dcsimg

Descubra como conseguir uma bolsa de estudos para Medicina

Quer estudar Medicina mas a grana está curta? Saiba como fazer um dos cursos mais procurados do Brasil sem pagar um centavo sequer!

Se você pensa em fazer Medicina, já sabe que terá de enfrentar um dos cursos mais concorridos do Brasil.

Mas isso está longe de ser uma barreira para quem está determinado a entrar em uma das profissões com maior empregabilidade e salários mais altos do país – sem falar na possibilidade de salvar vidas, que também conta muito!

Hoje, as vagas disponíveis nas instituições públicas não dão conta de atender à grande demanda pelo curso. Por isso, para muita gente, o jeito é recorrer às instituições particulares.

Só que o curso tem mensalidades altas, que ficam fora do alcance de muita gente. Às vezes, a única saída possível é tentar uma bolsa de estudos para Medicina.

Quer saber como conseguir uma? Fique ligado que a gente explica a seguir.

Por que tanta gente precisa de bolsa para estudar Medicina?

As mensalidades do curso de Medicina são altíssimas, podendo chegar a mais de dez salários mínimos!

Para entender porque custa tão caro, é preciso observar o formato do curso.

Medicina é o bacharelado mais longo do país, com seis anos de duração. Durante esse tempo os alunos terão uma carga importante de aulas práticas, em laboratórios especializadíssimos (anatomia, química, citologia) que requerem o uso de equipamentos de última geração – e geralmente esse material é todo importado.

A contratação de professores de renome também eleva bastante os custos.

Além de estudar seis anos em tempo integral, tem ainda a residência médica depois da conclusão da graduação, caso queira se especializar em áreas como oftalmologia, ginecologia, pediatria, cirurgia plástica, gastrenterologia, otorrinolaringologia, etc.

Aí são mais dois ou três anos de estudos.

Resumindo: é necessário quase uma década de investimento para se formar médico. E se você não estiver em uma instituição pública, terá de arcar, de uma forma ou de outra, com os custos dos estudos.

Por sorte dá para conseguir bolsa de estudos para Medicina em algumas das melhores faculdades particulares do país. Descubra como no próximo tópico!

Como conseguir bolsa de estudos para Medicina

A maneira mais comum de conquistar uma bolsa de estudos para Medicina é por meio do ProUni, o Programa Universidade para Todos.

Conduzido pelo governo federal, concede bolsas parciais e integrais a estudantes que comprovadamente não tenham condições de arcar com os custos do curso.

Para conseguir um benefício desse tamanho é necessário passar por um processo seletivo que irá exigir uma boa nota no Enem mais recente. A pontuação mínima necessária para se inscrever é de 450 na média das provas, sem ter zerado a redação.

Os interessados também precisam atender a três exigências básicas: ter feito todo ensino médio em escolas da rede pública (ou na rede particular como bolsista integral), ter renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa e não ter diploma de nível superior.

A concorrência é alta por aqui. As notas que garantem bolsa em Medicina variam de 700 a 850 pontos, em média.

Você vai ficar feliz de saber que o governo abre duas concorrências por ano – no primeiro e no segundo semestre – e que, além do ProUni, existem outras maneiras de conseguir bolsa em Medicina.

Dê uma olhada a seguir.

Outras formas de conseguir bolsa de estudos para Medicina

O ProUni pode ser a principal forma de conseguir bolsa de estudos para Medicina, mas não é a única.

Em faculdades mais tradicionais, por exemplo, os alunos que passaram em primeiro ou segundo lugar no vestibular de Medicina podem garantir uma bolsa parcial ou integral.

Há também aquelas instituições que, por meio de convênios com empresas, podem dar um desconto interessante nas mensalidades, que funciona praticamente como uma bolsa parcial.

Muitas vezes, as secretarias de educação do estado ou do município da região onde você vive também contam com algum programa de bolsa de estudos. Não custa se informar a respeito.

Não vai rolar bolsa em Medicina? Considere um financiamento!

Se você não tem perfil para participar do ProUni, e conseguir uma bolsa por outros meios está difícil, talvez um financiamento estudantil a juros baixos seja a melhor saída nesse caso.

Pelo Fundo de Financiamento Estudantil do governo federal, o FIES, os interessados em estudar Medicina podem conseguir uma ajuda interessantíssima para pagar o curso.

O FIES concede financiamento a longo prazo, juros baixos e pagamento facilitado. A dívida só começa a ser quitada depois da formatura.

Pode não ser a situação ideal para quem realmente precisa de uma bolsa de estudos, mas é uma saída a ser levada em conta se você não quer mais adiar o sonho de estudar Medicina.

Para tentar o FIES, o interessado precisa ter feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, não ter zerado a redação e apresentar pontuação de pelo menos 450 na média das provas. A renda familiar mensal bruta permitida é de até cinco salários mínimos por pessoa. As inscrições abrem duas vezes ao ano, no primeiro e no segundo semestre.

Onde conseguir uma bolsa de estudos em Medicina

Fazer um bom curso de Medicina não tem segredo: basta escolher uma faculdade que seja reconhecida e, principalmente, bem avaliada pelo Ministério da Educação (MEC). Só isso já garante que o aluno entrará com pé direito no mercado de trabalho.

A seguir, a gente separou algumas boas faculdades que oferecem o curso de Medicina e, além disso, trabalham com o ProUni, o FIES e outros sistemas de bolsas e financiamentos:

Veja também:

Saiba como conseguir uma bolsa de estudos para Odontologia

O que achou das opções de bolsas para Medicina? Vai tentar qual delas? Conte para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin