5 dicas para colocar em prática antes do Enem 2021

Com o Enem cada vez mais próximo, os estudantes podem dar um último gás na preparação. Confira 5 dicas práticas para fazer antes do Enem 2021.

O Enem é uma das provas mais importantes do calendário estudantil do Brasil. Mesmo com os desafios da pandemia do novo coronavírus, a prova está marcada e esse é o momento para dar o “último gás” para o teste. Conheça 5 dicas para colocar em prática antes do Enem 2021!

Faça uma revisão do que você estudou

Se você se programou para fazer o Enem, deve ter estudado diferentes matérias ao longo do ano. Como se trata de uma prova que engloba diversos assuntos, é possível que muita coisa não esteja mais “tão fresca” na memória.

Essa reta final antes do Enem é o momento ideal para fazer uma boa revisão de tudo o que você estudou. Vale fazer simulados, rever as anotações e até criar resumos escritos para ter uma melhor memorização dos conteúdos.

Leia o edital da prova

Ler documentos como o edital da prova do Enem não está entre as coisas mais divertidas que o estudante pode fazer – entretanto, a leitura é essencial. É no edital que você vai encontrar dados importantes, como o funcionamento da prova, o cálculo da nota, o quanto vale cada matéria, entre outros.

Também é fundamental ler atentamente os dados da sua prova. Onde ela acontecerá, qual o horário do fechamento dos portões, se há mais de uma entrada disponível na escola, etc.

Para finalizar, vale conferir o manual dos corretores de redação do Enem, que foi divulgado pela primeira vez. Essa informação pode ser útil para montar uma redação dentro do que os corretores esperam.

Conheça os temas recorrentes do Enem

O Enem é um exame que acontece desde 1998. Nesse tempo todo, muitos temas passaram pelas perguntas da prova e existem alguns assuntos que tem maior probabilidade de aparecer no teste.

Por isso, nessa reta final, reserve algum tempo para rever os temas recorrentes do Enem. Existem diversos sites que apresentam uma listagem com esses assuntos, separados por matérias.

Encontrou a indicação de um conteúdo que você já tinha excluído do computador? Não precisa se desesperar! É sempre possível contar com um software que recupera arquivos excluídos do computador. Usar a tecnologia a nosso favor é fundamental em momentos estressantes, especialmente nos dias que antecedem a prova.

Se planeje

Alguns dias antes do Enem, que está marcado para os dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro, reserve um tempo na sua agenda somente para planejar como será o seu dia de prova.

Lembre-se de conferir em que escola a prova será aplicada, qual o horário da abertura e fechamento dos portões, como você vai chegar até lá (ônibus, carro por aplicativo, carona com alguém, etc), qual lanche você vai levar para se alimentar durante a prova, enfim.

Como estamos vivendo em um momento delicado da saúde pública, fique de olho às atualizações da prova, visto que algumas regras – e mesmo a aplicação do teste – podem mudar.

Salvar os arquivos no seu HD

Certamente, ao longo deste ano, você estudou e viu muito conteúdo, tendo na Internet uma fonte importante de informação. Afinal, não faltam apostilas, simulados e livros completos para fazer o download.

Com a prova se aproximando, muita gente opta por excluir esses arquivos e liberar espaço na máquina. Porém, a dica é justamente o contrário: salve os arquivos no seu HD para ter uma segurança.

Assim, esses dados poderão ser consultados caso você tenha ficado em dúvida em uma questão ou, se você não se sair bem no Enem, poderá utilizar o material para continuar estudando.

E você não precisa se preocupar com a segurança do HD no que diz respeito à exclusão (acidental ou não) de arquivos. Hoje, já existem programas para recuperar arquivos deletados HD externo, como o Recoverit. Tudo o que você precisa fazer é conectar o HD ao computador, abrir o programa e selecionar o disco que deseja recuperar arquivos deletados.

O software vai fazer uma varredura completa e você poderá selecionar os documentos que quer recuperar.

O Enem vai acontecer?

Apesar da pandemia do coronavírus, até o momento o Ministério da Educação confirma a realização da prova, sendo a primeira etapa ainda no mês de janeiro. Porém, essa data pode mudar, dependendo da evolução da propagação da doença no país.

Por isso, busque informações atualizadas sobre a prova, mas não deixe de estudar. Assim, se o teste for confirmado, você estará em plenas condições para participar e tirar uma boa nota!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin
Descubra a faculdade certa para você!