Maturidade Profissional: entenda o significado

Como mensurar a maturidade profissional? Como colocar em perspectiva o momento que você vive profissionalmente? Como compreender se você juntou bagagem o suficiente ou ainda existe espaço para colocar algumas experiências a mais?

Quais são, de fato, as características da maturidade profissional? São aquelas habilidades mais sutis, que estão imbuídas nos traços de personalidade, ou são aquelas habilidades que ganhamos com a capacitação?

> Encontre bolsas de estudo de até 80% para sua carreira.

A verdade é que maturidade profissional não é um nível hierárquico ou um momento que alguém chegará e irá te promover. “Olha, fulano, você alcançou a maturidade profissional e aqui está seu novo cargo enquanto um profissional sênior”. As coisas não funcionam dessa maneira.

Tudo é uma construção, uma trajetória que te leva ao autoconhecimento, que, por sua vez, te traz à concepção sobre ter maturidade profissional ou não. E não subestime o poder do tempo: há sempre o que aprender, há sempre algo novo para se especializar.

Como obter maturidade profissional?

A maturidade profissional requer repertório, isto é, tudo aquilo que você coloca naquela tal bagagem que você carrega consigo pelos caminhos da vida. Toda referência que você colhe para si e consegue dispor ao seu leque de possibilidades para o futuro.

Repertório é cada tijolinho que você colocou para levantar as estruturas da sua vida. Não importa se você começou trabalhando como garçom em um bar e quer ser programador back-end. A experiência de viver em um ambiente de bar e desenvolver habilidades interpessoais certamente te ajudarão no momento em que você começar a atuar como programador back-end.

Maturidade profissional passa pelo entendimento de que a vida tem um prazo maior que o imaginado – mas o tempo corre. Entender que nem tudo é o fim do mundo, mas você não pode ficar parado. Tem sempre que achar algo que dê para colocar no repertório.

Por que é importante ter repertório?

Além da parte técnica que vai te traz aprendizados ao longo do tempo, o repertório também ajuda no desenvolvimento de habilidades preciosas para sua maturidade profissional. 

Habilidades que dão sinais para si mesmo que você já superou algumas barreiras e está mais preparado para assumir grandes responsabilidades ou que estão alinhadas com as profissões do futuro.

Quais são os sinais de maturidade profissional?

Resiliência

O primeiro sinal da maturidade profissional é a resiliência. Quando você passa a resistir às intempéries que surgem na vida. Resiliência se ganha com erros e situações adversas.

Ser resiliente é o primeiro sinal porque mostra que, enquanto profissional, você consegue lidar com situações difíceis ou pegar responsabilidade para si.

Capacidade de se adaptar

As circunstâncias vão mudar. Situações podem mudar repentinamente. Se você precisa ser resiliente para aguentar, você também precisa ser esperto para se adaptar. Ser um camaleão é certamente um diferencial competitivo nos dias de hoje.

Em tempos exponenciais, que a tecnologia invade de forma exponencial, você precisa saber se adaptar com a velocidade que as coisas mudam. Ser resiliente e se adaptar diante de tantas transformações de tendências e comportamento do consumidor.

Visão sobre tendências e comportamento

O terceiro sinal que você pode concluir sobre sua maturidade profissional, depois de entender que você é resiliente e consegue se adaptar, é sempre estar atento às tendências e comportamento do consumidor.

Um profissional que possui um certo nível de senioridade sabe exatamente o que está acontecendo no seu mercado, em outros mercados, como concorrências simétricas e assimétricas podem impactar no seu negócio, como seu cliente se comporta e as tendências para o futuro. 

Facilidade de se relacionar

Outro sinal evidente que você pode analisar sobre sua maturidade profissional é sua capacidade de se relacionar e liderar. A 1ª Revolução Industrial é sobre a tecnologia como extensão do braço humano. A 4ª Revolução Industrial, pela qual estamos passando, é sobre a tecnologia como extensão do cérebro humano.

Maturidade Profissional: entenda o significado - Guia da Carreira

O futuro do mercado de trabalho é incerto. Uma coisa que não muda, nesses tempos de disrupção, entretanto, é a capacidade de se relacionar. A tecnologia deve superar tarefas repetitivas, mas para planejar, gerenciar e executar estratégias, o ser humano continua sendo o grande ativo.

Ter a habilidade de se relacionar está intrinsecamente ligado à se adaptar. Estamos vivendo um mundo cada vez mais conectado, com pessoas de diferentes lugares trabalhando juntas. Adaptação e boas relações são sinais evidentes de que você consegue trafegar por qualquer ambiente de trabalho.

A importância de unir soft skills com hard skills no mercado de trabalho

Grande parte dos sinais que mostram que você pode ter atingido a maturidade profissional estão relacionados às soft skills, aquelas que estão relacionadas mais aos traços de personalidade. Afinal, o campo de maturidade vai de cada um para cada um.

Mas é importantíssimo dizer o quanto a soma dessas habilidades, com as chamadas hard skills, aquelas que você ganha através da capacitação, formam o combo necessário para atingir a maturidade profissional. Não adianta de nada ser uma pessoa desenrolada, se você não tem as vigas para sustentar a postura.

O que é aprendizado contínuo?

LifeLong Learning, ou Aprendizado Contínuo, é um conceito de educação perene. 

Um desenvolvimento que vai além da conquista de um diploma. Afinal, sempre tem algo novo para aprender e se manter em dia. Mas o mais importante de tudo isso: com você no controle do processo.

O conceito prega que o aprendizado não é uma responsabilidade atrelada às instituições de ensino, mas sim livre arbítrio de cada pessoa. Tem que funcionar de forma voluntária e proativa. 

Para atingir a maturidade profissional, você nunca pode deixar de estudar e se manter atento ao que está acontecendo no mundo. 

Ao fazer sua escolha, a primeira informação que deve verificar é se a faculdade tem a autorização do Ministério da Educação (MEC) para oferecer o seu curso. 

Essa é a garantia de que você vai obter um diploma de nível superior válido em todo o país, que poderá ser usado para encontrar um emprego na área ou participar de concursos públicos que exijam esse grau de escolaridade.

Fizemos uma seleção com faculdades reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC que oferecem graduações e especializações. Além de terem o selo de qualidade do órgão educacional mais importante do Brasil, todas elas contam com programas de descontos, bolsas e financiamentos facilitados. Confira:

> Não perca a oportunidade de encontrar bolsas de estudo de até 80% para turbinar sua carreira!

Leia mais: As oportunidades com os cursos de pós-graduação.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin