dcsimg

Saiba como ver o resultado do Enem e comece a faculdade

Descubra agora mesmo como acessar seu boletim do Enem e veja como usar a nota do exame para entrar no ensino superior!

Que o Enem é a prova mais importante do ano, todo mundo sabe. Só que nem todos os participantes do exame se dão conta da quantidade de portas que se abrem com um bom resultado.

Se você fez o Enem, quer consultar sua pontuação e descobrir o que fazer com ela, veio ao lugar certo.

Vamos contar como faz para ver o resultado do Enem e todas as formas de ingressar na faculdade com o desempenho obtido no exame.

Confira agora mesmo!

Como ver o resultado do Enem

Existem duas formas de ver o resultado que você alcançou no Enem. As duas são simples, gratuitas e não demoram nem cinco minutos.

O mais difícil, aqui, vai ser segurar a ansiedade. Entre a entrega da última prova e a liberação do acesso ao resultado, são mais ou menos dois meses de espera.

Haja coração!

O resultado do Enem costuma sair no mês de janeiro, lá pela segunda ou terceira semana. O dia exato é divulgado pela organização do exame e aparece em toda a imprensa.

Então, para descobrir como você foi nas quatro provas objetivas e na redação do Enem, assim que o acesso estiver liberado, você pode:

  • Acessar a Página do Participante do Enem, com seu CPF e senha (caso não se lembre mais dela, pode recuperar os dados na própria página.
  • Entrar no aplicativo oficial do Enem para celulares.

É simples assim mesmo!

E depois de ver seu Boletim do Enem, respire fundo e comece a planejar seu futuro universitário.

Quer uma ajuda para organizar as ideias?

A seguir, vamos falar sobre quatro formas de usar o resultado do Enem para conquistar o sonho do diploma de nível superior.

Como usar o Enem para começar a faculdade

Vamos falar do Enem como aliado na sua busca por uma boa faculdade? Começamos pelo mais difícil e vamos até o mais tranquilo de passar.

Sistema de Seleção Unificada – Sisu

O processo seletivo que usa a nota do exame para distribuir vagas em universidades públicas é o Sisu. As inscrições abrem duas vezes por ano e na primeira edição elas acontecem logo após a divulgação do resultado do Enem.

Para participar do Sisu basta ter feito o Enem mais recente, sem ter zerado a redação.

Acontece que garantir uma vaga por esse sistema exige uma pontuação de respeito. As notas de corte (menor nota que permite passar) vão de pouco mais de 550 a mais de 900 pontos, dependendo do curso e da universidade.

O Sisu só vale para cursos presenciais.

Programa Universidade para Todos – ProUni

Com notas de corte partindo de pouco mais de 450 e chegando a mais de 800, o ProUni acontece logo depois do Sisu, também duas vezes ao ano, e distribui bolsas de estudos.

A inscrição exige pelo menos 450 pontos no Enem mais recente, sem ter zerado a redação. O candidato deve ainda se enquadrar nos requisitos de renda familiar e formação escolar, uma vez que as bolsas são destinadas a quem mais precisa de ajuda para cursar uma faculdade.

O ProUni vale para cursos presenciais e a distância (EAD).

Fundo de Financiamento Estudantil – FIES

O FIES tem notas de corte semelhantes às do ProUni. Para se inscrever é preciso apresentar pelo menos 450 pontos na média das provas e nota acima de zero em qualquer edição do Enem a partir de 2010 e ter renda familiar compatível com o perfil determinado para aquela edição.

A grande diferença do FIES é que ele ajuda a pagar a faculdade por meio de um empréstimo facilitado. Os juros são mais baixos e o prazo para quitação da dívida é longo – e só começa a contar depois da formatura.

As inscrições também são gratuitas, ocorrem duas vezes por ano e só valem para cursos presenciais.

Ingresso Direto

Chegamos, finalmente, à maneira mais fácil de garantir a faculdade usando a nota do Enem. O ingresso direto vale para cursos presenciais e a distância de faculdades particulares.

Cada instituição pode ter um processo diferente, mas funciona basicamente assim: você apresenta sua nota e, se for suficiente, já garante a vaga. Não precisa fazer vestibular nem nada do tipo.

As notas mínimas para passar variam bastante entre as faculdades e os cursos. No geral, a partir de 300 pontos você já tem chances de entrar.

Onde usar o resultado do Enem

Fizemos uma seleção com algumas faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC) que trabalham com ProUni, FIES e ingresso direto, além de terem iniciativas próprias de bolsas, parcelamento das mensalidades, descontos e convênios. Confira:

Veja também:

Descubra que nota você precisa tirar no Enem para ganhar bolsa

Já sabe onde vai usar seu resultado do Enem? Conte tudo para a gente aqui nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin