dcsimg

Descubra todos os cursos que a Unicamp oferece

Veja a lista de cursos de graduação oferecidos pela Unicamp. Instituição tem um dos vestibulares mais concorridos do país.

A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) é uma instituição pública de ensino superior do estado de São Paulo. Fundada em 1962, com foco em pesquisa, a Unicamp tem cerca de 40 mil estudantes de graduação e pós-graduação.

O campus principal da universidade fica em Campinas (SP), no distrito de Barão Geraldo, a 12 quilômetros do centro da cidade. A instituição também tem campi satélites nos municípios paulistas de Limeira, Piracicaba e Paulínia.

Hoje, a Unicamp responde por 8% da pesquisa acadêmica no Brasil e tem um dos vestibulares mais concorridos do país. Não é à toa que a instituição sempre aparece nos rankings de melhores universidades do Brasil e do mundo. 

A Unicamp oferece cerca de 70 cursos de graduação, com opções de turno integral ou noturno. Veja a lista completa a seguir.

Lista de cursos de graduação da Unicamp

Confira abaixo, em ordem alfabética, todos os cursos de graduação oferecidos pela Unicamp:

  • Administração (noturno)
  • Administração Pública (noturno)
  • Arquitetura e Urbanismo (noturno)
  • Artes Cênicas (integral)
  • Artes Visuais (integral)
  • Ciência da Computação (noturno)
  • Ciências Biológicas (integral)
  • Ciências Biológicas – licenciatura (noturno)
  • Ciências do Esporte (integral)
  • Ciências Econômicas (integral ou noturno)
  • Ciências Sociais (integral ou noturno)
  • Comunicação Social – Midialogia (integral)
  • Dança (integral)
  • Educação Física (integral ou noturno)
  • Enfermagem (integral)
  • Engenharia Agrícola (integral)
  • Engenharia Ambiental (noturno)
  • Engenharia Civil (integral)
  • Engenharia de Alimentos (integral ou noturno)
  • Engenharia de Computação (integral)
  • Engenharia de Controle e Automação (noturno)
  • Engenharia de Manufatura (integral)
  • Engenharia de Produção (integral)
  • Engenharia de Telecomunicações (integral)
  • Engenharia de Transportes (noturno)
  • Engenharia Elétrica (integral ou noturno)
  • Engenharia Física (integral)
  • Engenharia Mecânica (integral)
  • Engenharia Química (integral ou noturno)
  • Estatística (integral)
  • Estudos Literários (integral)
  • Farmácia (integral)
  • Filosofia (integral)
  • Física (integral)
  • Física – licenciatura (noturno)
  • Física: Física Médica e Biomédica (integral)
  • Fonoaudiologia (integral)
  • Geografia (integral ou noturno)
  • Geologia (integral)
  • História (integral)
  • Letras – licenciatura (integral ou noturno)
  • Licenciatura Integrada Química/Física (noturno)
  • Linguística (integral)
  • Matemática (integral)
  • Matemática Aplicada e Computacional (integral)
  • Matemática – licenciatura (noturno)
  • Medicina (integral)
  • Música (integral)
  • Nutrição (integral)
  • Odontologia (integral)
  • Pedagogia – licenciatura (integral ou noturno)
  • Química (integral)
  • Química Tecnológica (noturno)
  • Sistemas de Informação (integral)
  • Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas (noturno)
  • Tecnologia em Saneamento Ambiental (noturno)

Todas as graduações da Unicamp são gratuitas e oferecidas na modalidade presencial, embora seja possível fazer algumas disciplinas a distância, dependendo do curso.

Formas de ingresso

A principal maneira de ingressar nos cursos da Unicamp é prestar o vestibular próprio da instituição, aplicado anualmente pela Comissão Permanente para os Vestibulares (COMVEST), em duas fases. Recentemente, a Unicamp tem diversificado suas formas de ingresso.

Conheça as opções de ingresso nas graduações da Unicamp:

  • Vestibular da própria universidade, em duas fases.
  • Usar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), por meio de cadastro e seleção no site da COMVEST. A Unicamp oferece 20% de suas vagas nesta modalidade.
  • Vestibular indígena, exclusivo para quem pertence a uma das etnias indígenas do território brasileiro (cerca de 90 vagas).
  • Vagas olímpicas (cerca de 100), destinadas a estudantes premiados em olimpíadas ou outras competições de conhecimentos.
  • Via Programa de Formação Interdisciplinar Superior (ProFIS), curso piloto de ensino superior voltado aos estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas de Campinas. São oferecidas 120 vagas. Concluído o ProFIS, o aluno pode ingressar, sem vestibular, em um curso de graduação da Unicamp.

Outras boas faculdades reconhecidas pelo MEC

Para quem é da região de Campinas e está em busca de cursos de graduação menos concorridos, vale dar uma olhada nas diferentes opções disponibilizadas por universidades particulares reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC) que atuam no interior de São Paulo.

Quase todos os cursos de graduação oferecidos pela Unicamp também estão disponíveis na rede privada de ensino superior, que tem investido bastante tanto na modalidade presencial quanto nos formatos semipresencial e a distância (EAD). 

Mais flexíveis, as graduações online permitem ao aluno organizar os próprios horários e métodos de estudo.

Se sua preocupação for o valor das mensalidades, saiba que existem boas instituições particulares que, além de cobrarem valores bem em conta, trabalham com bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) e têm sistemas próprios de descontos. É o caso destas universidades:

Todas as universidades da lista acima são credenciadas pelo MEC. Isso garante que seu diploma será aceito em todo o país, tanto por empresas privadas quanto por concursos públicos e programas de pós-graduação.

Acesse o site da instituição de seu interesse para saber mais sobre cursos oferecidos, formas de ingresso, mensalidades e programas de bolsas e descontos.

Leia mais:

Saiba tudo sobre o vestibular da Unicamp

Conheça as 20 melhores faculdades particulares de São Paulo

Você vai prestar o vestibular da Unicamp? Considera estudar em uma universidade particular com bolsa? Deixe um comentário contando para a gente!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin