Conheça as diferentes áreas da Nutrição

A Nutrição é uma profissão na área da saúde, que tem como objetivo promover a saúde, prevenir e tratar doenças por meio da alimentação. Para isso, os profissionais dessa área devem ter conhecimentos teóricos e técnicos para compreender as propriedades dos alimentos e como eles atuam no organismo humano.

É comum pensar que a área de atuação de profissionais da saúde é a hospitalar. Porém, de acordo com o Conselho Regional de Nutrição (CRN), há seis grandes áreas para o nutricionista exercer suas funções.

Alimentação Coletiva

Nessa área, o nutricionista planeja, organiza e supervisiona o serviço de alimentação em unidades de alimentação como empresas, hotéis, unidades prisionais, hospitais, clínicas, spas, escolas, empresas fornecedoras de alimentos, restaurantes e bufês. O nutricionista pode, ainda, realizar assistência e educação nutricional para os indivíduos desses espaços.

Clínica

A nutrição clínica é a área mais comum desse profissional. Nela, o nutricionista presta auditoria, consultoria e assessoria. Além disso, ele pode coordenar e avaliar serviços dietéticos, solicitar exames e prescrever suplementos em hospitais, clínicas, consultórios, ambulatórios e instituições de longa permanência para idosos.

Esportes e Exercício Físico

Na área de Esportes e Exercício Físico, o nutricionista oferece assistência nutricional para atletas, com acompanhamento alimentar e dietas adequadas para esse público.

Saúde Coletiva

Em saúde coletiva, o nutricionista possui o papel de controlar a qualidade de produtos alimentícios e participar de inspeções sanitárias. Ele também pode trabalhar na gestão de políticas e programas alimentares institucionais.

Cadeia de Produção, Indústria e Comércio de Alimentos

Elaborar parecer técnicos e científicos, gerenciar a produção de alimentos e controlar a qualidade desses produtos são algumas das funções exercidas pelo nutricionista nesse setor.

Pesquisa e Extensão

Em Pesquisa e Extensão, o profissional de Nutrição pode trabalhar como coordenador e supervisor de cursos de graduação e pós-graduação, desde que possua mestrado. Também é possível desenvolver estudos e pesquisas sobre alimentação e nutrição.

Como se tornar um nutricionista?

Para atuar como um nutricionista nas áreas mencionadas acima, é necessário ter formação no curso de graduação e um registro no Conselho Regional de Nutrição.

Com duração média de quatro anos, o curso possui disciplinas relacionadas à biologia, além de aulas teóricas e práticas sobre os as propriedades dos alimentos, avaliações nutricionais. Veja a seguir quais são as principais matérias do curso:

  • Anatomia
  • Avaliação nutricional
  • Bioestatística
  • Bioquímica
  • Biossegurança
  • Bromatologia
  • Composição de alimentos
  • Educação alimentar
  • Epidemiologia
  • Higiene e legislação de alimentos
  • Microbiologia dos alimentos
  • Nutrição clínica
  • Nutrição em saúde pública
  • Nutrição e dietética
  • Nutrição no esporte
  • Planejamento de cardápios
  • Políticas de saúde
  • Organização de unidades de alimentação

O curso pode ser encontrado nas modalidades presencial, semipresencial e de ensino a distância. No ensino presencial, as aulas, atividades e avaliações acontecem em sala de aula, na instituição de ensino. Já no semipresencial, as avaliações e uma parte das atividades é realizada em sala de aula e outra parte acontece de forma on-line, em uma plataforma virtual. Por fim, no ensino a distância, até 100% do curso pode ser realizado de forma on-line, com exceção das avaliações, que normalmente acontecem nos polos.

No ensino virtual, as aulas podem acontecer ao vivo ou serem gravadas. Os materiais de estudo e as atividades são disponibilizados no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) e podem ser acessados pelos alunos a qualquer momento. É importante destacar que, independente da modalidade escolhida, o conteúdo abordado ao longo do curso é o mesmo, apenas o formato em que eles são trabalhados é que variam.

É necessário cumprir o estágio obrigatório e apresentar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) para a retirada do diploma.

Já o registro no conselho profissional pode ser iniciado pelo site da unidade mais próxima da sua cidade.

Onde estudar Nutrição?

Como dito anteriormente, o diploma é fundamental para exercer essa profissão. Entretanto, um estudo feito pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) revelou que pessoas com formação no nível superior podem ganhar até 140% a mais do que aquelas que não possuem.

Para que o documento seja válido em todo o território nacional é necessário que o curso escolhido seja autorizado e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Por meio de uma avaliação o órgão garante que a instituição de ensino possui a estrutura necessária para ofertar o curso. Por isso, é fundamental se informar sobre o curso antes de fazer a matrícula.

Logo abaixo, há algumas opções de instituições de ensino que oferecem o curso de Nutrição nas modalidades presencial ou EaD, de acordo com as diretrizes do MEC. Confira:

Preparado para se tornar um nutricionista? Responda nos comentários abaixo!

Leia também:
Saiba tudo sobre o curso de Nutrição
Quanto ganha um nutricionista?

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin