dcsimg

Descubra tudo sobre fazer uma faculdade semipresencial

Saiba porque o modelo semipresencial se tornou uma das maneiras mais legais de estudar!

Muita gente ainda tem dúvidas sobre estudar a distância. Será que funciona? Como se aprende fora de sala de aula? É preciso ter muita disciplina para se dar bem nesse formato?

São questões que passam pela cabeça de todo mundo, afinal investir numa formação de nível superior é coisa muito séria!

Por outro lado, o ensino a distância vem crescendo e se consolidando em todo o país.

E que tal se juntássemos a facilidade do EAD com a eficácia do presencial?

Sim, é possível! Descubra tudo sobre fazer uma faculdade semipresencial a seguir!

A faculdade semipresencial

Como o próprio nome já dá a entender, as faculdades semipresenciais são aquelas que têm parte do conteúdo online e parte presencial.

É o formato certo para quem gosta da estudar a distância mas acha importante manter a convivência com professores, tutores e outros alunos.

Em alguns cursos, o formato é obrigatório. Em outros, opcional.

Os obrigatórios normalmente são utilizados por cursos que têm, por lei, uma carga grande de atividades em laboratórios especializados, o que inclui, por exemplo, Arquitetura e Urbanismo, todas as graduações em Engenharia e algumas da área de Saúde, como Farmácia, Enfermagem, Nutrição e Fisioterapia.

Os opcionais normalmente são cursos muito procurados que, por demanda de mercado, oferecem diferentes maneiras de estudar. É o caso, por exemplo, de Administração, Ciências Contábeis e Pedagogia – que também têm versões totalmente online.

Independentemente da carga obrigatória, o modelo de estudar é muito similar. Entenda como funciona o curso semipresencial no próximo tópico.

Como são as aulas em uma faculdade semipresencial?

As aulas na faculdade semipresencial acontecem em dois momentos.

Em boa parte do tempo, os alunos acompanham o desenvolvimento das disciplinas pela internet, totalmente online.

Ao se matricularem, ganham acesso a um ambiente virtual cheio de funcionalidades didáticas interessantes – que permite assistir às aulas por meio de vídeos, explorar bibliotecas virtuais, trocar ideias com outros alunos, acessar apresentações, gráficos e animações.

Todo o processo de aprendizado é acompanhado de perto por professores e tutores. Eles estão online o tempo todo para ajudar a tirar dúvidas e passar as orientações necessárias.

É o aluno quem define o ritmo de acesso aos conteúdos a distância, desde que respeite o prazo de entrega de trabalhos e não perca o ritmo da turma.

A parte presencial acontece nos polos de apoio, com dia e horário determinados. Normalmente as faculdades que oferecem cursos EAD contam com centenas deles por todo o país.

Os polos devem ser equipados com tudo o que é necessário para a realização das atividades de laboratório exigidas pelo curso.

A frequência dos encontros depende da faculdade. Algumas chegam a ter aulas duas vezes por semana, enquanto outras têm momentos quinzenais.

Antes de se inscrever no curso semipresencial desejado, procure saber se existe um polo perto de sua casa ou do seu trabalho!

A faculdade semipresencial é reconhecida pelo MEC?

O formato semipresencial é reconhecido pelo MEC e rende um diploma de nível superior válido no mercado de trabalho.

No entanto, você precisa verificar se a faculdade escolhida é reconhecida formalmente e se tem autorização do governo para oferecer o curso desejado.

Se estiver tudo certo, pode se matricular tranquilamente. Com o diploma você vai poder trabalhar na área escolhida, fazer concursos públicos de nível superior ou mesmo dar continuidade aos estudos em cursos de pós-graduação.

Cursos oferecidos pelas faculdades semipresenciais

Conheça alguns dos cursos semipresenciais mais comuns nas faculdades brasileiras:

  • Administração
  • Agronomia
  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Arquitetura e Urbanismo
  • Biomedicina
  • Ciências Biológicas
  • Ciências Contábeis
  • Ciências Econômicas
  • Comércio Exterior
  • Educação Física
  • Enfermagem
  • Engenharia Ambiental
  • Engenharia Civil
  • Engenharia da Computação
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia Elétrica
  • Engenharia Mecânica
  • Estética e Cosmética
  • Eventos
  • Farmácia
  • Fisioterapia
  • Gastronomia
  • Gestão Ambiental
  • Gestão Comercial
  • Gestão de Recursos Humanos
  • Gestão Hospitalar
  • Letras
  • Logística
  • Marketing
  • Nutrição
  • Pedagogia
  • Processos Gerenciais
  • Publicidade e Propaganda
  • Química
  • Radiologia
  • Redes de Computadores
  • Serviço Social
  • Serviços Jurídicos, Cartorários e Notariais

Quanto custa estudar numa faculdade semipresencial

No preço, os cursos semipresenciais estão mais próximos dos EAD do que dos presenciais!

Em média, custam entre R$ 400 e R$ 550 nas principais faculdades do país.

Por exemplo, o de Engenharia Civil, que muita gente imagina custar uma fortuna, sai por R$ 490 em faculdades como a Cruzeiro do Sul Virtual (a distância).

Você ainda pode ganhar uma bolsa para fazer seu curso semipresencial sem pagar nada.

A maneira mais comum de obter o benefício é pelo ProUni – para quem fez o Enem mais recente e atende a todos os requisitos do MEC.

Outra forma de descolar bolsa é pesquisando todos os benefícios que sua faculdade disponibiliza. Muitas delas oferecem, por exemplo, descontos para quem se deu bem no vestibular, para quem paga em dia, para quem tem boa nota no Enem, etc.

Onde fazer uma faculdade semipresencial

Os cursos semipresenciais são oferecidos por centenas e centenas faculdades em todo o país, especialmente na rede pública.

Se você está à procura de instituições conceituadas no mercado, a gente tem algumas dicas bem interessantes.

Clique e confira:

Veja também:

Veja como conseguir uma bolsa de estudos para um curso EAD

O que achou das faculdades semipresenciais? Vai arriscar? Conte para a gente qual curso você gostaria de fazer nesse formato!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin