Descubra o que faz um profissional de Automação Industrial

Tem interesse por esse curso e quer entender melhor o que faz um profissional de Automação Industrial? Saiba que essa graduação tem preparado muitos profissionais interessados em ingressar rapidamente no mercado de trabalho.

A área tem se popularizado e aberto bastante espaço para os formados em cursos tecnólogos, como o de Automação Industrial.

Conheça tudo sobre o curso de Automação Industrial, o que faz esse profissional e veja algumas dicas das melhores formas de dar os primeiros passos nessa carreira!

O que faz um tecnólogo em Automação Industrial?

O tecnólogo em Automação Industrial é um profissional que vai atuar para otimizar os processos das indústrias e, dessa forma, reduzir custos e aumentar a produtividade dessas cadeias.

Elaborado pelo Ministério da Educação (MEC), o Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia que classifica os cursos tecnólogos também aponta quais são as principais atividades que um estudante será capacitado de exercer após completar cada uma das graduações.

Para o curso de Automação Industrial, o MEC destaca algumas atividades principais que farão parte do perfil profissional após a conclusão do curso. Essas são elas:

  • Projeta e gerencia a instalação e o uso de sistemas automatizados de controle e supervisão de processos industriais;
  • Supervisiona a implantação e operação de redes industriais, sistemas supervisórios, controladores lógicos programáveis, sensores e atuadores presentes nos processos;
  •  Vistoria, realiza perícia, avalia, emite laudo e parecer técnico na área de automação.

Ele também estará apto a atuar em diversos cargos diferentes em empresas, entre eles como desenvolvedor de sistemas de automação, supervisor de montagem e manutenção de sistemas automatizados e consultor de tecnologias para automação.

Onde um tecnólogo em Automação Industrial pode trabalhar?

As principais áreas de atuação de um tecnólogo em Automação Industrial são em empresas de áreas industriais, como essas, por exemplo:

  • Alimentícia
  • Agrícola
  • Automobilística
  • Farmacêutica
  • Metalurgia
  • Petroquímica

Além disso, o catálogo do MEC também apresenta alguns campos de atuação onde o tecnólogo em Automação Industrial geralmente encontra oportunidades de trabalho. Confira quais são:

  • Empresas especializadas em automação industrial;
  • Empresas de planejamento, desenvolvimento de projetos e assistência técnica;
  • Indústrias com processos automatizados;
  • Indústrias com setores de manutenção de processos contínuos;
  • Institutos e Centros de Pesquisa;
  • Instituições de Ensino.

Quanto ganha um profissional de Automação Industrial?

O tecnólogo em Automação Industrial ganha um salário médio de R$ 3.066,16 por mês. Guarulhos (SP) é a cidade onde esse profissional recebe os maiores salários do país, e São Paulo (SP) é a cidade com a maior demanda por esse profissional e, por isso, mais vagas de emprego.

Os números acima foram levantados pelo o site Salário, especializado em pesquisas sobre remunerações das profissões exercidas no Brasil, que utiliza os dados oficiais dos registros profissionais do país, como o Novo CAGED, eSocial e Empregador Web.

O que é o curso de Automação Industrial?

O curso de Automação Industrial é um curso tecnológico, também conhecido como tecnólogo, que dá o diploma de nível superior aos estudantes que se formam nessa graduação.

De acordo com a classificação feita pelo Ministério da Educação (MEC), Automação Industrial é um dos 14 cursos do eixo tecnológico de “Controle e Processos Industriais” do Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia do MEC.

A graduação de Automação Industrial tem uma duração média de três anos para ser concluída, com uma carga horária mínima de 2.400 horas de aulas e atividades. Durante o curso, os estudantes vão passar por disciplinas que abordam principalmente áreas da Matemática, Física, Eletroeletrônica e Informática.

Nas disciplinas, os alunos vão aprender conceitos que passam pelos processos de automação dos diversos tipos de indústrias existente. As aulas práticas vão desenvolver nos alunos conhecimentos sobre os itens abaixo, entre outras coisas:

  • Controladores lógicos programáveis;
  • Controle de processos;
  • Comunicação de dados;
  • Instalação de sistemas de automação;
  • Microcontroladores;
  • Robótica e manufatura integrada.

Para desenvolver essas habilidades, os cursos devem oferecer uma estrutura com os laboratórios que permitam esses diversos tipos de práticas, como laboratório de informática, de automação, de eletroeletrônica, de redes industriais e de hidráulica e pneumática.

Para se formar, algumas faculdades exigem que o estudante tenha completado uma carga de estágio supervisionado na área. Ao final, o aluno deve completar o curso com o trabalho de conclusão de curso (TCC).

Onde estudar Automação Industrial?

Se você está buscando entrar em uma faculdade e o curso de Automação Industrial surgiu como uma das possibilidades, deve estar atento na hora de escolher onde estudar.

Para que uma faculdade possa formar profissionais com diplomas válidos no mercado de trabalho, ela precisa ser reconhecida pelo MEC. Somente esse certificado dá autorização ao funcionamento de cursos válidos no mercado.

Nas faculdades abaixo, você vai encontrar esses e diversos outros cursos para começar uma graduação. Confira a lista:

As faculdades acima podem oferecer bolsas de estudo, ingresso com a nota do Enem e outros programas do governo, como o Fies e o Prouni.

Leia também: Conheça tudo sobre o curso de Automação Industrial

Se interessou pela profissão de Automação Industrial? Conte para a gente o que achou nos comentários abaixo!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin