dcsimg

Descubra quais as bolsas de estudo disponíveis no mercado

Quer saber mais sobre programas de bolsas de estudo integrais e parciais? Confira o post que criamos sobre o assunto!

Muitos estudantes só conseguem realizar o sonho de ingressar em um curso superior porque fazem parte de um programa de bolsas de estudos. Há diversas opções atualmente, que vão desde projetos criados pelo Governo Federal até programas criados pelas próprias instituições de ensino.

Como o acesso ao ensino superior no país ainda é uma realidade difícil para grande parte das pessoas, as bolsas de estudos são uma forma de permitir que o número de estudantes nas faculdades cresça e, assim, haja cada vez mais profissionais qualificados no mercado de trabalho.

Quer saber um pouco mais sobre programas de bolsas de estudos? Então continue a leitura deste post!

O que é uma bolsa de estudo?

Uma bolsa de estudo é um desconto concedido a estudantes que não têm condições de pagar pelo curso que estão fazendo. Elas contemplam vários tipos de cursos, que vão desde aulas de idiomas até mestrados e doutorados. Há também programas de bolsas de estudos voltados para quem deseja fazer intercâmbio e ser formar em outro país.

Existem dois tipos de bolsas de estudos:

  • Bolsas que cobrem parte do valor das mensalidades do curso: nesse tipo de programa, o aluno estuda na instituição mediante desconto na mensalidade do curso, que pode ser parcial ou total. Muitas vezes, as bolsas parciais oferecem até 80% de desconto no valor mensal do curso.
  • Bolsas que pagam um valor mensal ao estudante: nesse caso, o estudante recebe uma ajuda de custo para se manter durante os anos de estudo. Esse tipo de bolsa é mais comum em programas de mestrado.

Há diversas opções de bolsas de estudo criadas pelo Governo Federal e por instituições de ensino privadas. Todas elas possibilitam que o aluno estudem sem custo algum ou pagando um valor baixo.

Qual a diferença entre bolsa de estudo e financiamento estudantil?

É comum que alunos confundam bolsas de estudo com financiamento estudantil. A diferença entre os dois programas é muito simples: a bolsa de estudo é um benefício que o aluno ganha para fazer todo seu curso de forma gratuita ou com desconto.

Já o financiamento estudantil é um empréstimo, que visa financiar toda ou parte da graduação do aluno. Durante a faculdade, o estudante paga apenas uma parte da taxa de juros do empréstimo, a maior parte do valor deverá ser paga depois da conclusão do curso, quando o estudante já estiver empregado.

Quais são as bolsas de estudo disponíveis para quem quer estudar em uma faculdade particular?

ProUni

O ProUni é o programa de bolsa de estudos mais utilizado atualmente. O projeto é voltado para alunos de baixa renda e oferece descontos de 50% e 100%, para estudantes em diversas instituições do país.

Quem deseja ingressar em uma faculdade por meio do ProUni precisa fazer o Enem e alcançar pontuação mínima de 450 pontos na prova objetiva, além de não zerar a redação.

No entanto, quem deseja ingressar em cursos concorridos como Engenharia, Direito e Medicina, por exemplo, precisa se dedicar mais, pois a concorrência para essas áreas é bastante acirrada e só consegue vaga quem alcança as melhores notas.

Neora

O Neora oferece bolsas de até 70% em diversas instituições particulares do país. A instituição foi fundada em 2008 e já ajudou mais de 200 mil estudantes a realizarem o sonho de ingressar em uma faculdade.

Para concorrer a uma bolsa pelo Neora, não há necessidade de comprovação de renda e nem pagamento após a formatura, pois o desconto é aplicado diretamente nas mensalidades. O processo é simples e não há fila de espera.

Para conseguir o desconto, basta entrar no site da instituição, fazer o cadastro e escolher o curso e a faculdade a qual deseja estudar. Em seguida, o estudante deve imprimir o Cupom Neora e entregar na secretaria da faculdade escolhida no momento da matrícula. Esse cupom é na verdade, um comprovante de que o estudante é bolsista.

Faculdades filantrópicas

Nem todas as instituições particulares têm fins lucrativos — são as chamadas faculdades filantrópicas. Esse tipo de escola superior recebe incentivos fiscais do governo e devem disponibilizar bolsas de estudos a alunos de baixa renda.

Os pré-requisitos para a concessão do benefício são definidos pelas próprias instituições, mas geralmente as bolsas são destinadas a estudantes carentes, que não têm condições de arcar com os custos das mensalidades.

Bolsas institucionais

Mesmo faculdades particulares com fins lucrativos oferecem bolsas de estudos para alunos de baixa renda. Geralmente, o programa é voltado para quem estudou em escola pública e se enquadra nos requisitos de renda familiar, definidos pela própria instituição que concede a bolsa.

Algumas faculdades lançam o vestibular específico para a concessão de bolsas. Nesses casos, os melhores colocados no processo seletivo são contemplados com os melhores descontos.

Onde estudar por meio de uma bolsa de estudos?

Há diversas faculdades privadas no Brasil nas quais você pode estudar por meio de uma bolsa de estudo, seja ela concedida pela própria instituição ou pelo ProUni.

Abaixo, listamos boas faculdades reconhecidas pelo MEC onde você pode conseguir uma bolsa de estudos e realizar seu sonho de ingressar na educação superior.

Veja também

Descubra quais são as profissões do futuro

Conheça profissões autônomas que estão em alta no mercado

Agora que você conhece mais opções de bolsas de estudo ficou ainda mais animado para começar a graduação? Já sabe o curso e a faculdade onde pretende estudar? Conte para nós os seus planos! Deixe um comentário aqui embaixo.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin