Mal ou mau: qual o correto?

Você mal chegou na escola e descobriu que o professor considerado como o mais mau e rígido com os alunos resolveu dar uma atividade valendo nota que pode te deixar com um mau boletim, que vai deixar seus pais mal-humorados. Mas você não ficou mal por isso, pois aqui no Guia da Carreira vai aprender neste conteúdo como nunca mais confundir “mal” ou “mau”.

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Confira a seguir as principais diferenças entre “mal” e “mau” e como aplicar estas duas palavrinhas tão parecidas!

Qual a diferença entre mal e mau?

As palavras “mal” e “mau” possuem classificações diferentes. Primeiramente, é importante entender:

  • A palavra mau é um adjetivo.
  • A palavra mal é um advérbio (ou, dependendo da aplicação, um substantivo).

Os adjetivos são palavras que caracterizam um substantivo (quente, frio, alto, baixo, feio, bonito, ruim, ótimo, etc). Já os advérbios indicam uma condição de tempo, modo ou lugar que podem modificar um verbo, um adjetivo ou outro advérbio (depressa, devagar, bem, melhor, pior, etc).

Ou seja, você normalmente usará “mau” para qualificar algo ou alguém como ruim. Já “mal”, o advérbio, normalmente terá aplicação quando você quiser falar sobre uma ação que foi feita de forma errada ou insatisfatória.

    • O técnico contratado pela empresa faz um mau serviço (como adjetivo para serviço).
    • O serviço foi mal executado pelo técnico (como advérbio).
  • O mal jamais vencerá o bem (como substantivo).

Inserir vídeo: MAU ou MAL? Quando usar um ou outro?

Mal ou mau possuem plurais?

Se a frase que você está em dúvida estiver no plural, não se preocupe! Aplicar o plural para estas duas palavras é menos difícil do que parece.

O adjetivo “mau” apenas ganha um “s” ao final, se transformando em “maus”, como nos exemplos a seguir:

  • Maria acha que aquele homem é mau.
  • Maria acha que aqueles homens são maus.

  • O mau exemplo deste adulto pode prejudicar as crianças.
  • Os maus exemplos deste adulto podem prejudicar as crianças.

Já a palavra “mal”, no sentido que estamos aplicando neste texto, é um advérbio. Portanto, não possui variação mesmo em aplicações no plural. Confira exemplos:

  • Minha tarde sempre é mal aproveitada.
  • Minhas tardes sempre são mal aproveitadas.

  • Falei mal dele o dia todo.
  • Falamos mal deles o dia todo.

A exceção se dá quando “mal” tem aplicação como um substantivo. Neste caso, o plural de mal é males. Exemplo:

  • O mal que atingiu a cidade deixará marcas profundas.
  • Os males que atingiram a cidade deixarão marcas profundas.

Passo a passo para “decorar” a diferença entre mal e mau

O vídeo a seguir ajuda quem tem memória uma memória mais visual a relembrar a diferença entre mal e mau de forma mais fácil!

MAL BEM
MAU BOM

Passo 1: Lembre-se sempre que os antônimos para “MAL” e “MAU” são “BEM” e “BOM”, respectivamente.

Passo 2: Caso fique confuso quanto a ordem das palavras, basta lembrar do formato das letras. O “L” de “MAL” tem desenho reto parecido com o “E” de BEM”, assim como o “U” de “MAU” tem uma circunferência no desenho da letra parecido com o “O” de “BOM”.

Passo 3: Faça a substituição de “mal” ou “mau” por “bem” ou “bom” na frase desejada para descobrir qual é a correta a se usar

Outras palavras parecidas com significados diferentes

Essa semelhança entre palavras que confundem a cabeça de muita gente não se restringe a “mal” e “mau”.

  • “caçar” ou “cassar”
  • “tráfego” ou “tráfico”
  • “sessão” ou “seção” ou “cessão”
  • “discriminar” ou “descriminar”
  • “cavaleiro” ou “cavalheiro”
  • “acento” ou “assento”
  • “conserto” ou “concerto”
  • “cumprimento” ou “comprimento”
  • “retificar” ou “ratificar”
  • “descrição” ou “discrição”
  • “iminente” ou “eminente”
  • “trás” e “traz”

Confira no vídeo a seguir algumas aplicações práticas e a diferença entre algumas das palavras que as pessoas mais se confundem.

 

Exercícios para praticar a diferença entre mal e mau

Separamos alguns exercícios aplicados em concursos públicos para você praticar a diferença entre mal e mau. Vamos lá?

1. (IBGE/2022)

A concordância nominal estabelece uma relação entre o gênero e número do substantivo com os demais elementos da sentença. Observe o fragmento do texto a seguir. 

A esposa do Sueco __________ havia saído do salão de beleza com __________ dores de cabeça. __________, já as tivera anteriormente.

Assinale a alternativa que preencha correta e respectivamente as lacunas. Atente ao uso da concordância nominal.

  1. mal – bastante – As mesmas.
  2. mal – bastantes – Às mesmas.
  3. mal – bastantes – As mesmas.
  4. mau – bastante – As mesmas.
  5. mau – bastantes – A mesma.

RESPOSTA CORRETA: ALTERNATIVA C.

2. (Prefeitura de Itapiranga/SC-2021)

(…) Assinale a alternativa em que o vocábulo em destaque também atende às regras em vigor.

  1. MAU enviou o convite, os funcionários já estavam confirmando.
  2. Minha opinião A CERCA do corretor ortográfico é que eles são de extrema importância.
  3. Gostaria de saber PORQUE você não leu o convite da reunião.
  4. ONDE será o local da reunião?

RESPOSTA CORRETA: ALTERNATIVA D.

3. (CRP/MA-2021)

Com base no texto apresentado, julgue o item.

Sem prejuízo dos sentidos e da correção gramatical do texto, o trecho “o lixo eletrônico possui diversos contaminantes nocivos ao meio ambiente” (linhas 13 e 14) poderia ser reescrito da seguinte maneira: o lixo eletrônico possui diversos contaminantes que fazem mau ao meio ambiente. 

  1. Certo
  2. Errado

RESPOSTA CORRETA: ALTERNATIVA D.

4. (Polícia Militar MG – 2017)

Complete as frases com mau ou mal:

I – Os guardas responsáveis pela segurança do condomínio atuaram muito ________ na execução dos serviços.

II – Um __________ terrível abateu-se sobre o condomínio.

III – O __________ tempo acabou com a temporada de sol, consequentemente, as piscinas do condomínio ficaram vazias.

Marque a sequência CORRETA:

  1. Mau – mau – mal.
  2. Mal – mal – mau.
  3. Mal – mau – mal.
  4. Mal – mal – mal.

RESPOSTA CORRETA: ALTERNATIVA B.

Faculdades com bolsas de estudo para incrementar sua carreira

Se você está estudando gramática e outras nuances da Língua Portuguesa, é bem alta a chance de estar se preparando para vestibulares, concursos ou para incrementar sua carreira profissional. Saiba que este é um passo muito importante, que vai te colocar na frente de muitos concorrentes.

Temos duas vantagens sobre isso importantes para te contar:

  • O mercado de trabalho valoriza e muito quem sabe utilizar o português correto!
  • Erros de português podem fazer você perder pontos na redação e a prova de Linguagens é uma das principais de qualquer vestibular, incluindo o Enem!

Portanto, não pare por aqui. O caminho é longo e, às vezes, cansativo. Mas vale a pena!

Te convidamos para conhecer algumas instituições de ensino superior com qualidade reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC) que podem te ajudar nessa busca por crescimento profissional. Elas contam com bolsas de estudo, presença em várias cidades do Brasil e políticas de ingresso facilitadas, incluindo a apresentação da nota do Enem.

Confira na lista seguir os cursos e descontos disponíveis mais perto de você:

Leia também:

Verbos: o que é, conjugações, tempos e flexões. Saiba tudo!

Pronomes: tipos, como usar e como evitar erros  

Gostou de aprender a diferença entre as palavras “mal” e “mau”? Que tal praticar um pouco mais? Deixe nos comentários duas frases diferentes com essas duas palavras.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin