dcsimg

Qual é o salário de Segurança do Trabalho?

Você sabe qual o salário de Segurança do Trabalho? Conheça mais sobre a remuneração deste profissional e veja onde estudar para seguir esta carreira!

Diverse Occupations

A carreira em Segurança do Trabalho está em alta e oferece um dos melhores salários da categoria, com valores que podem superar os R$ 9 mil! Não é à toa que os cursos que oferecem esta formação estão, há alguns anos, entre os mais concorridos.

Outra razão para esta carreira estar em alta é a carência de bons profissionais de Segurança do Trabalho no mercado. Hoje em dia é comum os estudantes terminarem o curso já com algum emprego engatilhado, principalmente se fizer um curso superior de tecnologia, ou curso de tecnólogo.

O tecnólogo em Segurança do Trabalho atua na avaliação e prevenção de acidentes e doenças ocupacionais em empresas de diferentes setores como construção civil, hospitais e bancos.

Veja a seguir qual o salário de Segurança do Trabalho, descubra os setores oferecem as melhores oportunidades para esses profissionais e veja onde estudar!

Salário Mínimo Profissional de Segurança do Trabalho

Os profissionais de Segurança do Trabalho não possuem um salário mínimo profissional válido em todo o território nacional.  O piso é definido pelos sindicatos da categoria e pode variar de acordo com a região e o setor de atuação.

Veja alguns exemplos de piso salarial pago aos profissionais de Segurança do Trabalho em São Paulo, dividido pelos principais setores de atuação:

  • Indústria: R$ 2.958
  • Construção Civil: R$ 3.001
  • Engenharia Consultiva: R$ 2.800
  • Comércio: R$ 2.958
  • Hospitais e Clínicas Particulares da Capital: R$ 2.917

Salário Médio de Segurança do Trabalho

O Guia de Profissões e Salários do site de empregos Catho revela que um coordenador de Segurança de Trabalho – cargo que pode ser desempenhado por um tecnólogo com bastante experiência – pode ganhar, em alguns casos, até R$ 9.500!

O site também traz a média salarial nacional de alguns cargos relacionados à área de Segurança do Trabalho. Confira:

  • Analista: R$ 3.787
  • Supervisor: R$ 3.615
  • Técnico: R$  2.548
  • Assistente: R$ 1.496
  • Professor de Segurança do Trabalho: R$  1.381
  • Auxiliar: R$ 1.350
  • Estágio: R$  818

Entre os setores que oferecem os melhores salários para profissionais da Segurança do Trabalho, o da Construção Civil aparece em primeiro lugar segundo o Guia, com uma média salarial de R$ 3.828.

Outras Oportunidades para Segurança do Trabalho

Um segundo levantamento feito com base nos salários pagos pela indústria, setor de serviços, comércio e construção civil nos últimos meses no Brasil revelou o salário de Segurança do Trabalho nessas áreas.

O estudo mostra que a indústria é quem oferece a maior média salarial: R$ 4.224.  A construção civil vem logo na sequência, com R$ 4.106.

Veja a média salarial de Segurança do Trabalho nos quatro principais setores econômicos do Brasil:

Indústria

  • Mínimo: R$ 2.772
  • Média salarial: R$ 4.224
  • Máximo: R$ 7.973

Construção Civil

  • Mínimo: R$ 2.808
  • Média salarial: R$ 4.106
  • Máximo: R$ 6.759

Comércio

  • Mínimo: R$ 2.908
  • Média salarial: R$ 3.580
  • Máximo: R$ 5.466

Serviços

  • Mínimo: R$ 2.794
  • Média salarial: R$ 3.225
  • Máximo: R$ 6.470

Concursos Públicos para Profissionais de Segurança do Trabalho

Os concursos públicos para profissionais de Segurança do Trabalho são numerosos e oferecem vagas em hospitais, prefeituras, universidades, fundações, autarquias e empresas públicas.

Os valores oferecidos seguem a média verificada no mercado, variando entre R$ 1.000 e R$ 3.300.

Veja alguns exemplos retirados de concursos recentes:

  • Universidade de São Paulo (USP): R$ 3.331
  • Universidade Estadual de Campinas (Unicamp): R$ 2.004
  • Prefeitura de Giruá (RS): R$ 1.898
  • Urbanização de Curitiba (PR): R$ 1.860
  • Fundação Estadual de Saúde de Sergipe: R$ 1.039
  • Prefeitura de São Carlos (SP): R$ 1.337
  • Prefeitura de Uberaba (MG): R$ 948

Sobre a Carreira de Segurança do Trabalho

Para exercer a profissão, é possível fazer um curso técnico em Segurança do Trabalho, uma formação de nível médio. Porém, quem pretende ingressar na área com salários mais altos e melhores perspectivas de carreira deve optar pelo curso de tecnólogo em Segurança do Trabalho, uma faculdade que tem duração de dois a três anos e confere diploma de nível superior.

No curso, o aluno aprende a planejar, implantar, gerenciar e controlar sistemas de segurança laboral. Também realiza atividades de vistoria, perícia, avaliação e emissão de pareceres sobre a qualidade e as condições de trabalho em empresas, obras de construção civil, mineradoras, órgãos públicos e até empreendimentos rurais.

É uma carreira que visa resguardar e melhorar a qualidade de vida dos trabalhadores e preservar o meio ambiente, promovendo a saúde, prevenindo acidentes de trabalho e doenças laborais.

O mercado de Segurança do Trabalho está em alta. Esta carreira, aliás, é uma das que oferecem os salários mais altos aos tecnólogos. No entanto, o setor é concorrido. A Federação Nacional dos Técnicos em Segurança do Trabalho afirma que existem 340 mil profissionais cadastrados no Brasil, entre técnicos e tecnólogos.

Onde estudar Segurança do Trabalho

Os interessados em ingressar no mercado de Segurança de Trabalho encontram uma boa oferta de cursos presenciais e a distância em todo o Brasil, principalmente em instituições privadas.

O diploma de tecnólogo em Segurança do Trabalho obtido em um curso a distância (EAD) reconhecido pelo MEC vale tanto quanto o presencial.

Conheça algumas universidades reconhecidas pelo MEC que oferecem esta graduação:

Veja também:

Curso Técnico em Segurança do Trabalho

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin