos 70% das questões para ser aprovado.

4 – A parte prática do curso de piloto comercial exige pelo menos 115 horas de voo. Ao final do treinamento, os alunos realizam um voo de avaliação, que também é submetido a um examinador credenciado pela ANAC. Se aprovados, tornam-se pilotos comerciais e ficam habilitados a exercer funções remuneradas em diversas áreas, como táxi aéreo, transporte de pequenas cargas e voos executivos. Assim podem acumular experiência suficiente para ingressar em uma linha aérea. As companhias comerciais exigem entre 1.000 a 1.500 horas de voo.

O que estudar para virar piloto

Embora o curso superior não seja uma exigência para o exercício da profissão de piloto, o diploma de uma faculdade agrega diferenciais importantes aos candidatos a uma vaga de trabalho, principalmente nas grandes companhias aéreas.

O curso de Ciências Aeronáuticas é de grau bacharelado, com duração de 4 anos, e é dá uma visão bastante ampla da área. Outra opção de curso superior é o de Tecnólogo em Pilotagem Profissional de Aeronaves, com duração média de 2 anos.

O conteúdo estudado nestas graduações prepara o candidato para atender aos requisitos estabelecidos pela ANAC para a função de piloto. Profissionais com diploma de nível superior também se destacam nos processos seletivos a uma vaga de trabalho e conseguem redução no número de horas exigidas pelas companhias para exercer o ofício.

Outro diferencial importante para quem quer atuar como piloto comercial é o domínio da língua inglesa. O inglês é a língua universal da aviação. Quem deseja crescer na carreira precisa ter conhecimento pleno do idioma, principalmente os termos técnicos da área.

Onde estudar para virar piloto

Conheça algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer cursos superiores para quem quer virar piloto:

Ciências Aeronáuticas

Pilotagem Profissional de Aeronaves

Veja também

Quanto ganha um piloto de avião?

Você pretende virar piloto? Que tipo de aeronave deseja pilotar? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin