Entenda como fazer a inscrição para Bolsa Universidade 2020

Conheça os programas chamados de Bolsa Universidade, saiba como se inscrever e veja o que fazer se você não conseguir o benefício.

Existem três grandes programas brasileiros de bolsas de estudos para o ensino superior que recebem o nome de Bolsa Universidade:

  • O programa Bolsa Universidade da Prefeitura de Manaus (AM).
  • O programa Bolsa Universidade da Prefeitura de Franca (SP).
  • O programa Bolsa Universidade do Governo do Estado de São Paulo.

Todos são iniciativas do poder público e oferecem bolsas a alunos matriculados em instituições de ensino superior conveniadas. Em alguns casos, é exigida uma contrapartida: prestar serviços socioeducativos à comunidade, com carga horária definida pelo edital de seleção.

Entenda, a seguir, como acompanhar as atualizações e se inscrever nesses programas em 2020.

Inscrições para a Bolsa Universidade em 2020

Em todos os casos, a inscrição para os programas Bolsa Universidade é feita pela internet, nos sites oficiais das iniciativas (atenção: todos têm endereços que terminam em “gov.br”). Os procedimentos são semelhantes:

  1. Acesse o site oficial regularmente para acompanhar as novidades, a publicação do edital e a abertura das inscrições.
  2. Leia as normas e tenha certeza de que você se encaixa em todos os critérios.
  3. Efetue sua inscrição on-line no prazo estabelecido e aguarde a convocação para apresentar sua documentação.
  4. Siga os procedimentos para comprovação da situação declarada. Em alguns casos, pode haver convocação para entrevista.
  5. Aguarde a confirmação e a chamada final. Atenção para não perder nenhum prazo!

Abaixo, saiba mais sobre cada um dos programas chamados de Bolsa Universidade e como eles estão funcionando em 2020.

Bolsa Universidade da Prefeitura de Manaus

As inscrições para a Bolsa Universidade da Prefeitura de Manaus são abertas no fim do ano, no mês de novembro, com a lista de classificados publicada em meados de dezembro. 

Portanto, as inscrições para quem deseja estudar com bolsa a partir de 2021 devem começar em novembro de 2020.

Quem deseja acompanhar e se inscrever precisa ficar de olho nas notícias publicadas no site da Prefeitura de Manaus e nas atualizações do portal do candidato (bolsa.manaus.am.gov.br).

O programa oferece bolsas integrais e parciais em cursos presenciais de graduação em faculdades particulares. Como contrapartida, quem é selecionado deve trabalhar em projetos sociais e culturais da prefeitura.

Podem participar os estudantes que moram na cidade de Manaus, que ainda não possuem diploma de ensino superior e têm renda familiar mensal de até 1,5 salário mínimo por pessoa.

Para se inscrever, é preciso acessar o portal do candidato no prazo estipulado, informar o CPF e seguir as instruções do sistema. O candidato pode escolher até três opções de curso, turno e instituição onde gostaria de receber a bolsa. Depois, basta aguardar os resultados e cumprir os procedimentos de comprovação da situação declarada.

Bolsa Universidade da Prefeitura de Franca (SP)

O programa de bolsas da Prefeitura de Franca, no interior do estado de São Paulo, existe desde 2010 e concede bolsas parciais a estudantes de cursos de graduação presenciais na cidade.

O valor da mensalidade é dividido entre a instituição conveniada, a prefeitura e o estudante. Uma das universidades participantes é a UNIFRAN.

O edital costuma ser publicado no mês de janeiro, com inscrições em fevereiro. O processo seletivo de 2020 está em andamento, e o resultado da primeira etapa de seleção deve sair no mês de abril. Os pré-selecionados passarão, em seguida, por uma fase de entrevistas.

Para concorrer, o candidato deve ter feito o ensino médio em escola pública ou como bolsista integral na rede particular, morar há pelo menos 5 anos em Franca e ter renda familiar mensal de até 2 salários mínimos por pessoa.

Para se inscrever, é preciso acessar o site da Prefeitura de Franca (www.franca.sp.gov.br) no prazo estabelecido e preencher o formulário de inscrição. Depois, é obrigatório comparecer à Secretaria de Educação para apresentar documentos pessoais e que comprovem a situação declarada.

Bolsa Universidade do estado de São Paulo

O programa Bolsa Universidade mantido pelo governo do estado de São Paulo é voltado aos estudantes universitários interessados em estagiar como educadores do programa Escola da Família.

O programa sofreu cortes recentemente e, de acordo com o governo de SP, ainda não há previsão para novas inscrições. 

A Secretaria de Educação arca com até 50% do valor da mensalidade do curso de graduação do bolsista, até o teto de R$ 500,00, e as universidades conveniadas complementam o valor. Assim, os estudantes selecionados recebem bolsa integral.

O estudante interessado deve ter disponibilidade para trabalhar aos fins de semana, estar matriculado em uma universidade participante do programa, não ser beneficiário de outra iniciativa oficial (como o FIES ou o ProUni) e ainda não ter diploma universitário.

Entre os critérios de seleção, estão a renda familiar e a formação escolar – quem estudou em escola pública tem prioridade.

Para acompanhar as novidades, acesse regularmente o Portal Escola da Família (escoladafamilia.fde.sp.gov.br), que disponibiliza o regulamento e o cronograma da iniciativa.

Outras bolsas de estudos disponíveis

Se você não se encaixa nos critérios da Bolsa Universidade ou não conseguiu o benefício, saiba que existem outras formas de obter uma bolsa parcial ou integral na graduação.

Um dos maiores programas brasileiros é o ProUni (Programa Universidade para Todos), que abre inscrições no começo de cada semestre, nos meses de janeiro e junho.

Mas a forma menos burocrática de conseguir uma bolsa de estudos é participar dos programas mantidos pelas próprias universidades

Algumas instituições, por exemplo, aceitam a nota do Enem como forma de ingresso direto (sem vestibular) e concedem, automaticamente, bolsas de estudos proporcionais ao desempenho de cada estudante. 

Gostou da ideia? Aqui está uma lista de universidades que oferecem o benefício:

Clique nos links acima e navegue pelos sites das instituições para saber mais sobre cursos, modalidades de ensino, bolsas e descontos.

Leia também:

Como conseguir uma bolsa de estudos na faculdade?

Conheça todas as datas do Prouni 2020 no segundo semestre

Você vai tentar uma bolsa de estudos? Para qual curso de graduação? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin