O que é e como fazer uma carta de apresentação?

Se você está participando de algum processo seletivo para um novo emprego ou de uma universidade, provavelmente já ouviu falar em carta de apresentação. Mas você sabe a diferença entre elas e como escrever um bom texto para destacar as suas qualidades e o seu currículo?

Veja a seguir algumas informações úteis que podem te ajudar na hora de elaborar a sua carta de apresentação. 

O que é uma carta de apresentação?

carta de apresentaçãoA carta de apresentação é um documento que como o próprio nome diz, apresenta algo para alguém. Neste caso, é um texto em que uma pessoa escreve se apresentado para outro em um determinado contexto.

É bem comum que universidades e empresas solicitem aos candidatos este documento para complementar o currículo. Essa é uma maneira que os recrutadores encontram para saber mais do candidato antes da entrevista.

Ela é um complemento do seu currículo. Isso porque no currículo nem sempre é possível detalhar todas as suas experiências e falar de forma mais aberta sobre você, então a carta de apresentação pode te dar uma mãozinha nisso.

Por ser um complemento, a carta de apresentação não é um item obrigatório dos processos seletivos, mas nada impede que você anexe este documento por vontade própria. Isso pode até ser um diferencial, porque os recrutadores podem ver o seu interesse na vaga e te conhecer melhor.

Cada empresa ou universidade pode ter alguma especificação em relação ao formato, tamanho e o conteúdo da carta. Por isso é importante ficar atento ao edital para redigir um texto compatível com o que as instituições procuram.

Mas de qualquer forma, alguns itens são essenciais em uma carta de apresentação. A seguir, você confere dicas para elaborar o seu texto.

Como elaborar uma carta de apresentação para um emprego

Antes de elaborar a carta, tenha em mente que o seu texto precisa ser objetivo, claro e sincero. Já pensou na quantidade de currículos que o RH recebe? Pois bem! Se você colocar muitas informações que fogem do contexto da vaga desejada, pode ser que o seu nome seja descartado logo de cara.

Também não é espaço para enrolação e muito menos para inventar mentiras. Você precisa inserir informações relevantes, que realmente vão fazer a diferença para os recrutadores durante o processo seletivo e que sejam verdadeiras.

Outro aspecto importante é verificar quais são os requisitos e habilidades que a empresa exige. Assim é possível destacar as suas competências e experiências de acordo com a vaga pretendida, o que facilita a avaliação por parte do recrutador.

Então se para concorrer à vaga é crucial ser fluente em inglês e possuir uma graduação em determinado curso, e você não possui essas formações, não adianta enviar o seu currículo, muito menos a carta de apresentação.

Veja a seguir algumas dicas para elaborar uma carta de apresentação para uma vaga de emprego:

  • Início da carta: nos primeiros parágrafos você deve informar o cargo pretendido, os seus objetivos com a proposta de emprego e a sua formação acadêmica e profissional. Aqui é o momento para falar de cursos relevantes, como graduação, especialização e idiomas. 
  • Desenvolvimento: este é o momento para descrever suas experiências profissionais. Pontue, de forma objetiva, os cargos que já ocupou e as tarefas desenvolvidas por você e que sejam valiosas para a vaga pretendida.
  • Conclusão: faça sua despedida e se coloque à disposição da empresa para uma entrevista ou para qualquer dúvida.

Lembre-se sempre de utilizar a linguagem formal, não use abreviações, gírias ou qualquer outro termo que fuja desse contexto.

Como elaborar uma carta de apresentação para uma universidade

Já quando o assunto é carta de apresentação para o ensino superior, algumas universidades como a Fundação Getúlio Vargas (FGV), a Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e a Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUC-Campinas) aderiram à iniciativa em alguns cursos e processos seletivos para conhecer um pouco mais dos alunos ingressantes.

Se você deseja estudar no exterior, é bem comum que as faculdades exijam a carta de apresentação como parte do processo seletivo. No documento, o aluno insere suas habilidades, formação acadêmica, experiências profissionais e pessoais, além dos motivos que o fizeram escolher por tal instituição.

Confira a seguir algumas dicas para redigir uma carta de apresentação para uma universidade:

  • Início: deixe claro os seus objetivos, informe seu nome e qual o objetivo da carta.
  • Desenvolvimento: fale sobre o que te motivou a se candidatar para determinada universidade e sobre o curso pretendido. Informe as suas experiências escolares, como essa instituição pode agregar na sua formação e suas as habilidades e valores que são compatíveis com os valores e com o que a faculdade espera de um aluno.
  • Conclusão: informe que está à disposição da faculdade para qualquer dúvida ou para uma entrevista e se despeça.

Neste formato de carta é importante também utilizar a linguagem formal e evitar o uso de gírias, afinal o seu texto não será direcionado para outros estudantes, mas sim para uma equipe de profissionais que irão avaliar o material enviado.

Veja outra possibilidade para destacar seu currículo

Além de uma boa carta de apresentação, outros itens são importantes para destacar o seu currículo e fazer com que você seja contratado por uma empresa. Cursar uma graduação, por exemplo, faz a diferença no mercado de trabalho, porque cada vez mais os recrutadores buscam por pessoas qualificadas e preparadas para a rotina profissional.

A gente sabe que ao ingressar em uma faculdade é necessário investir tempo, dinheiro e dedicação, afinal é o seu futuro profissional que está em jogo. Por isso, você precisa escolher uma faculdade que vai te preparar para exercer a profissão com excelência, que seja reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) e que tenha um corpo docente competente.

Pensando nisso, separamos algumas instituições de ensino superior que, além de cumprirem todos esses requisitos, oferecem condições especiais na mensalidade.

Confira:

E aí, você sabia da importância de fazer uma carta de apresentação? Deixe sua resposta nos comentários!

O que é uma carta de apresentação?

A carta de apresentação é um documento que como o próprio nome diz, apresenta algo para alguém. Neste caso, é um texto em que uma pessoa escreve se apresentado para outra em um determinado contexto.

Como elaborar uma carta de apresentação para um emprego

Antes de elaborar a carta, tenha em mente que o seu texto precisa ser objetivo, claro e sincero. Também não é espaço para enrolação e muito menos para inventar mentiras. Você precisa inserir informações relevantes, que realmente vão fazer a diferença para os recrutadores durante o processo seletivo e que sejam verdadeiras.

Como elaborar uma carta de apresentação para uma universidade

Início: deixe claro os seus objetivos, informe seu nome e qual o objetivo da carta. Desenvolvimento: fale sobre o que te motivou a se candidatar para determinada universidade e sobre o curso pretendido. Informe as suas experiências escolares, como essa instituição pode agregar na sua formação e suas as habilidades e valores que são compatíveis com os valores e com o que a faculdade espera de um aluno. Conclusão: informe que está à disposição da faculdade para qualquer dúvida ou para uma entrevista e se despeça.

Carta de apresentação é obrigatório?

Ela é um complemento do seu currículo. Isso porque no currículo nem sempre é possível detalhar todas as suas experiências e falar de forma mais aberta sobre você, então a carta de apresentação pode te dar uma mãozinha nisso. Por ser um complemento, a carta de apresentação não é um item obrigatório dos processos seletivos, mas nada impede que você anexe este documento por vontade própria. Isso pode até ser um diferencial, porque os recrutadores podem ver o seu interesse na vaga e te conhecer melhor.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin