Descubra o que faz um assistente de faturamento

O faturamento é um dos departamentos mais importantes de uma empresa, pois é o setor que gerencia a matéria prima em estoque, o vencimento dos contratos de clientes, os pagamentos recebidos e contém dados essenciais para a empresa. Por questões de segurança, suas salas são reservadas e com acesso somente a pessoas autorizadas.

Você sabe o que um assistente de faturamento na empresa faz durante o dia de trabalho? Conheça as principais atividades ocupacionais deste profissional e como obter a formação necessária para ser um assistente de faturamento.

Qual a função do assistente de faturamento?

O assistente de faturamento controla as operações do departamento de faturamento. Ele irá analisar os orçamentos, gerenciar as contas a pagar e receber e administrar o fluxo de caixa. A partir destes dados, o assistente de faturamento pode atuar em outras funções, como a elaboração de relatórios, o auxílio na prestação de contas e a apuração dos resultados da companhia.

Além disso, o assistente de faturamento é responsável pela compra de matérias primas e equipamentos utilizados na linha de produção, evitando que faltem no estoque. Também emite, classifica e confere notas fiscais, recibos e boletos, e calcula os impostos e retenções.

Manter atualizados os dados de cadastro dos clientes e contatá-los quando necessário também são coisas que faz um assistente de faturamento.

Para trabalhar nessa função, o profissional precisa ser bastante meticuloso e confiável para o manuseio de contas e documentos, além de ter um alto grau de capacidade organizacional. Afinal, o assistente de faturamento lida com grande quantidade de informações financeiras.

A seguir, um resumo das principais atividades que faz um assistente de faturamento:

  • Receber pagamentos por meio de diferentes meios e checar a credibilidade do pagador;
  • Atualizar o sistema contábil com novos pagamentos, saldos e informações dos clientes;
  • Verificar a entrada de dados no sistema contábil e conferir as informações, para garantir exatidão dos documentos fiscais;
  • Coletar os valores e informações necessárias para calcular as contas a pagar e a receber;
  • Gerenciar saldos de contas em busca de dívidas pendentes e outras inconsistências;
  • Emitir faturas e enviá-las aos clientes por meio de diferentes canais, como correio e e-mail;
  • Enviar lembretes e entrar em contato com os clientes quando necessário;
  • Emitir extratos de contas de clientes;
  • Atender aos clientes, respondendo perguntas e lidando com reclamações;
  • Gerar relatórios sobre atividades e informações de faturamento e apresentá-los à gestão da empresa.

Onde trabalha o assistente de faturamento?

Normalmente, o assistente de faturamento atua junto ao setor de Almoxarifado e Recebimento da empresa. Algumas empresas, contudo, possuem um departamento específico de Faturamento.

As vagas para assistente de faturamento são ofertadas em todas as organizações que atuam com venda de produto ou com prestação de serviços, seja diretamente para o consumidor final ou para outras empresas, como indústrias, distribuidores e operadores logísticos.

Ou seja, esse profissional é contratado pelos mais diversos tipos de empresas, especialmente as que possuem alta entrada e saída de materiais, como as indústrias de diferentes segmentos produtivos, supermercados e outros comércios varejistas.

Quanto ganha um assistente de faturamento?

Inicialmente, um assistente de faturamento ganha, em média, de R$1.600 a R$2.500 de salário, considerando 44 horas semanais em regime CLT.

Contudo, com formação superior e especializações, o salário torna-se maior e o assistente de faturamento tem grandes chances de ser promovido, assumindo cargos maiores como analista de faturamento, coordenador, gerente e até diretor.

O que é preciso para ser assistente de faturamento?

As competências comportamentais exigidas de um assistente de faturamento são o bom atendimento ao público, atenção, agilidade de raciocínio, responsabilidade, iniciativa e pró-atividade. Além disso, ter conhecimento básico de informática e de ferramentas como planilhas é fundamental para o que faz um assistente de faturamento. Gostar de números e matemática é recomendado para quem deseja seguir essa profissão.

O assistente de faturamento também precisa ter noções sobre os principais tributos, como taxas e impostos, documentos fiscais, como Nota Fiscal e Danfe, e sempre procurar se atualizar sobre legislação e norma tributárias.

Para iniciar no cargo, muitas empresas exigem apenas o ensino médio completo, mas a graduação é um grande diferencial para o profissional que deseja se destacar e conquistar uma promoção.

E, ainda, grande parte dos assistentes de faturamento são profissionais graduados. O curso mais indicado para o assistente de faturamento é a Administração, ou então cursos tecnológicos da área de Gestão. Há, também a possibilidade de cursos relacionados, como Ciências Contábeis.

Onde estudar para ser assistente de faturamento?

Optar por uma faculdade reconhecida e bem avaliada pelo MEC é essencial para se destacar no mercado e crescer na carreira, pois ajudará nas entrevistas de emprego e no desenvolvimento na empresa.

Assim, separamos algumas opções de instituições que, além de oferecer cursos de Administração, Gestão e Negócios e Ciências Contábeis, são muito bem avaliadas pelo MEC e reconhecidas no mercado:

Essas sugestões de cursos podem ajudar na hora de conquistar uma vaga de emprego no mercado de trabalho.

Veja também: Gestão e Negócios: conheça os cursos dessa área

Agora que você já sabe o que faz um assistente de faturamento, conte aqui nos comentários o que achou da profissão e qual dos cursos mais te interessa!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin