dcsimg

Descubra qual o resultado do Enem 2018

Veja quando sai o resultado mais esperado do ano e como utilizar sua nota do Enem 2018 para entrar na faculdade!

Não interessa a época do ano: é sempre hora de fazer aquela contagem regressiva para o Enem e para o tão esperado dia de divulgação dos resultados.

Quem está se preparando para encarar o Enem 2018 sabe o quanto um bom resultado pode mudar tudo. Tudo isso porque o exame é, hoje, um verdadeiro passaporte para entrar no ensino superior. Com ele é possível conseguir vaga em faculdades particulares e públicas por meio de pelo menos quatro grandes processos seletivos.

Descubra a seguir tudo sobre o resultado do Enem 2018, os principais processos seletivos quem usam a nota do exame e, de quebra, algumas das melhores faculdades onde tentar vaga a partir de 2019.

Confira!

Quando sai o resultado do Enem 2018

Os resultados do Enem são divulgados cerca de dois meses depois da realização das provas, em janeiro do ano seguinte.

Neste ano, quem fizer o Enem em 2018, portanto, terá acesso ao resultado no dia 18 de janeiro de 2019.

Essa demora – que para muita gente é uma eternidade – é fruto de um longo e complexo processo de correção. Primeiro, as provas objetivas são submetidas a uma leitura computadorizada que é realizada várias e várias vezes para garantir que não haverá erros na contabilização dos pontos.

Na sequência os avaliadores analisam milhões de provas de redação. É aqui que está a dinâmica mais complicada, já que cada prova precisa ser corrigida uma a uma por, no mínimo, dois avaliadores diferentes. E dar a nota não é tão simples assim: eles precisam levar em conta quesitos como estrutura do texto, coerência de ideias, proposta apresentada pelo estudante e se o assunto apresentado tem a ver com o tema pedido.

Até a data da divulgação dos resultados os avaliadores terão lido nada menos que 5 milhões de redações, mais ou menos. É mole?

Gabarito do Enem 2018 – Primeiro dia

No primeiro dia do Enem 2018, as provas são de Linguagens e Códigos, Ciências Humanas e Redação.

O tema da redação foi: “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”.

Confira agora o gabarito extraoficial das provas:

PROVA ROSA
Inglês
1 – C
2 – B
3 – E
4 – D
5 – B
Espanhol
1 – B
2 – B
3 – D
4 – C
5 – B

6 – B
7 – C
8 – A
9 – D
10 – B
11 – B
12 – B
13 – E
14 – C
15 – B
16 – E
17 – A
18 – E
19 – C
20 – B
21 – B
22 – D
23 – A
24 – D
25 – A
26 – D
27 – D
28 – B
29 – C
30 – B
31 – C
32 – E
33 – C
34 – B
35 – B
36 – B
37 – C
38 – A
39 – C
40 – A
41 – A
42 – E
43 – C
44 – E
45 – D
46 – C
47 – D
48 – E
49 – C
50 – A
51 – A
52 – B
53 – B
54 – D
55 – D
56 – E
57 – C
58 – B
59 – E
60 – E
61 – D
62 – B
63 – E
64 – B
65 – B
66 – E
67 – B
68 – E
69 – D
70 – C
71 – E
72 – E
73 – B
74 – C
75 – E
76 – A
77 – E
78 – E
79 – C
80 – E
81 – C
82 – C
83 – D
84 – B
85 – D
86 – D
87 – C
88 – A
89 – C
90 – D

PROVA AMARELA
Inglês
1 – B
2 – B
3 – E
4 – D
5 – C
Espanhol
1 – C
2 – B
3 – B
4 – E
5 – B

6 – B
7 – B
8 – E
9 – A
10 – D
11 – B
12 – C
13 – B
14 – C
15 – E
16 – D
17 – B
18 – E
19 – A
20 – A
21 – B
22 – B
23 – E
24 – C
25 – B
26 – C
27 – B
28 – A
29 – E
30 – C
31 – A
32 – B
33 – E
34 – B
35 – B
36 – D
37 – D
38 – B
39 – A
40 – D
41 – D
42 – C
43 – A
44 – C
45 – B
46 – A
47 – E
48 – E
49 – C
50 – D
51 – E
52 – C
53 – B
54 – E
55 – B
56 – D
57 – C
58 – A
59 – C
60 – D
61 – E
62 – D
63 – E
64 – E
65 – D
66 – B
67 – D
68 – D
69 – E
70 – B
71 – C
72 – E
73 – C
74 – D
75 – E
76 – C
77 – A
78 – A
79 – B
80 – E
81 – D
82 – B
83 – E
84 – B
85 – D
86 – E
87 – B
88 – E
89 – C
90 – C
PROVA AZUL
Inglês
1 – B
2 – B
3 – D
4 – E
5 – C
Espanhol
1 – B
2 – B
3 – C
4 – D
5 – B

6 – C
7 – E
8 – C
9 – B
10 – B
11 – B
12 – D
13 – B
14 – B
15 – C
16 – A
17 – D
18 – D
19 – D
20 – B
21 – B
22 – B
23 – E
24 – A
25 – D
26 – B
27 – C
28 – A
29 – C
30 – E
31 – D
32 – A
33 – E
34 – B
35 – C
36 – B
37 – C
38 – B
39 – E
40 – A
41 – E
42 – C
43 – A
44 – C
45 – A
46 – C
47 – A
48 – C
49 – D
50 – D
51 – B
52 – D
53 – D
54 – E
55 – C
56 – C
57 – E
58 – D
59 – C
60 – E
61 – E
62 – B
63 – C
64 – E
65 – A
66 – E
67 – E
68 – C
69 – B
70 – B
71 – E
72 – B
73 – E
74 – D
75 – B
76 – E
77 – D
78 – E
79 – C
80 – B
81 – E
82 – B
83 – D
84 – C
85 – A
86 – A
87 – B
88 – C
89 – D
90 – E
PROVA BRANCA
Inglês
1 – B
2 – C
3 – D
4 – E
5 – B
Espanhol
1 – D
2 – B
3 – C
4 – B
5 – B

6 – A
7 – D
8 – D
9 – C
10 – B
11 – E
12 – A
13 – E
14 – C
15 – B
16 – C
17 – B
18 – A
19 – D
20 – B
21 – E
22 – C
23 – C
24 – E
25 – C
26 – B
27 – D
28 – B
29 – A
30 – E
31 – B
32 – B
33 – D
34 – A
35 – C
36 – A
37 – C
38 – E
39 – D
40 – B
41 – C
42 – A
43 – B
44 – B
45 – C
46 – E
47 – C
48 – C
49 – B
50 – B
51 – E
52 – B
53 – E
54 – D
55 – B
56 – E
57 – D
58 – B
59 – D
60 – D
61 – A
62 – E
63 – E
64 – C
65 – D
66 – E
67 – C
68 – B
69 – E
70 – C
71 – A
72 – C
73 – D
74 – E
75 – D
76 – C
77 – E
78 – C
79 – D
80 – E
81 – C
82 – A
83 – A
84 – B
85 – B
86 – D
87 – E
88 – B
89 – C
90 – E

Processos seletivos que usam o resultado do Enem 2018

Existem quatro grandes processos seletivos que usam a nota do Enem. Três deles são do governo federal e distribuem vagas em instituições de ensino por todo o Brasil. O outro é um sistema utilizado apenas pelas faculdades particulares.

Confira as opções:

  1. Sisu – Sistema de Seleção Unificada: O Sisu é o principal processo seletivo do governo federal. Oferece vagas em universidades públicas e institutos federais de todo o Brasil. Para entrar na disputa com o seu resultado do Enem em 2019, basta ter feito a edição mais recente das provas (em 2018) e não ter zerado a redação. Os candidatos podem concorrer por meio de cotas ou por concorrência geral – mas em qualquer uma delas a disputa é acirrada. O Sisu acontece duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre. Quanto maior a nota do Enem, maiores as chances de passar.
  1. ProUni – Programa Universidade para Todos: O ProUni concede bolsa de estudos em faculdades particulares de todas as regiões brasileiras. Dependendo do perfil socioeconômico do candidato, ele pode levar uma bolsa parcial ou integral. O programa é válido inclusive para cursos mais caros, como Medicina. Para participar, é preciso atender a alguns critérios estabelecidos pelo MEC: ter feito o Enem mais recente, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero na redação. Além disso, é preciso se encaixar nos perfis de escolaridade e renda familiar determinados pelo programa. O ProUni acontece duas vezes ao ano, no primeiro e no segundo semestre.
  2. FIES – Fundo de Financiamento Estudantil: Com o FIES, o candidato pode financiar um curso superior a juros baixos e pagar a dívida com um prazo longo. As prestações começam a ser cobradas somente depois da conclusão dos estudos. Para ganhar o benefício é necessário passar por um processo seletivo. O estudante que quiser participar precisa ter feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, com desempenho de pelo menos 450 pontos na média das provas, sem ter zerado a redação. Aqui também é preciso atender ao perfil de renda estabelecido pelo MEC. A disputa acontece duas vezes por ano.
  3. Ingresso direto: Com o ingresso direto tornou-se ainda mais fácil conseguir vaga em uma faculdade particular – para quem faz o Enem, claro! Nessa modalidade, o candidato só tem que apresentar a nota obtida no exame para conseguir a vaga desejada. Basta comprovar que tem uma pontuação igual ou superior à mínima exigida pelo curso que quer fazer. Esse sistema está disponível em milhares de faculdades pelo Brasil.

Agora que você já viu quantas portas um bom resultado do Enem abre, vamos descobrir as faculdades onde você pode estudar.

Faculdades onde você pode entrar com o seu resultado do Enem 2018

Só por ter conhecido os processos seletivos que usam a nota do Enem, já dá para imaginar o gigantesco universo de faculdades você terá à disposição em 2019.

Se optar por uma universidade pública, poderá escolher entre 130 instituições de ensino por todo o Brasil. Se o seu lance é estudar em uma faculdade particular, esse universo torna-se infinitamente maior. Por isso, é bom estar alerta: Na hora de escolher, assegure-se de que a instituição escolhida é reconhecida e bem avaliada pelo MEC.

Analisar a infraestrutura oferecida e se a faculdade oferece a graduação na modalidade que você quer fazer (presencial, a distância ou semipresencial) ajuda muito também.

Todos esses detalhes farão com que você chegue com um bom diferencial ao mercado de trabalho.

Entre as faculdades particulares, devido à grande oferta, pode ser um pouco mais complicado encontrar a instituição ideal. Por isso, a gente trouxe algumas sugestões para você começar a se familiarizar desde já:

Onde encontro o resultado do Enem 2018

A partir do dia 18 de janeiro de 2019, fique ligado: o MEC irá divulgar a data dos resultados do Enem 2018. Quando isso acontecer, você só precisa seguir dois passos básicos:

  • Acessar o site oficial do Enem.
  • Informar seu número de CPF e a senha (caso tenha esquecido da senha, dá para recuperar no próprio sistema).

Ao fazer isso, você terá acesso à pontuação obtida em cada uma das cinco provas do Enem: Linguagens e Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Matemática e Redação. Todos esses dados podem ser encontrados no que o MEC chama de Boletim de Desempenho Individual.

Veja também: Veja qual nota é preciso tirar no Enem 2018

E aí, está caprichando nos estudos para fazer bonito no Enem 2018? Conte para gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin