Conheça todas as áreas da Medicina Veterinária

Saiba quais são as áreas de atuação do profissional formado em Medicina Veterinária

O médico veterinário atua diretamente na saúde e bem-estar animal, assim como nos setores relacionados aos animais. Mas você sabia que esse profissional pode trabalhar em setores específicos da veterinária?

Áreas da Medicina Veterinária

De acordo com o Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV), existem mais de 80 áreas de atuação para esse profissional. Distribuímos essas áreas em nove frentes, que podem ser encontradas logo a seguir.

Clínica

A área clínica é voltada para o atendimento de animais de pequeno ou grande porte. São as consultas mais convencionais de rotina ou para o diagnósticos de possíveis patologias.

Cirúrgica

Como o próprio nome já diz, na área cirúrgica o médico veterinário trabalha especificamente com operações em diversos tipos de animais, dentre eles:

  • Cirurgia de grandes animais
  • Cirurgia em médios animais
  • Cirurgia em animais de companhia
  • Cirurgia de animais selvagens
  • Cirurgia de aves
  • Cirurgia de peixes
  • Cirurgia de carnívoros

Anestésica

O médico veterinário também pode trabalhar com a aplicação de anestesias em grandes animais, animais de porte médio, pequeno porte, animais de companhia ou até mesmo animais selvagens.

Laboratorial

Na área laboratorial, o veterinário é responsável por realizar exames, detectar doenças em animais ou fazer análises em produtos de origem animal. Veja a seguir algumas opções de trabalho laboratorial:

  • Laboratório de diagnósticos
  • Laboratório de pesquisas de doenças
  • Laboratório de diagnósticos em patologias
  • Laboratório de pesquisa em alimentos
  • Laboratório de produtos de uso animal
  • Laboratório de pesquisa de medicamento de uso animal
  • Laboratório para análise de solo e foliar
  • Laboratório para análise de água e produtos domi sanitários

Responsabilidade técnica

Na área de responsabilidade técnica o profissional é responsável por verificar a saúde de animais e se há ingestão de possíveis medicamentos ou hormônios. Confira abaixo uma lista de setores que exigem essa função:

  • Feiras, leilões e exposições
  • Zoológico
  • Centro de triagens de animais selvagens
  • Clínicas de pequenos animais
  • Centro de equoterapia
  • Canil
  • Fábrica de rações
  • Matadouro
  • Frigorífico
  • Laticínios
  • Hospital de grandes animais
  • Hospital de pequenos animais
  • Laboratório de embriões
  • Indústria de sal mineral
  • Aviculturas de corte
  • Avicultura de postura
  • Produção de aves
  • Produção de matrizes
  • Produção de ovos para vacinas e medicamentos
  • Casas de produtos veterinários
  • Indústria de medicamentos
  • Suinocultura
  • Cooperativa
  • Supermercados que manipulam alimentos de origem animal
  • Apicultura
  • Aquicultura
  • Laboratório de bromatologia
  • Tecnologia de carnes
  • Tecnologia de leite
  • Tecnologia de produtos do leite
  • Defesa sanitária animal
  • Vigilância sanitária animal
  • Vigilância ambiental

Auditoria

A auditoria ou inspeção consiste em avaliações precisas feitas em matadouros, frigoríficos ou em produtos laticínios para saber se as atividades nesses locais estão acontecendo da forma correta.

Consultoria

Na área de consultoria, o médico veterinário faz diagnóstico e propõe ações de melhoria nos seguintes aspectos:

  • Impactos ao meio ambiente
  • Produção animal
  • Reprodução animal de produção
  • Reprodução animal de pequeno porte
  • Produção animal de médio porte
  • Animais de pequeno porte para produção
  • Produção de aves ornamentais
  • Peixes ornamentais

Pesquisa

Dentro da área de pesquisa, os veterinários podem desenvolver diversos estudos que envolvam a saúde e o bem-estar animal.

Como se tornar médico veterinário?

Para se tornar um médico veterinário é necessário ter diploma de nível superior no curso de graduação em Medicina Veterinária.

Além disso, para exercer a profissão é preciso fazer um registro no Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV).

Feito isso, esse profissional pode ingressar no mercado de trabalho em locais como indústrias alimentícias com produtos de origem animal, clínicas veterinárias, lojas para animais, ou até mesmo como autônomo.

O curso

O curso de Medicina Veterinária possui duração média de cinco anos e é oferecido apenas no grau bacharelado. Como é um curso da área de Ciências Biológicas, os conteúdos abordados envolvem biologia e química, em aulas teórica e práticas. Veja a seguir algumas disciplinas da grade curricular do curso:

  • Anatomia
  • Anestesiologia
  • Bioestatística
  • Bioquímica
  • Biossegurança
  • Comunicação
  • Clínica médica
  • Embriologia e genética
  • Farmacologia
  • Fisiologia
  • Imunologia
  • Laboratório clínico
  • Nutrição animal
  • Patologia
  • Reprodução animal
  • Práticas veterinárias
  • Criação e produção animal
  • Zoonose

Para se formar e retirar o diploma é necessário fazer estágio e entregar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC).

Onde estudar Medicina Veterinária?

O diploma de Ensino Superior pode ajudar na disputa de um emprego, em uma possível efetivação ou até mesmo no aumento salarial. De acordo com dados da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), os profissionais que possuem diploma de nível superior podem ganhar até 140% a mais do que aqueles que não têm.

No entanto, a escolha de onde fazer uma graduação também é fundamental. Para que o diploma seja válido em todo o território nacional, o curso deve ser autorizado e reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). Por meio de uma avaliação, o órgão garante que a instituição possui a estrutura necessária para oferecer o curso.

Veja a seguir algumas opções de instituições de ensino que oferecem o curso de Medicina Veterinária, de acordo com as diretrizes do MEC:

Preparado para ingressar na área de Medicina Veterinária? Responda nos comentários abaixo!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin