dcsimg

Conheça as áreas mais bem pagas do Direito

Veja onde estão os cargos mais rentáveis para quem quer investir na carreira de Direito!

direito-constitucional

A carreira de Direito oferece um amplo leque de atuação. Seja na iniciativa pública ou privada, há oportunidades com bons salários para quem estiver disposto a investir pesado nos estudos, adquirir experiência ou especializar-se em determinadas áreas.

O curso de Direito frequentemente aparece entre os mais concorridos dos vestibulares de todo o País. E um dos principais fatores que têm atraído tantos candidatos é a remuneração. Com valores que podem ultrapassar os R$ 25 mil no serviço público (sem contar a estabilidade profissional), a disputa por um lugar no Direito tem aumentado a concorrência também nos concursos e lotado as salas de cursinhos especializados.

Nas empresas privadas, o cenário é o mesmo. Com o crescimento e diversificação de atuação do setor jurídico nas organizações, aumentaram as oportunidades e os ganhos para quem se especializa em áreas de interesse corporativo.

Lembrando que a carreira em Direito tem duas grandes áreas de atuação bem diferentes entre si:

  • Jurídica: envolve basicamente o trabalho dos bacharéis em Direito, que inclui o trabalho de delegados de polícia, assistentes judiciários, defensores públicos, promotores, procuradores e juízes.
  • Advocacia: consiste em defender o interesse dos clientes com base nas leis em vigor. Esse profissional só pode atuar na área depois de passar pelo famoso exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Conheça a seguir quais são as áreas mais rentáveis do Direito atualmente e veja onde estudar para garantir seu espaço nesta carreira!

Áreas mais bem pagas do Direito

Vamos separar as áreas mais bem pagas do Direito em duas categorias: Serviço Público e Iniciativa Privada.

Áreas mais bem pagas do Direito no Serviço Público

  1. Procurador da República

Com salários acima de R$ 25 mil, o Procurador é responsável por promover ações penais, instaurar inquéritos e ações públicas. É um defensor dos direitos humanos, sociais e coletivos. Também controla a atividade policial.

  1. Juiz Federal

Responsável por julgar causas envolvendo assuntos de interesse para o País, questões internacionais e relacionadas aos Direitos Humanos, o Juiz Federal tem um salário inicial por volta de R$ 23 mil. Os concursos são muito concorridos e o nível dos candidatos é bem alto. É preciso comprovar experiência na área para ser aprovado.

  1. Advogado da União

Com salário acima de R$ 16 mil, o Advogado da União assessora juridicamente os órgãos da administração pública federal. Para ocupar esse cargo, além do diploma de bacharel em Direito, é preciso estar inscrito na Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

  1. Defensor Público Federal

Defensor dos Direitos Humanos e responsável pela assessoria jurídica aos que mais necessitam, o Defensor Público Federal recebe salário acima de R$ 16 mil.

  1. Delegado da Polícia Federal

O Delegado da PF abre investigações policiais, planeja e comanda operações de caráter sigiloso e executa medidas de segurança. Somente portadores de diploma de Direito podem concorrer a esse cargo, que tem salário inicial de R$ 15,3 mil.

Áreas mais bem pagas do Direito na Iniciativa Privada

Em empresas de médio e grande porte, o departamento jurídico tem ganhado importância à medida que aumenta a necessidade de contratar profissionais de Direito para assegurar o correto funcionamento da organização.

Hoje com um perfil mais consultivo e preventivo, o profissional de Direito ganhou status similar ao de um “parceiro de negócios”, identificando problemas em potencial e propondo soluções para garantir a segurança e os bons procedimentos empresariais.

Já o cargo de Advogado em empresas envolve a defesa direta dos interesses da organização. A média salarial varia conforme a experiência e a área de atuação.

Os dados a seguir foram retirados de uma pesquisa realizada pela empresa de recrutamento Robert Half, que analisou o salário da área jurídica de diversas empresas de diversos portes no Brasil.

Veja quais são as áreas mais quentes para profissionais de Direito no mundo corporativo. As faixas salariais apresentadas são de médias e grandes empresas.

Direito Tributário

  • Advogado Sênior: entre R$ 10.000 e R$ 20.500
  • Advogado Pleno: entre R$ 5.000 e R$ 11.000
  • Advogado Júnior: entre R$ 3.100 e R$ 6.200

Direito Empresarial

  • Advogado Sênior: entre R$ 10.000 e R$ 20.000
  • Advogado Pleno: entre R$ 6.000 e R$ 11.000
  • Advogado Júnior: entre R$ 3.500 e R$ 6.500

Direito Imobiliário

  • Advogado Sênior: entre R$ 9.000 e R$ 20.000
  • Advogado Pleno: entre R$ 6.000 e R$ 11.000
  • Advogado Júnior: entre R$ 3.500 e R$ 6.700

Direito Trabalhista

  • Advogado Sênior: entre R$ 6.000 e R$ 16.000
  • Advogado Pleno: entre R$ 3.300 e R$ 10.000
  • Advogado Júnior: entre R$ 3.100 e R$ 6.200

Direito Civil

  • Advogado Sênior: entre R$ 8.000 e R$ 15.200
  • Advogado Pleno: entre R$ 4.800 e R$ 12.200
  • Advogado Júnior: entre R$ 3.300 e R$ 6.200

Onde estudar Direito

O Brasil possui o maior número de faculdades de Direito do mundo! O curso está disponível em centenas de instituições públicas e privadas em todas as regiões do País.

O segredo para começar a se dar bem nessa profissão tão concorrida é fazer uma faculdade reconhecida pelo Ministério da Educação.

Veja a seguir onde encontrar algumas dessas instituições:

Universidades Públicas:

Veja também:

Curso de Direito: mercado de trabalho e onde estudar

Você pretende ingressar na área do Direito? Prefere atuar no setor público ou privado? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin