Saiba tudo sobre a reaplicação do Enem 2021

Com o Exame Nacional do Ensino Médio marcado para o fim deste ano, muito se tem especulado sobre a possibilidade de reaplicação do Enem 2021 para os candidatos que não puderem realizar a prova na data.

reaplicação enem 2021Na última edição, tanto os alunos quanto a organização do Exame enfrentaram inúmeros problemas devido à pandemia do Covid-19. Alterações constantes no calendário e questões logísticas, como falta de luz e salas superlotadas, foram o motivo pelo qual as provas do primeiro dia do Enem 2020 não foram aplicadas em cerca de 58 cidades brasileiras. O índice de abstenções foi de 51,5% no Enem 2020, o que aumenta o receio de ver a história se repetindo na próxima edição.

Estes fatores levaram o Enem a reaplicar a prova em diversas cidades brasileiras e tudo indica que no Enem 2021 será da mesma forma. Quer saber mais? Continue lendo este artigo para saber tudo sobre a reaplicação do Enem 2021!

Quais as datas do Enem 2021?

O Enem 2021 será realizado, como de costume, em dois domingos seguidos. No primeiro dia serão aplicadas as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias e ciências humanas e suas tecnologias, além da redação. Já no segundo dia, os alunos farão as provas de ciências da natureza e suas tecnologias, e também matemática e suas tecnologias. Cada área do conhecimento apresenta 45 questões a serem resolvidas nos dias de aplicação. Veja as datas a seguir:

  • 1° dia de prova: 21 de novembro de 2021
  • 2° dia de prova: 28 de novembro de 2021

Com 3.109.762 participantes inscritos para o Enem 2021, o exame apresenta público 30% menor que as edições anteriores. Apesar do avanço da campanha de vacinação contra o coronavírus, que garante certa segurança quando o assunto é evitar o contágio, sabemos que a pandemia ainda não acabou e todo cuidado é necessário até a aplicação da segunda dose em adolescentes, que está prevista para novembro, assim como o Enem 2021. 

Quando serão as provas de reaplicação do Enem 2021?

Na edição anterior, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, também conhecido como Inep, realizou a reaplicação do Exame logo após as provas regulares, com cerca de um mês de diferença.

Para o Enem 2021 ainda não temos datas exatas de reaplicação, mas é bem provável que a dinâmica seja semelhante. Fique de olho no cronograma no Portal do Enem e nos Editais do Enem digital e do Enem Impresso, para ficar por dentro das atualizações!

Quem tem direito à reaplicação do Enem 2021?

O Enem 2021 prevê a reaplicação de provas para todos os candidatos que estiverem com determinadas doenças infectocontagiosas, como a Covid-19, durante o período de provas, bem como aos participantes com necessidades de atendimento especial devido a acidentes e casos fortuitos ocorridos após o período de inscrições. Os adultos privados de liberdade e jovens sob medida socioeducativa com privação de liberdade (Enem PPL) também participarão da reaplicação da prova. O último grupo, no entanto, realiza as provas dentro de unidades prisionais e socioeducativas 

O Inep analisará cada caso, seja ele de doença infectocontagiosa, acidente ou caso fortuito,  mediante comprovação de documentos.

Como solicitar a reaplicação do Enem 2021 ao Inep?

Quem deseja participar da reaplicação do Enem 2021 deverá aguardar o período de solicitação para preencher o requerimento. Na última edição, o requerimento podia ser facilmente encontrado na Página do Participante, bem como o resultado da análise do Inep. 

Para os casos de doença infectocontagiosa, o participante deverá apresentar um laudo médico que comprove a condição que lhe impediu de participar da prova na data regular. O documento deverá ser anexado ao requerimento em formato PDF, PNG ou JPG  não poderá ultrapassar 2MB. Além disso, é preciso que o laudo contenha os seguintes dados:

  • Nome completo do candidato
  • Diagnóstico com a descrição da condição
  • Código correspondente à Classificação Internacional de Doença (CID)
  • Nome e assinatura do médico responsável pelo diagnóstico, além de seu registro no Conselho Regional de Medicina (CRM), Ministério da Saúde (RMS), ou outro órgão competente
  • Data do atendimento médico

Quais as doenças previstas no edital do Enem 2021?

No edital do Enem 2021 estão previstas apenas determinadas doenças infectocontagiosas, que necessitam ser comprovadas por laudo médico. Veja quais são elas:

  • Covid-19
  • Coqueluche
  • Difteria
  • Doença invasiva por Haemophilus influenza
  • Doença meningocócica e outras meningites
  • Influenza humana A e B
  • Poliomielite por poliovírus selvagem
  • Rubéola
  • Sarampo
  • Varicela
  • Varíola

O que fazer caso perca a reaplicação do Enem 2021?

Comparecer à reaplicação do Enem 2021 é a última chance de fazer valer sua inscrição nesta edição do exame. Caso perca o prazo para se inscrever ou tenha algum problema no dia da reaplicação, você só poderá realizar a prova e tentar uma vaga na universidade no ano seguinte.

Mais do que nunca, ficar atento às notícias e a tudo o que envolve o calendário do Enem 2021 se faz necessário. Com as constantes mudanças que estamos enfrentando como sociedade, esta é a única forma de não perder as datas e a chance de alcançar o tão sonhado diploma.

Quando sai o resultado do Enem 2021?

Assim como a reaplicação de provas, a divulgação dos resultados do Enem permanece sem data. Os gabaritos das provas objetivas serão disponibilizados no Portal do Inep e no aplicativo oficial do Enem e, até três dias úteis após a realização das provas, no entanto será preciso aguardar a divulgação do resultado oficial para saber qual foi o desempenho no Enem. O candidato poderá acessar seus resultados individuais do Enem 2021 no Portal do Participante utilizando os mesmos dados da inscrição. 

Em qual faculdade estudar com a nota do Enem 2021?

Apesar do número reduzido de inscritos e dos embates sobre a realização das provas em meio ao coronavírus, o Enem permanece sendo a prova que mais abre portas para o Ensino Superior público e particular no Brasil!

As instituições de Ensino Superior que aceitam o Exame como modalidade de ingresso e estão espalhadas por todo país, aceitando inscrições em cursos presenciais e a distância (EAD), tanto através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para universidades públicas, quanto por Prouni, Fies e ingresso direto, no caso das faculdades particulares.

Aliás, o Prouni, o Fies e o ingresso direto são as modalidades ideais para quem está em busca de bolsas de estudo ou financiamento do curso superior em uma instituição de ensino particular, mas não que não pode arcar com as mensalidades no momento. As três são aceitas na maioria das universidades brasileiras, portanto, enquanto a data de reaplicação da prova não vem, que tal ir pesquisando instituições para decidir onde estudar e qual curso fazer?

Confira abaixo a lista que o Guia da Carreira preparou para te ajudar a escolher as instituições de Ensino Superior mais interessantes para você! Todas são muito bem avaliadas pelo Ministério da Educação (MEC) e oferecem ensino de qualidade. Veja:

Veja também:

Veja as matérias que mais caem no Enem

Conheça as regras novas do Enem por conta da Covid-19

E você, já decidiu qual curso de Ensino Superior vai escolher após passar na prova do Enem 2021? Compartilha com a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin
Descubra a faculdade certa para você!