dcsimg

Tem faculdade de Direito a distância reconhecida pelo MEC?

Quer saber se é possível estudar Direito a distância e obter um diploma reconhecido pelo MEC? Descubra agora!

A carreira de Direito oferece excelentes oportunidades em termos de trabalho e renda: quem se forma na área pode prestar concurso público para diferentes cargos, atuar no setor jurídico de empresas, prestar consultoria ou abrir o próprio escritório de advocacia.

O curso costuma ficar entre os mais procurados no Sisu e vestibulares em geral e felizmente a oferta de vagas é bem grande em todo o país, especialmente na rede privada.

Para quem sonha em fazer essa graduação e precisa conciliar trabalho e estudos, a melhor solução seria cursar uma faculdade de Direito a distância reconhecida pelo MEC, não é mesmo? Será que isso é possível? Continue lendo e descubra.

Existe faculdade de Direito EAD reconhecida pelo MEC?

Não. Atualmente não existe nenhuma faculdade de Direito a distância reconhecida pelo MEC em atividade.

Isso pode até parecer estranho, já que encontramos graduações de diferentes áreas na modalidade EAD, incluindo Engenharia, Arquitetura e Enfermagem.

E como o curso de Direito inclui basicamente disciplinas teóricas, era de se esperar que fosse oferecido a distância, não é? Mas ainda não existe!

Porque não existe graduação em Direito a distância

De acordo com a legislação do MEC, para a abertura de novos cursos de Direito é preciso consultar o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, a OAB. E até o momento a entidade se mostrou contrária à criação da faculdade Direito a distância.

No futuro, é bem provável que esse quadro mude. Enquanto isso não acontece, saiba que existem alternativas ao curso de Direito EAD e você pode aproveitá-las agora mesmo! Confira no próximo tópico.

Cursos EAD relacionados a Direito reconhecidos pelo MEC

Existem alguns cursos tecnológicos, oferecidos a distância, relacionados à área jurídica. Uma excelente opção para quem quer trabalhar com assuntos relacionados à legislação e segurança, mas não pode fazer uma faculdade de Direito presencial.

A graduação tecnológica, também conhecida como curso de tecnólogo, trata-se de uma formação em nível superior e tem duração mais curta, entre 2 e 3 anos. Esse tipo de curso é focado nas demandas do mercado de trabalho e na parte prática de uma determinada carreira.

Desde que seja oferecido por uma faculdade reconhecida pelo MEC, o diploma de um curso tecnológico a distância permite que o aluno participe de concursos públicos que exijam nível superior e faça pós-graduação, da mesma forma que o bacharelado e a licenciatura.

Confira alguns cursos de tecnólogo relacionados à área jurídica:

Gestão Ambiental: Curso superior de tecnologia voltado para o planejamento, gerenciamento e implementação de medidas de proteção ao meio ambiente. O curso dura dois anos. Quem se forma em Gestão Ambiental está habilitado a atuar em diferentes etapas do processo de licenciamento ambiental. O profissional pode coordenar equipes, criar, gerir e avaliar políticas e programas de educação ambiental, realizar vistorias, perícias e emitir laudos.

Segurança Pública: O curso aborda o planejamento e gerenciamento de ações de segurança pública, segurança comunitária, defesa civil e manutenção da ordem. Sua duração é de dois anos. Além disso, permite atuar no departamento de polícia técnico-científica, na emissão de laudos, em perícias e vistorias.

Serviços Penais: Dura dois anos e forma profissionais capaz de gerenciar serviços penitenciários, implementar políticas públicas, além de elaborar estratégias de prevenção e reintegração social. Quem se gradua na área também pode trabalhar na realização de vistorias, perícias e emissão de laudos e pareceres técnicos.

Investigação e Perícia Judicial: Graduação tecnológica de três anos que forma profissionais para atuarem em setores de investigação e inteligência, como peritos e investigadores, para identificar e prevenir fraudes e outros crimes, através de perícias técnicas e vistorias. Os profissionais formados nessa área também podem elaborar pareceres e laudos que serão utilizados em processos judiciais.

Faculdade de Direito presencial

Outra alternativa à faculdade de Direito a distância é a graduação presencial, do tipo bacharelado e que dura em média 5 anos.

Muitas instituições de ensino oferecem o curso no turno da noite, o que facilita bastante a vida de quem precisa conciliar trabalho e estudos.

Trabalhar e ainda ter que comparecer às aulas diariamente pode parecer uma rotina exaustiva, mas muitos profissionais que hoje têm excelentes cargos e altos salários encararam esse desafio e colhem os frutos dos anos de esforço.

Para algumas pessoas, o grande problema é pagar a mensalidade de um curso de Direito presencial. Para esses casos, também existem soluções:

ProUni

O ProUni é um programa do Ministério da Educação (MEC) que oferece bolsas integrais e parciais em faculdades particulares, para brasileiros que ainda não têm diploma de nível superior.

Para se inscrever é preciso ter feito a edição anterior do Enem e ter atingido uma pontuação geral igual ou acima de 450 e nota maior que zero na redação.

Podem concorrer às bolsas as pessoas que fizeram todo o ensino médio na rede pública ou na rede particular como bolsistas integrais.

Pessoas com deficiência também podem se candidatar às bolsas, mesmo que não atendam ao requisito anterior.

Há um limite de renda familiar para cada tipo de bolsa:

  • Bolsas integrais: O candidato não pode ter renda familiar mensal acima de um salário mínimo e meio por pessoa.
  • Bolsas parciais (50%): Limite máximo de três salários mínimos mensais por pessoa.

Fies

O Fies é outro programa do governo, que permite financiar as mensalidades de cursos superiores em faculdades privadas e começar a pagar somente depois da formatura.

Para se inscrever é necessário ter participado de alguma edição do Enem a partir de 2010, com nota acima de zero na redação e pontuação geral igual ou maior que 450.

O programa passou por uma reformulação recente e agora oferece diferentes modalidades de financiamento, de acordo com a faixa de renda do candidato.

Crédito estudantil, bolsas de estudo e descontos oferecidos pelas faculdades

Boa parte das faculdades privadas oferece programas próprios de crédito estudantil facilitado, que permitem financiar até 70% do valor das mensalidades e começar a pagar somente após concluir o curso.

Há também os descontos para o pagamento da mensalidade até certa data do mês ou aqueles ligados a convênios com empresas e associações.

Existem ainda as bolsas de estudo, que em geral são oferecidas aos estudantes que se saem melhor nos vestibulares internos dessas instituições.

Onde estudar

Pesquisamos para você algumas faculdades que oferecem cursos tecnológicos EAD relacionados à área jurídica e graduação em Direito na modalidade presencial, todos reconhecidos pelo MEC.

Estas são instituições que participam do ProUni, Fies e contam com sistemas próprios de crédito estudantil sem burocracia, programas de bolsas de estudo e descontos variados.

Veja também:

Os cursos que são e os que não são oferecidos a distância

Como está o mercado de trabalho pra quem faz Direito?

Como vimos, ainda não existe faculdade de Direito EAD reconhecida pelo MEC, mas há opções, como os cursos tecnológicos relacionados à área jurídica ou mesmo a faculdade de Direito presencial.

E você, vai optar pela graduação em Direito presencial ou por um curso de tecnólogo? Conte para a gente deixando um comentário abaixo!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin