dcsimg

Entenda como pagar o Fies depois da faculdade

Veja como acontece o pagamento das parcelas do FIES depois que você conclui o curso na faculdade.

Você sabia que o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) ofertou mais de 100 mil contratos em 2019? Desse total, 46 mil contratos foram destinados à modalidade de financiamento sem juros. 

Se você pensa em se inscrever na próxima edição do FIES, precisa ser bem informado sobre os pagamentos que deve fazer durante e depois da faculdade. 

O FIES possui duas etapas de pagamento:

  • Pagamento durante os estudos na faculdade
  • Pagamento depois de concluir o curso na faculdade

Durante os estudos, você tem 2 compromissos financeiros obrigatórios: o pagamento do seguro de vida e o pagamento do encargo operacional fixado no contrato do FIES (a taxa de co-participação). 

E depois de concluir o curso? Como pagar o FIES depois da faculdade? Veja, a seguir, todos os detalhes sobre os pagamentos que você precisa efetuar após o término dos estudos.

Como pagar o FIES depois da faculdade

No primeiro mês após a conclusão do curso, começa o pagamento do saldo devedor do FIES.

Se você estiver empregado formalmente (CLT ou servidor público), o FIES desconta o pagamento direto na fonte. Isto é, diretamente no seu salário, antes dele cair na sua conta bancária.

O valor da parcela do FIES é restrito a, no máximo, 10% da sua renda mensal. Por exemplo, se o seu salário é de R$ 2.500, o pagamento do FIES pode ser de até R$ 250.

Isso significa que você nem precisa se preocupar com boletos chegando na sua casa pois o pagamento será automático e mensal.

Se você não tiver renda, deve quitar as prestações mensais correspondentes ao pagamento mínimo, segundo o regulamento do CG-Fies — o mesmo valor da taxa de co-participação que você pagou durante os estudos.

Se você é um empreendedor que não está empregado formalmente e possui empresa aberta em seu nome, as parcelas do FIES podem ser cobradas sobre o rendimento da sua empresa por meio do eSocial.

Prazo de pagamento do FIES depois da faculdade

O pagamento do FIES respeita a capacidade de pagamento do usuário.

Isso significa que, quando você tiver renda, as parcelas serão maiores — seguindo sempre o limite de até 10% do seu rendimento. Caso fique desempregado, o valor reduz para o equivalente à taxa de co-participação.

Por causa dessas variações que podem ocorrer, o FIES pode ser quitado em até 14 anos.

Se isso é muito tempo para ter uma dívida, você pode diminuir o prazo de pagamento fazendo aportes de forma voluntária. Isto é, pagamentos não retidos na fonte. 

Você junta uma boa quantia para fazer uma amortização extraordinária — pagar um boleto para reduzir ainda mais o saldo devedor e, consequentemente, a duração do financiamento.

Como financiar uma graduação presencial com o FIES

O FIES permite financiar apenas graduação presencial em faculdades privadas. 

É possível parcelar um bacharelado ou uma licenciatura —  veja no edital da próxima edição do FIES se é possível parcelar cursos superiores de tecnologia. 

Existem duas modalidades desse programa de financiamento estudantil:

  • FIES (sem juros): para brasileiros com renda mensal familiar de até 3 salários mínimos por pessoa.
  • P-FIES (com juros baixíssimos): para brasileiros com renda mensal familiar de 3 a 5 salários mínimos por pessoa.

Agora, confira os critérios para se inscrever no programa:

  • Ter participado de uma edição do Enem (a partir de 2010) e ter obtido nota igual ou superior a 450 pontos na média das provas objetivas e nota maior que zero na redação.
  • Ter renda mensal familiar de 1 até 5 salários mínimos por pessoa.

As inscrições acontecem online duas vezes por ano nos meses de janeiro (FIES do 1º semestre) e maio (FIES do 2º semestre).

Você deve se inscrever dentro do prazo previsto no edital do FIES. 

Caso seja pré-selecionado, deve apresentar todas as documentações comprobatórias exigidas pelo FIES e pela faculdade para complementar sua inscrição.

Sendo classificado no FIES, deve contratar o seguro de vida e fechar o contrato de financiamento com um agente financeiro em até 10 dias úteis após a aprovação no FIES.

Como estudar pagando menos sem precisar do FIES

O FIES não é a única alternativa para estudar pagando uma mensalidade menor com um longo prazo de pagamento. 

É possível financiar uma graduação presencial ou EAD diretamente na faculdade privada, sem burocracia.

Além disso, existe a possibilidade de ingressar direto em um curso usando a nota do Enem e recebendo bolsa de estudo de até 100%.

Algumas opções de financiamento disponíveis em faculdades privadas são:

  • CREDUCSUL: durante os estudos, o aluno paga somente 50% da mensalidade. O restante deve ser quitado sem juros após a formatura.
  • PRAVALER: crédito universitário que pode ser contratado por semestre e permite parcelar as mensalidades a juros bem baixos com um 1 ano de prazo de pagamento.
  • PEP – Parcelamento Estudantil Privado: financiamento que permite parcelar até 70% do curso sem juros para pagar somente depois de formado.

Já o ingresso direto com desconto na mensalidade segundo a nota do Enem varia conforme a faculdade. 

A Cruzeiro do Sul Virtual, por exemplo, concede bolsa de até 100% segundo as médias abaixo:

  • De 300 até 449 pontos: bolsa de até 55% de desconto válida no 1º semestre.
  • De 450 até 549 pontos: bolsa de até 58% de desconto válida até a formatura.
  • De 550 até 599 pontos: bolsa de até 60% de desconto válida até a formatura.
  • De 600 até 699 pontos: bolsa de até 65% de desconto válida até a formatura.
  • De 700 até 899 pontos: bolsa de até 75% de desconto válida até a formatura.
  • Acima de 900 pontos: bolsa de 100% de desconto válida até a formatura.

Interessado? Veja algumas faculdades reconhecidas pelo MEC que permitem financiar os estudos sem burocracia e que disponibilizam o ingresso direto com bolsa de até 100% conforme a média no Enem:

Veja também:

Veja como usar o Enem para entrar em faculdade particular

Saiba como conseguir um financiamento estudantil

Agora que você já sabe como pagar o FIES depois da faculdade, conte para a gente qual graduação pretende fazer. Comente o nome do curso!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin