dcsimg

Sabe qual o piso salarial do enfermeiro? Descubra agora mesmo

Veja quanto ganha um enfermeiro em diferentes cargos e estados brasileiros!

Enfermeiro

A profissão de enfermeiro tem crescido a passos acelerados nos últimos anos. De Norte a Sul do Brasil, mesmo nas cidades mais remotas, surgem boas oportunidades de trabalho, com salários que podem superar os R$ 17 mil mensais no auge da carreira.

Muito desse bom momento se deve à diversidade de áreas de atuação que os enfermeiros conquistaram nos últimos anos. Hospitais públicos e privados, clínicas, ambulatórios, unidades móveis de atendimento, serviços de ambulância e pronto-atendimento, clubes, escolas, centros de acolhimento de pessoas em situação de vulnerabilidade social, asilos, atendimento domiciliar… todo mundo se sente mais seguro com um enfermeiro por perto!

O bom momento se reflete também nos cursos de Enfermagem pelo País. Hoje são mais de 250 mil alunos matriculados nas quase 900 instituições de ensino que oferecem a graduação.

Se você está interessado em saber quanto ganha um enfermeiro no Brasil, confira o piso salarial, as médias em diversos estados brasileiros, os cargos mais bem pagos e as diversas formas de fazer esse curso superior!

Piso salarial do enfermeiro

Os enfermeiros ainda não contam com um piso salarial unificado e válido em todo o Brasil. O que existe hoje são acordos coletivo (estabelecidos entre sindicatos e empregadores) e Projetos de Lei. Um desses, em tramitação na Câmara dos Deputados, propõe que o ganho mínimo de um bacharel em Enfermagem seja correspondente a 10 salários mínimos. O valor seria aplicado em todo o território nacional.

A notícia é animadora, só que o Projeto ainda não tem prazo para ser colocado em prática.

Enquanto isso, seguem valendo as negociações dos sindicatos. Aqui o valor muda de acordo com o órgão, a cidade, o ambiente de trabalho, etc. Podem ser diferentes até em uma mesma cidade. Em São Paulo, por exemplo, tem piso salarial para enfermeiro desde R$ 2.200 a até quase R$ 3.000. No Rio de Janeiro o valor é fixo para todo o estado: R$ 2.684.

Alguns conselhos regionais de Enfermagem disponibilizam tabelas com valores sugeridos para os principais procedimentos executados por enfermeiros, como o custo da realização de um curativo, da aplicação de uma injeção, da higiene de pacientes, etc. É uma ferramenta de apoio para quem trabalha por conta própria e precisa ter uma ideia de quanto cobrar pelos serviços prestados. Consulte o Coren do seu estado para saber se essa opção está disponível.

Qual o salário médio de um enfermeiro?

A média salarial de um enfermeiro no Brasil é de R$ 3.092, segundo a Catho, um dos maiores sites de recrutamento e oferta de vagas de emprego do País.

Acima dessa média está apenas o estado de São Paulo, onde o salário mediano é um pouco mais alto: R$ 3.102. Em último lugar, de acordo com o levantamento da Catho, aparece Pernambuco.

No geral, o panorama atual dos salários dos enfermeiros é o seguinte:

  • São Paulo: R$ 3.102
  • Mato Grosso do Sul: R$ 3.087
  • Rio Grande do Sul: R$ 2.699
  • Ceará: R$ 2.649
  • Distrito Federal: R$ 2.629
  • Pará: R$ 2.572
  • Bahia: R$ 2.567
  • Rio de Janeiro: R$ 2.558
  • Sergipe: R$ 2.496
  • Paraná: R$ 2.495
  • Minas Gerais: R$ 2.397
  • Goiás: R$ 2.384
  • Santa Catarina: R$ 2.379
  • Paraíba: R$ 2.202
  • Espírito Santo: R$ 2.158
  • Pernambuco: R$ 2.002

Os cargos que pagam melhores salários são aqueles que envolvem gestão de equipes ou especialização em alguma área da Enfermagem. Veja algumas médias salariais distribuídas pelos cargos mais comuns:

  • Gerente de Enfermagem: R$ 7.662
  • Enfermeiro Nefrologista: R$ 4.144
  • Coordenador de Enfermagem: R$ 4.028
  • Enfermeiro Obstetra: R$ 3.718
  • Enfermeiro de UTI: R$ 3.381
  • Enfermeiro de Centro Cirúrgico: R$ 3.259
  • Enfermeiro do Trabalho: R$ 3.207
  • Enfermeiro-Chefe: R$ 3.140

As médias salariais por tempo de serviço indicam por quantos anos o enfermeiro precisa trabalhar para ganhar um salário mais alto. Aqui os valores começam por volta de R$ 2.000.

Confira algumas médias reveladas pelo Banco Nacional de Empregos (BNE) para diferentes cargos:

Enfermeiro

  • Recém-formado: R$ 2.016
  • Com 2 a 4 anos de experiência: R$ 2.521
  • Com 4 a 6 anos de experiência: R$ 3.152
  • Com 6 a 8 anos de experiência: R$ 3.940
  • Mais de 8 anos de experiência: R$ 4.925 – podendo chegar a R$ 6.400

Enfermeiro Obstétrico

  • Recém-formado: R$ 2.313
  • Com 2 a 4 anos de experiência: R$ 2.891
  • Com 4 a 6 anos de experiência: R$ 3.614
  • Com 6 a 8 anos de experiência: R$ 4.518
  • Mais de 8 anos de experiência: R$ 5.650 – podendo chegar a R$ 7.340

Supervisor de Enfermagem

  • Recém-formado: R$ 2.545
  • Com 2 a 4 anos de experiência: R$ 3.309
  • Com 4 a 6 anos de experiência: R$ 4.302
  • Com 6 a 8 anos de experiência: R$ 5.593
  • Mais de 8 anos de experiência: R$ 7.271 – podendo chegar a R$ 10.900

Gerente de Enfermagem

  • Recém-formado: R$ 3.991
  • Com 2 a 4 anos de experiência: R$ 5.188
  • Com 4 a 6 anos de experiência: R$ 6.745
  • Com 6 a 8 anos de experiência: R$ 8.768
  • Mais de 8 anos de experiência: R$ 11.399 – podendo chegar a R$ 17.100

Oportunidades pouco convencionais para enfermeiros

A expansão do mercado de trabalho para enfermeiros trouxe algumas oportunidades nada convencionais para a área – e algumas delas estão pagando salários bem razoáveis, às vezes até acima da média nacional.

Você sabia que o enfermeiro pode exercer suas atividades em cruzeiros e navios, por exemplo?

Veja esta e algumas oportunidades de trabalho para enfermeiros em funções pouco comuns:

Enfermeiro de Bordo

Presta serviços de Enfermagem em navios ou aviões. Acompanha grupos, faz atendimento, trabalha com promoção de saúde a bordo.

  • Salário mais baixo: R$ 2.329
  • Média salarial: R$ 3.785
  • Salário mais alto: R$ 7.688

Enfermeiro Auditor

Estuda processos e rotinas referentes à execução de serviços de enfermagem em hospitais, clínicas e centros de saúde. Trabalha muito mais com a análise de documentação do que com o atendimento a pacientes.

  • Salário mais baixo: R$ 2.453
  • Média salarial: R$ 3.986
  • Salário mais alto: R$ 8.100

Enfermeiro de Educação Continuada

Trabalha com treinamento de equipes de enfermagem – o que pode incluir programas de formação, visitas, estágios e encontros científicos. O valor intermediário do salário de um enfermeiro de educação continuada é de R$ 3.434 – acima da média que esses profissionais recebem no Brasil.

O que fazer para se tornar enfermeiro

Quem quiser trabalhar como enfermeiro vai ter, antes de tudo, que encarar de 4 a 5 anos de estudos em um curso de Enfermagem reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC).

A graduação é bastante concorrida e uma das que mais têm alunos matriculados no País – são cerca de 250 mil atualmente.

No formato presencial, o curso de Enfermagem pode ser encontrado em 867 instituições de ensino. A imensa maioria delas, 80,8%, é particular.

O formato presencial é o mais comum, mas já existem algumas opções a distância despontando no mercado.

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso presencial de Enfermagem:

Curso de Enfermagem a distância

A boa notícia é que Enfermagem também pode ser feita no formato a distância. Nesse modelo, toda a parte teórica pode ser feita de casa, no horário que for mais conveniente para o aluno. A parte prática e as atividades de laboratório são realizadas em polos de apoio de aprendizagem distribuídos por várias cidades brasileiras.

Estudar a distância é uma alternativa interessante para quem precisa distribuir melhor o tempo entre estudos e trabalho. Além disso, o diploma vale tanto quanto o presencial, desde que o curso seja reconhecido pelo MEC.

Confira algumas instituições autorizadas pelo MEC a oferecer o curso de Enfermagem EAD:

Veja também:

O que faz um enfermeiro?

O que achou do piso salarial do enfermeiro? Está dentro daquilo que você imaginava? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin