dcsimg

Descubra o que faz um engenheiro de alimentos

O engenheiro de alimentos combina conhecimentos de disciplinas científicas, técnicas, humanas e de saúde. Veja o que faz esse profissional!

Podemos dizer que o engenheiro de alimentos é um profissional que acumula uma diversidade enorme de talentos e conhecimentos.

Para exercer suas atividades, precisa ter uma boa formação em ciências exatas (matemática, física), da natureza (biologia, química) humanas (marketing, administração e da saúde (nutrição). Isso sem falar nas matérias mais tecnológicas e específicas.

Ufa, é coisa que não acaba mais!

Mas por que uma abrangência tão grande assim? Você sabe o que um engenheiro de alimentos faz, exatamente? Onde pode trabalhar?

Descubra agora mesmo!

O que faz um engenheiro de alimentos

O engenheiro de alimentos atua com a produção de alimentos em escala industrial.

Seu papel pode envolver o desenvolvimento de máquinas, técnicas e até programas de computador que melhorem o processo produtivo. Pode também criar novos produtos alimentícios, tanto de origem vegetal como animal.

Tudo isso respeitando os mais altos padrões de segurança, buscando fazer o melhor uso dos recursos e matéria-prima para alcançar o maior resultado de qualidade.

Além da fabricação em si, que vai desde a seleção da matéria-prima até o tratamento de resíduos, o engenheiro de alimentos pode atuar em toda a cadeia de produção, incluindo armazenamento, transporte e abastecimento.

Onde um engenheiro de alimentos pode trabalhar

Quem se forma em Engenharia de Alimentos encontra um mercado de atuação bem variado.

Dê uma olhada nos tipos de organização que contratam esse profissional:

  • Indústria de fármacos
  • Indústria de insumos, equipamentos e embalagens para a indústria alimentícia
  • Indústria de produtos alimentícios
  • Instituições de ensino
  • Instituições de pesquisa
  • Empresas de Serviços
  • Fiscalização e auditorias
  • Órgãos e instituições públicas

Os engenheiros de alimentos podem também atuar como consultores independentes.

O que um engenheiro de alimentos estuda?

O curso de Engenharia de Alimentos é um bacharelado com cinco anos de duração.

As disciplinas estudadas variam de acordo com a faculdade, mas geralmente seguem uma linha comum: muita física, cálculo, química e biologia, além das matérias específicas da área.

Podemos dizer que a grade curricular acompanha a complexidade e diversidade de atuação desse profissional, que para se formar precisa ainda passar por estágio supervisionado e defender um Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Confira alguns exemplos do que estuda um engenheiro de alimentos:

  • Algoritmos e Programação de Computadores
  • Análise de Alimentos
  • Análise Instrumental de Alimentos
  • Análise Sensorial de Alimentos
  • Biologia (Microbiologia Básica)
  • Bioquímica de Alimentos
  • Biotecnologia de Alimentos
  • Cálculo
  • Cálculo Numérico
  • Características e Pré-Processamento de Carnes
  • Características e Pré-Processamento de Frutas, Hortaliças, Café, Cacau e Cana
  • Características e Pré-Processamento de Grãos
  • Características e Pré-Processamento de Leite e Ovos
  • Controle de Qualidade na Indústria de Alimentos
  • Desenvolvimento de Produtos e Processos
  • Economia Agroalimentar
  • Eletrotécnica
  • Embalagem de Alimentos
  • Engenharia de Bioprocessos
  • Estatística para Experimentalistas
  • Estratégias de Empresas para Engenharia
  • Fenômenos de Transporte
  • Física Geral
  • Físico-Química
  • Formulação e Avaliação de Projetos
  • Fundamentos de Cálculos em Processo
  • Geometria Analítica e Vetores
  • Higiene e Legislação
  • Instalações Industriais
  • Instrumentação e Controle
  • Laboratório de Operações Unitárias
  • Mecânica dos Materiais
  • Microbiologia de Alimentos
  • Microbiologia de Processos
  • Nutrição e Qualidade Nutricional de Alimentos
  • Operações Unitárias
  • Processos Tecnológicos
  • Processos Tecnológicos
  • Projeto Industrial
  • Química
  • Química de Alimentos
  • Química na Engenharia de Alimentos
  • Química Orgânica
  • Refrigeração
  • Segurança dos Alimentos
  • Segurança Industrial
  • Serviços de Alimentação
  • Termobacteriologia Aplicada a Alimentos
  • Termodinâmica
  • Toxicologia de Alimentos
  • Transformações Bioquímicas em Alimentos
  • Tratamento de Águas Residuárias

Engenharia de alimentos, tecnólogo em alimentos ou nutrição?

Embora trabalhem todos ligados à área de alimentação, engenheiro de alimentos, cientista de alimentos e nutricionista têm atuações diferentes.

Veja um resumão sobre o foco de cada graduação:

  • Engenharia de Alimentos: voltado ao estudo das características físicas e químicas dos alimentos com foco na fabricação, armazenamento, controle de qualidade, transporte e conservação de alimentos industrializados.
  • Tecnologia em Alimentos: curso de tecnólogo com curta duração que permite trabalhar em indústrias alimentícias, laboratórios de análises microbiológicas, empresas de logística de alimentos, hotéis e restaurantes. O tecnólogo em alimentos pode trabalhar sob a supervisão de um engenheiro, tem foco de atuação mais restrito.
  • Nutrição: estuda as propriedades dos alimentos do ponto de vista do consumo e como ajudar as pessoas a terem melhor rendimento e saúde a partir de sua alimentação. Somente nutricionistas podem prescrever dietas. Na indústria alimentícia, pode ser responsável técnico e desenvolver aquelas informações nutricionais que vimos nos rótulos.

Onde estudar

O curso de Engenharia de Alimentos não está disponível em muitas faculdades brasileiras. Ele pode ser encontrado principalmente em instituições públicas como:

  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  • Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT)
  • Universidade Federal de Viçosa (UFV)
  • Universidade Federal do Maranhão (UFMA)
  • Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)

Já as graduações de Tecnólogo em Alimentos e, principalmente, Nutrição, estão disponíveis em muito mais instituições de ensino.

Entre elas, destacamos algumas que são bem avaliadas pelo MEC e oferecem facilidades como bolsas de estudos, financiamento e descontos variados.

Confira:

Veja também:

Nutrição: profissão, carreira e mercado de trabalho

O que achou do trabalho do engenheiro de alimentos? Tem a ver com você? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin