dcsimg

Saiba o que se estuda em Fonoaudiologia

Tem interesse na área da saúde e quer saber o que se estuda em Fonoaudiologia? Confira agora tudo sobre as disciplinas desse curso!

O fonoaudiólogo atua na área de saúde com as diferentes formas de comunicação humana (linguagem oral e escrita, voz, fala, audição) e as funções essenciais para a deglutição, mastigação e respiração.

O profissional promove a saúde, a prevenção, a orientação, a avaliação, o diagnóstico e a terapia. Seu trabalho também pode ser desenvolvido por meio do ensino, da pesquisa e de consultorias. Além disso, é bastante comum que fonoaudiólogos atuem em equipes juntamente a fisioterapeutas e psicólogos.

Sua atuação se dá em diversos setores, seja público ou privado. Sendo assim, se você cursar Fonoaudiologia poderá trabalhar em consultórios, clínicas, escolas, creches, berçários e hospitais. Também é possível optar por ambientes menos tradicionais, como emissoras de rádio e televisão. O fonoaudiólogo é muito requisitado nesse setor, pois é ele quem auxilia os apresentadores e atores com a postura da voz.

Para ajudar você a ter uma ideia mais clara sobre a profissão, vamos nos aprofundar no conteúdo aplicado aos alunos do curso, ou seja, o que se estuda em Fonoaudiologia.

O que se estuda em Fonoaudiologia

Disciplinas de ciências biológicas, da saúde, sociais e humanas compõem a grade curricular do curso de Fonoaudiologia. Em ciências biológicas e da saúde, serão ministradas aulas de anatomia, fisiologia, histologia, psicologia, neurologia e biofísica. Já linguística é uma das matérias que você estudará em ciências sociais e humanas.

Contudo, boa parte do conteúdo aplicado no curso é voltada para disciplinas específicas, como desenvolvimento da linguagem oral e escrita, voz, audiologia, motricidade orofacial, saúde pública, saúde coletiva e patologias.

A realização do estágio é obrigatória, assim como a entrega da monografia de conclusão de curso. Algumas universidades possuem, em suas dependências, clínicas de atendimento à população. Se esse for o caso da faculdade onde você pretende estudar, poderá realizar atividades práticas nesses ambientes.

Grade curricular do curso de Fonoaudiologia

1º semestre

  • Genética humana nos distúrbios da comunicação
  • Linguística e fonoaudiologia
  • Embriologia e anatomia geral
  • Elementos de acústica e psicoacústica
  • Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem I
  • Libras I
  • Anatomia funcional da fonoarticulação e audição
  • Bases acústicas da fonoarticulação
  • Linguagem e ciclos da vida: infância e adolescência

2º semestre

  • Neuroanatomia funcional: sistemas de comunicação
  • Linguagem e ciclos de vida: adulto e senescência
  • Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem II
  • Sociologia e comunicação humana
  • Funções estomatognáticas
  • Libras II
  • Desenvolvimento e avaliação da função auditiva
  • Políticas públicas de saúde e educação
  • Tópicos atuais em fonoaudiologia I

3º semestre

  • Distúrbios da audição e do sistema vestibular
    Introdução à avaliação audiológica
  • Fonoaudiologia em saúde coletiva
  • Distúrbios miofuncionais orofaciais e cervicais
  • Libras III
  • Fonoaudiologia e deficiência auditiva
  • Neurofisiopatologia aplicada à fonoaudiologia
  • Linguagem escrita em fonoaudiologia

4º semestre

  • Distúrbios de leitura e escrita
  • Diagnóstico avançado em audiologia
  • Fonoaudiologia educacional
  • Ética profissional do fonoaudiólogo
  • Fonoaudiologia nas encefalopatias crônicas não evolutivas
  • Patologias da linguagem da criança e do adolescente
  • Processamento auditivo
  • Tópicos atuais em fonoaudiologia II

5º semestre

  • Patologias da linguagem do adulto e do idoso
  • Fonoaudiologia nos distúrbios da fluência
  • Prótese auditiva
  • Estágio supervisionado em clínica audiológica I
  • Estágio supervisionado em fono na atenção básica I
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica:linguagem I
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica: fala e linguagem I
  • Fonoaudiologia e distúrbios da voz
  • Fonoaudiologia na atenção neonatal: alojamento conjunto
  • Fonoaudiologia na atenção neonatal: UTI

6º semestre

  • Estágio supervisionado em fono na atenção básica II
  • Estágio supervisionado em clínica audiológica II
  • Fundamentos em fonoaudiologia organizacional
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica:linguagem II
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica: fala e linguagem II
  • Fononcologia
  • Eletrofisiologia da audição
  • Tópicos atuais em fonoaudiologia III
  • Disfagias neurogênicas

7º semestre

  • Estágio supervisionado em clínica audiológica III
  • Avaliação e reabilitação do sistema vestibular
  • Estágio supervisionado atenção maternidade/ infantil: alojamento conjunto
  • Estágio supervisionado em atenção fonoaudiológica: pediatria
  • Estágio supervisionado processo auditivo eletrofisiológico: audição
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica: linguagem III
  • Estágio em fonoaudiologia organizacional I
  • Trabalho de conclusão de curso em fonoaudiologia I

8º semestre

  • Estágio supervisionado em clínica audiológica IV
  • Estágio supervisionado em atenção em fononcologia
  • Estágio supervisionado atenção fonoaudiológica neonatal: UTI
  • Estágio supervisionado avaliação e reabilitação vestibular
  • Estágio supervisionado em clínica fonoaudiológica: voz e fluência
  • Estágio em fonoaudiologia organizacional II
  • Tópicos atuais em fonoaudiologia IV
  • Trabalho de conclusão de curso em fonoaudiologia II

Vale ressaltar que, para exercer a profissão, exige-se registro no Conselho Regional de Fonoaudiologia após a formação.

Áreas de atuação do fonoaudiólogo

Agora que você já sabe o que se estuda em Fonoaudiologia, é importante entender como esse conteúdo se aplica no dia a dia da profissão. Por isso, separamos as principais áreas de atuação para o fonoaudiólogo e como se dá o desenvolvimento do seu trabalho. Confira!

Audiologia: cria programas de promoção da saúde auditiva. Efetua diagnóstico, atua na reabilitação, escolhe e adapta próteses auditivas de acordo com a necessidade de cada paciente.

Disfagia: atua com transtornos da deglutição.

Fonoaudiologia educacional: trabalha com a linguagem oral e escrita, motricidade orofacial, audição e voz, com foco em melhorar o processo de ensino e aprendizagem.

Fonoaudiologia neurofuncional: atende a pacientes com alterações neurofuncionais visando a uma melhora nos danos causados ao sistema nervoso central ou periférico.

Fonoaudiologia do trabalho: elabora programas de conservação auditiva e identifica riscos fisiológicos, para que o profissional permaneça em sua plena capacidade.

Gerontologia: trata ou atua na prevenção de transtornos relacionados à audição, fala, linguagem, equilíbrio, deglutição, voz e motricidade orofacial de idosos.

Linguagem: lida com transtornos da fala e da escrita.

Motricidade orofacial: aqui, o profissional trabalha em uma área focada nas funções essenciais à respiração, mastigação, deglutição, sucção e articulação da fala.

Neuropsicologia: cuida de pacientes com transtornos que afetam sua comunicação e sua interface com a cognição.

Saúde coletiva: cuida da saúde a partir de grupos populacionais.

Voz: auxilia na postura vocal de profissionais que utilizam a voz para trabalhar.

Onde estudar Fonoaudiologia

No momento de decidir entre uma instituição ou outra, é importante verificar se a faculdade em que você deseja estudar é reconhecida pelo MEC. Para auxiliar nessa escolha, selecionamos algumas opções de universidades.

Todas elas são reconhecidas pelo MEC, têm programas de bolsas e descontos, participam do ProUni e do Fies e aceitam o Enem como forma de ingresso em seus cursos. Conheça as opções!

Veja também:

Quanto ganha um fonoaudiólogo?

Fonoaudiologia: profissão e mercado de trabalho

Gostou do conteúdo do curso? Agora que você sabe o que se estuda em Fonoaudiologia, comente abaixo quando pretende iniciar sua graduação!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin