dcsimg

Descubra como conseguir uma vaga remanescente do Sisu 2020

Saiba como fazer para entrar na universidade pública por meio das vagas remanescentes do Sisu 2020!

Se você pretende tentar uma vaga numa universidade pública pelo Sisu em 2020, precisa saber que o programa concede outras oportunidades para os candidatos após a seleção regular.

Após a seleção principal, ainda é possível entrar através da lista de espera e da seleção para as vagas remanescentes, que são aquelas que aparecem ao longo do processo seletivo.

Quer saber como conseguir ingressar na universidade através das vagas remanescentes do Sisu 2020? Então acompanhe este artigo que você vai entender tudo!

Vagas remanescentes do Sisu 2020: Sisu Transferência

Recentemente, o Ministério da Educação detectou que mais de 170 mil vagas estavam ociosas nas universidades públicas brasileiras. Pior: a pesquisa também apontou que 70% dessas vagas nunca seriam ocupadas.

Isso não apenas representa um desperdício de recursos públicos, como também deixa de fora milhares de pessoas que poderiam estar estudando numa instituição de qualidade gratuitamente.

Para resolver o problema, o MEC decidiu implementar um novo processo seletivo: o Sisu Transferência.

O Sisu Transferência

O Sisu Transferência é o processo seletivo que concede vagas aos alunos que se matricularam em universidades públicas ou particulares, mas que queiram fazer a transferência para as instituições públicas participantes do programa.

O Ministério da Educação  ainda não divulgou o edital com todos os detalhes a respeito do Sisu Transferência em 2020. O que se sabe é que as universidades públicas poderão disponibilizar quantas vagas remanescentes desejarem para o programa.

O Sisu Transferência deverá funcionar de maneira informatizada, seguindo o mesmo padrão adotado pelo Sisu. Os candidatos serão selecionados a partir da pontuação da edição mais recente do Enem.

Vale lembrar que o MEC não obriga as faculdades a aderirem ao programa. Caberá a cada instituição definir a quantidade de vagas disponibilizadas, os critérios para seleção de alunos e as notas de corte aplicadas.

Vagas remanescentes do Sisu 2020: lista de espera

Quem se inscreveu no Sisu e não conseguiu uma vaga tem ainda uma segunda chance através da lista de espera. 

A lista de espera do Sisu é uma medida adotada pelo MEC para ocupar as vagas remanescentes imediatas: ou seja, aquelas vagas que não foram preenchidas logo nas primeiras semanas após o resultado do Sisu.

Candidatos que não foram aprovados em nenhuma das duas opções de curso no Sisu podem se inscrever na lista de espera e torcer para serem chamados! 

Embora as datas da lista de espera do Sisu 2020 ainda não tenham sido divulgadas, é possível fazer uma estimativa com base nos anos anteriores.

Inscrições

Assim, as inscrições para a lista de espera do primeiro semestre deve acontecer entre a última semana de janeiro e a primeira semana de fevereiro. Os alunos classificados devem ser convocados dois dias após o fim das inscrições.

Já no segundo semestre, as inscrições devem acontecer na última semana de junho e os alunos classificados devem ser chamados a partir de julho.

E quem não conseguir uma vaga remanescente do Sisu 2020?

Sabemos que o processo seletivo do Sisu é concorrido: as notas de corte dão altas e mesmo quem se inscreve pela lista de espera, ou quem tentar o Sisu Transferência, não tem garantias de que irá conseguir ingressar no curso dos seus sonhos.

Ainda assim, não há motivos para preocupação: há outras alternativas para entrar para a faculdade logo em 2020 com a nota do Enem! Conheça algumas:

ProUni

Pelo ProUni, é possível conseguir uma bolsa de estudo parcial ou integral em faculdade particular.

Para isso, é necessário apresentar desempenho de, pelo menos, 450 pontos no Enem, não zerar a Redação e se encaixar nos critérios de escolaridade e renda exigidos pelo programa.

FIES

Estudantes de baixa renda que tenham feito qualquer edição do Enem a partir de 2010, com desempenho de, no mínimo, 450 pontos e nota acima de zero na Redação, pode tentar um financiamento estudantil através do FIES.

O programa oferece juros baixos e prazo longo para pagamento, com início da cobrança após a formatura.

Ingresso direto

Quem prefere uma opção mais prática e sem burocracia, pode optar por entrar para uma faculdade particular por meio do ingresso direto. Funciona assim: você entra no site da instituição escolhida e confere se ela aceita a nota do Enem.

Se aceitar, basta informar a sua pontuação e o sistema irá mostrar se você tem direito à vaga ou não.

Os alunos que tiverem a nota mínima exigida podem fazer a matrícula imediatamente, sem necessidade de prestar vestibular!

Onde estudar com a nota do Enem

Selecionamos algumas faculdades particulares reconhecidas e bem avaliadas pelo MEC onde você pode usar a sua nota do Enem para ingressar em um curso de nível superior. Confira:

As faculdades listadas acima contam com mensalidades baixas e ainda oferecem benefícios como bolsas de estudo, convênios, descontos e financiamentos sem burocracia. Visite o site da instituição desejada e veja como se inscrever!

Veja também:

Entenda o que é o Sisu Transferência

Descubra como usar a nota do Enem para entrar para a faculdade

Vai tentar uma vaga no Sisu 2020? Conte para a gente nos comentários sobre o curso que você deseja fazer!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin