Saiba como consultar o registro do seu diploma de graduação

Ingressar no ensino superior é o sonho de inúmeros brasileiros, no entanto é preciso tomar cuidado para que o sonho não se transforme em um grande pesadelo. Como é sabido, apenas universidades certificadas pelo Ministério da Educação são habilitadas a emitir diplomas válidos em todo o território nacional, no entanto, com o crescimento do ensino a distância nos últimos anos, pudemos observar também um aumento no número de instituições de ensino superior irregulares no Brasil.

aluna formada com diplomaNo ano de 2018, apenas no estado do Rio de Janeiro, cerca de 65 mil diplomas foram cancelados por fraude das instituições de ensino em uma investigação realizada pelo Ministério da Educação. Para evitar este tipo de prejuízo, é de extrema importância analisar a instituição antes de se matricular e consultar o registro de diploma de graduação, caso já tenha terminado o curso.

Neste artigo te ensinamos a consultar o registro de diploma de graduação para saber se o curso que deseja realizar é certificado pelo Ministério da Educação. Continue lendo para conferir nossas dicas e não ser enganado.

Como saber se meu diploma é reconhecido pelo MEC?

Para saber se um diploma é verdadeiro você precisa saber se a instituição é reconhecida pelo MEC está habilitada a emitir o documento. Esta informação pode ser facilmente encontrada nos sites da faculdades, mas em caso de irregularidade as credenciais de certificação costumam ser falsas.

A forma mais segura é entrar no site do e-MEC e realizar uma consulta pública gratuita. Além de simples e rápida, a consulta ao e-MEC é a forma mais segura de obter informações verdadeiras. Portanto, veja a seguir como consultar o registro de diploma de graduação:

  • Primeiramente, acesse o site e-MEC;
  • A seguir, clique na aba “Consulta Avançada”. Nela você encontrará uma página de busca com campos para preencher e filtrar sua pesquisa;
  • Em “Buscar por”, selecione a opção “Instituição de Ensino Superior”;
  • Em “Nome ou Sigla da Instituição” localizado no campo abaixo, digite o nome da instituição sobre a qual você deseja se informar;
  • Selecione o Estado e o município da instituição e caso queira, preencha os campos seguintes (eles são opcionais);
  • Na área “Situação”, selecione a opção “Ativa”.
  • Logo abaixo, digite o código de verificação no campo indicado e a seguir clique em “Pesquisar”.

Como saber se meu curso é reconhecido pelo MEC?

Assim como é possível realizar uma consulta pública para saber se a instituição é reconhecida pelo MEC, você também pode verificar a qualidade dos cursos de ensino superior e se são reconhecidos pelo MEC. Para descobrir a avaliação dos cursos específicos, basta realizar um processo semelhante ao passo a passo anterior. veja só:

  • Acesse o site e-MEC;
  • Em seguida, clique na aba “Consulta Avançada”;
  • Em “Buscar por”, selecione a opção “Curso de Graduação” e preencha as informações a seguir.

Os campos da busca filtram cursos presenciais e à distância de todos os Estados e municípios do país, e também filtram cursos por índice e nota nas avaliações do MEC.

Como funciona a avaliação do MEC?

Todos os anos o Ministério da Educação realiza uma análise dos cursos e instituições brasileiras de ensino superior. A avaliação é composta por um conjunto de iniciativas do órgão para atestar se as instituições cumprem as metas de qualidade requeridas.

A análise reúne uma série de indicadores que classificam as instituições de acordo com o padrão de qualidade oferecido. Veja a seguir algumas destas iniciativas:

Enade

O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes, também conhecido como Enade, avalia o desempenho dos alunos dos cursos de graduação do primeiro e do último ano, assim o Enade consegue avaliar as diferenças entre os alunos que estão ingressando no curso e os que estão saindo.

A cada três anos, os alunos matriculados realizam uma prova que avalia se os conhecimentos oferecidos pela instituição para a formação profissional estão sendo absorvidos corretamente. O Exame é composto por questões discursivas e objetivas, sendo 78% de conhecimentos específicos e 25% de conhecimentos gerais, que são idênticas para todos os cursos.

A cada edição, apenas alguns alunos são selecionados para participar do Exame e para estes a participação não é facultativa. Os alunos convocados que não comparecerem à aplicação do exame, ficam impedidos de obterem o diploma até a próxima edição do Enade.

CPC

O Conceito Preliminar de Curso ou CPC é um indicador que avalia a qualidade dos cursos de graduação a cada três anos. Este conceito leva em conta não só o desempenho dos alunos no Enade, mas também outros aspectos, como o número de matrículas em cada curso, a infraestrutura da instituição e o corpo docente.

Cada curso avaliado recebe uma nota de 1 a 5. Os cursos com notas de 3 a 5 atendem completamente às exigências do MEC. O CPC é publicado todos os anos imediatamente após a divulgação dos resultados do Enade pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, o Inep.

IGC

O Índice Geral de Cursos, ou IGC como é popularmente chamado, é o cálculo que demonstra a avaliação geral das instituições de ensino de acordo com o Ministério da Educação. Seu resultado é bem completo, pois reúne diversos critérios de avaliação. Veja a seguir:

Média dos CPC’s

Para calcular o IGC, o MEC reúne os três últimos CPCs dos cursos de pós-graduação stricto sensu e faz uma média que será somada à avaliação CAPES e ao total de alunos por curso. 

Avaliação da CAPES

Os programas de pós-graduação nas instituições brasileiras são avaliados periodicamente pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).

As notas do conceito vão de 1 a 5 para programas de mestrado e de 1 a 7 para programas de doutorado. Neste conceito, as notas de 5 a 7 representam um alto padrão internacional de desempenho.

Total de alunos de graduação e pós-graduação

Em último lugar, o IGC considera a distribuição dos alunos nos cursos de graduação e pós-graduação na instituição avaliada. Caso não haja alunos suficientes para análise, o IGC classifica o resultado com a sigla SC, que significa “sem conceito”.

Como evitar ser enganado por instituições não certificadas?

Além de consultar o registro de diploma de graduação para saber se a instituição é certificada pelo MEC, existem ainda outros pequenos detalhes que devem ser levados em conta ao analisar a credibilidade de uma instituição. Seguindo estas dicas, você não correrá o risco de ser enganado por instituições irregulares.

  1. Não feche matrícula por impulso visando aproveitar promoções;
  2. Consulte antigos alunos e descubra se tiveram algum problema;
  3. Desconfie dos preços muito abaixo do mercado;
  4. Verifique se a duração do curso corresponde às horas indicadas pelo Ministério da Educação;
  5. Caso tenha um lugar físico, visite as instalações e veja se a infraestrutura corresponde ao prometido;
  6. Pesquise o currículo dos docentes da instituição.

Onde encontrar cursos reconhecidos pelo MEC?

Seja para cursos presenciais ou à distância, ficar atento à seriedade transmitida pela instituição que oferta o curso é de extrema importância. É preciso pesquisar bastante e ter a ferramenta do e-MEC sempre em mãos.

Outra boa alternativa é contar com indicações de amigos, antigos professores e veículos de informação de confiança que atestem a qualidade do ensino de uma faculdade ou universidade.

Nós do Guia da Carreira estamos sempre buscando facilitar a vida de quem está procurando bons lugares para estudar. Na lista abaixo, separamos algumas instituições respeitadas no meio educacional e credenciadas pelo MEC. Que tal dar uma olhada nos cursos oferecidos?  

Leia mais:

Como saber se um curso é reconhecido pelo MEC?

Confira as notas das grandes faculdades dadas pelo MEC

E então, já teve alguma experiência negativa em instituições irregulares? Conte aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin
Descubra a faculdade certa para você!