dcsimg

Confira quais são os cursos menos concorridos no vestibular

Saiba quais cursos têm a menor relação candidato x vaga ou exigem notas de corte mais baixas!

Nem sempre o vestibular é aquela pedreira que a gente imagina. Em alguns casos, dá para conseguir entrar em cursos legais sem precisar empreender um esforço gigantesco.

Isso, claro, vai depender muito do que você procura.

Entrar em graduações mais concorridas, como Direito, Medicina, Engenharia, Odontologia, Psicologia e Arquitetura, é quase sempre mais complicado.

Mas sabia que existe uma quantidade considerável de cursos bem menos concorridos no vestibular? E que pode ser realmente muito mais fácil conseguir vaga neles?

Gostou da ideia? Pois saiba melhor do que estamos falando a seguir!

Cursos menos concorridos no vestibular

Para a alegria de muita gente, alguns cursos – mesmo em universidades públicas – não atraem uma gigantesca quantidade de interessados.

A gente foi investigar quais são esses cursos nos principais processos seletivos do Brasil: os vestibulares da Fuvest e o da Unicamp, o Sisu e o ProUni.

O que encontramos foi o seguinte:

Cursos menos concorridos da Fuvest

No maior vestibular tradicional do país, que garante acesso à Universidade de São Paulo (USP), a concorrência dá uma trégua nos seguintes cursos:

  • Biblioteconomia
  • Ciências da Informação e da Documentação
  • Geografia
  • Gestão Ambiental
  • Lazer e Turismo
  • Educomunicação
  • Letras
  • Música
  • Ciências dos Alimentos
  • Fonoaudiologia
  • Saúde Pública
  • Ciências Físicas e Biomoleculares
  • Engenharia Bioquímica
  • Engenharia de Materiais
  • Informática Biomédica
  • Licenciatura em Ciências Exatas
  • Matemática
  • Física
  • Química

Cursos menos concorridos da Unicamp

No vestibular da maior universidade de Campinas, no interior de São Paulo, os cursos mais fáceis são quase todos na área do estudo da Música. Dê uma olhada:

  • Música erudita (flauta)
  • Tecnologia em Saneamento Ambiental
  • Música erudita (trombone)
  • Música erudita (violino)
  • Música erudita (contrabaixo)
  • Música popular (saxofone)
  • Música (regência)
  • Música erudita (percussão)
  • Música erudita (trompete)
  • Música erudita (viola)

Já nos processos seletivos que usam a nota do Enem, como o Sisu e o ProUni, o conceito de concorrência é um pouco diferente. Aqui, em vez de candidatos por vaga é utilizado o critério de notas de corte – a pontuação mínima (obtida no Enem) para passar.

Veja quais foram os cursos mais fáceis de entrar (ou que tiveram menor nota de corte), em edições recentes.

Cursos menos concorridos do Sisu

O Sisu, ou Sistema de Seleção Unificada, é aquele que escolhe alunos para ocupar novas vagas em universidades públicas de todo o Brasil. Anote os que têm registrado notas de corte mais “suaves” ultimamente:

  • Física
  • Matemática
  • Química
  • Ciências Biológicas
  • Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia
  • Letras – Português
  • Ciências Exatas
  • Física
  • Ciências da Natureza
  • Letras – Português e Espanhol

Cursos menos concorridos pelo ProUni

O ProUni é o programa que distribui bolsas de estudos em faculdades particulares. Nas últimas edições, os cursos com menores notas de corte foram:

  • Análise e Desenvolvimento de Sistemas
  • Arqueologia
  • Artes
  • Artes Cênicas
  • Artes Visuais
  • Audiovisual
  • Automação Industrial
  • Aviação Civil
  • Banco de Dados
  • Beleza, Estética e Imagem Pessoal
  • Biblioteconomia
  • Biologia
  • Biomedicina
  • Biotecnologia
  • Biotecnologia Industrial

Cursos menos concorridos segundo o MEC

De acordo com o Censo da Educação Superior, realizado anualmente pelo MEC, esses são os cursos que, no geral, têm uma relação mais baixa de candidato inscrito por vaga oferecida:

  • Gestão de Comércio
  • Tecnologia em Agronegócio
  • Gestão Financeira
  • Comunicação Assistiva
  • Letras (línguas estrangeiras)
  • Marketing e propaganda
  • Produção industrial
  • Artes Visuais
  • Gestão da informação
  • Sociologia
  • Petróleo e Gás
  • Administração Hospitalar
  • Empreendedorismo
  • Negócios Imobiliários
  • Banco de Dados
  • Agropecuária
  • Comunicação Institucional
  • Gestão de Qualidade
  • Gestão Ambiental

É importante saber que o ranking do MEC leva em conta as vagas oferecidas em instituições públicas e particulares e o número geral de inscritos em cada uma delas. Esse ranking dá apenas uma ideia geral da procura por determinados cursos.

Onde é mais fácil conseguir vaga?

O listão que trouxemos acima revela que, no geral, os cursos mais fáceis de conseguir vaga são os de licenciatura (aqueles que formam professores) e os de tecnólogo, que oferecem uma formação mais rápida (entre dois e três anos), focada no mercado de trabalho.

Mas você sabia que outras formas de entrar no ensino superior com mais facilidade?

A primeira alternativa é optar por um curso a distância. A modalidade conta com versões EAD de graduações super concorridas, como Engenharia, Enfermagem ou Administração, além de ter uma oferta que só cresce no cenário nacional. Desde que o curso seja reconhecido pelo Ministério da Educação, o diploma EAD vale tanto quanto o presencial e é aceito formalmente no mercado de trabalho.

Se você se tem perfil para estudar a distância, pode levar essa opção em conta sem pensar duas vezes. Há cursos EAD em faculdades públicas e privadas, embora a grande maioria das vagas esteja mesmo nas instituições particulares.

A segunda alternativa pode ser tentar vaga em uma faculdade particular, para estudar de forma tradicional (presencial). Essas instituições contam com um volume de vagas muito maior do que o oferecido no sistema público, e são capazes de atender bem à demanda brasileira por formação de nível superior. Tudo o que você tem que fazer antes de se inscrever no vestibular é checar se a instituição escolhida é reconhecida e bem avaliada pelo MEC – isso irá garantir um diploma diferenciado no mercado de trabalho.

A gente separou algumas dessas faculdades para você levar em conta nos próximos processos seletivos. Confira:

Veja também:

Conheça os cursos de Medicina mais baratos do Brasil

E aí, o curso que você quer está entre os mais concorridos ou entre os mais tranquilos? Conte para a gente nos comentários!

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin