Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque o curso

    Busque, compare e escolha o curso que vai mudar sua vida.


  2. Garanta sua vaga

    Pague a adesão para garantir sua vaga.


  3. Na direção do seu sucesso

    Faça o processo seletivo e depois se matrIcule na faculdade.


Educação

Saiba tudo sobre como se inscrever no Fies e ter seu financiamento

22 de agosto de 2017
Mulher negra de óculos, celebrando com cabelo e em um fundo alaranjado ao saber como se inscrever no Fies
Imagem do autor
Escrito porGuia da Carreira

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do governo para facilitar o acesso de estudantes de baixa renda ao ensino superior e que já beneficiou centenas de milhares de estudantes desde sua criação e continua abrindo mais vagas a cada semestre.

Você sabe como se inscrever no Fies?

Encontre bolsas de estudo de até 80%

Para se candidatar, é preciso cumprir alguns requisitos e ficar atento a cada etapa da inscrição, do cadastro à contratação do financiamento. O programa é cheio de pequenos detalhes. Por isso, quanto mais informado você estiver, melhor.

Acompanhe nosso guia sobre o Fies e saiba mais sobre as exigências, o passo a passo da inscrição e como fazer para obter o financiamento. Além disso, também mostraremos algumas alternativas para quem não se encaixar no programa. Vamos lá?

+ Veja qual graduação combina mais com você! Faça o teste gratuito!

Como se inscrever no Fies?

Para se inscrever no Fies, confira esse passo a passo:

  • Acesse o site oficial do Fies Seleção
  • Faça login utilizando sua conta gov.br e informe seu CPF e senha cadastrados
  • Insira os nomes dos membros do grupo familiar maiores de 14 anos, juntamente com seus respectivos CPFs, datas de nascimento e renda bruta mensal
  • Escolha a graduação que deseja financiar entre as opções disponíveis
  • Selecione até três opções de curso em ordem de prioridade, incluindo o curso desejado, a instituição de ensino, o campus e o turno
  • Verifique cuidadosamente suas opções de curso, pois, se você for aprovado em alguma delas, não poderá participar da lista de espera
  • Confirme sua inscrição e acompanhe as notas de corte, que são atualizadas diariamente

Durante o período de inscrições, o sistema de seleção do Fies divulgará a classificação parcial, incluindo a nota de corte para cada curso, com base no número de vagas disponíveis e na quantidade de inscritos em cada opção.

Utilize essa classificação parcial para avaliar sua probabilidade de ser selecionado com base em sua pontuação no Enem. Ao longo das inscrições, você pode alterar suas opções de curso quantas vezes forem necessárias.

Mas lembre-se que para a classificação final, será considerada a última escolha de curso salva no sistema.

Inscrição do Fies pelo celular

Infelizmente não existe aplicativo que facilite a inscrição do Fies nem para a versão android e nem para a IOS. Porém, quem deseja se inscrever pelo celular deve acessar o site e seguir todos os passos listados anteriormente.

Quanto custa se inscrever no FIES?

A inscrição no Fies é totalmente gratuita. O candidato não precisa pagar nada para se inscrever. Basta ficar atento aos prazos e acompanhar o andamento do programa no período de inscrição.

+ Entenda como pagar o Fies depois da faculdade

Como conseguir o financiamento do Fies?

Quem consegue passar pelo processo seletivo do Fies precisa cumprir mais uma etapa para garantir o financiamento: o primeiro passo é fazer o cadastro em outro sistema, o SisFIES.

Em seguida, o Fies estabelece um prazo para comprovar, na faculdade, todas as informações prestadas na inscrição. Isso inclui demonstrar a renda de todos os membros da sua família que moram na mesma casa que você e também levar documentos de identificação pessoal, como RG, CPF e certificado de conclusão do ensino médio.

Não precisa levar o boletim do Enem, uma vez que o sistema do Fies é automático e computa a nota instantaneamente. A comprovação deverá ser feita na Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento (CPSA), um departamento que cuida dos assuntos do Fies e existe em todas as faculdades participantes do programa.

Após obter o sinal verde da CPSA, é a hora de contratar o financiamento no banco. O Fies também define um prazo para essa etapa. A lista de documentos vai depender do tipo de contrato que você vai assinar e pode ser consultada no site do Fies.

+ Fies: Governo aprova lei de renegociação de dívidas

Quem pode se inscrever no Fies?

Nem todo mundo pode se inscrever no Fies. Como o sistema utiliza as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o primeiro passo para financiar a graduação é fazer a prova. Além disso, o programa exige uma renda mínima para os candidatos que desejam participar. Veja quais são os requisitos:

  • Obter um bom desempenho em qualquer edição do Enem a partir de 2010 (o candidato precisa atingir pelo menos 450 pontos na média das provas e não ter zerado a redação). 
  • Ter renda familiar bruta mensal de até cinco salários mínimos por pessoa.

Quanto à questão da renda familiar, aqui vale uma explicação um pouco mais detalhada:

O Fies trabalha com três tipos de contrato, firmados de acordo com a renda do candidato e sua localização. Confira as modalidades disponíveis no programa:

Modalidade 1

Destinado aos estudantes com renda familiar bruta mensal de até três salários mínimos por pessoa. Neste caso, os candidatos que são selecionados devem pagar as mensalidades após a formação. Durante o curso, o valor é financiado 100% pelo governo. 

Modalidade 2

Esta modalidade atende alunos que residem nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. O programa destina cerca de 150 mil vagas para esta modalidade e a taxa de juros varia conforme a instituição de ensino superior desejada.

+ Saiba qual nota você precisa tirar no Enem para conseguir Fies

Modalidade 3

Contrato voltado a quem tem renda familiar bruta mensal de até cinco salários mínimos por pessoa. Diferentemente das outras modalidades, essa é destinada a estudantes de todas as regiões do país. A taxa de juros dessa modalidade também varia conforme a universidade. 

+ Existe renda mínima para participar do Fies?

saiba como se inscrever no fies

Quando abrem as inscrições do Fies?

O programa libera as inscrições duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre. O procedimento para se inscrever é o mesmo nos dois processos seletivos, o que muda de um para outro é as instituições de ensino superior, os cursos ofertados e também a quantidade de vagas disponíveis.

Normalmente, as inscrições do primeiro semestre abrem no final de fevereiro ou início de março. Já no segundo semestre, as inscrições abrem por volta dos meses de julho e agosto. 

É importante ficar atento às datas que são divulgadas no portal oficial do Fies. Além disso, aqui no Guia da Carreira você sempre encontrará as notícias mais recentes sobre esse programa do governo federal.

Veja mais: + Quem tem FIES pode fazer Sisu?

+ Quem fez o Prouni pode fazer o Fies? 

Outras opções além do Fies

Nem todo mundo se enquadra nos requisitos do processo seletivo do Fies ou vence a acirrada concorrência por uma vaga. Isso não significa, no entanto, que você deva desistir do seu sonho de obter um diploma universitário.

O Fies não é o único tipo de financiamento estudantil disponível. Se você precisa de ajuda para bancar a faculdade, saiba que diversas faculdades particulares possuem seus próprios programas de crédito. 

+ Entenda o que acontece se você não pagar o Fies

Sugerimos que visite o site da instituição de ensino que deseja cursar e consulte as condições de contratação. Elas costumam ser parecidas com as do Fies (principalmente quanto a só começar a quitar a dívida depois da formatura), só que com muito menos exigências e questões burocráticas.

Além de financiamento estudantil, muitas faculdades também mantêm ou participam de programas de bolsas de estudo. Cada faculdade tem suas regras, mas há benefícios variados: bolsa do Prouni, por mérito acadêmico, descontos para quem paga em dia e muito mais.

O Prouni é outro programa do governo que utiliza a nota do Enem para conceder bolsas de estudo parciais, de 50%, ou integrais, de 100%, para estudantes de baixa renda. Podem se inscrever no Prouni os candidatos de escolas públicas, privadas e professores de licenciatura.

Outra maneira de conseguir bolsa é por meio de plataformas de bolsas de estudo, como a Quero Bolsa. Lá é possível encontrar bolsas de até 80% em mais de mil universidades espalhadas pelo país para cursos de todas as áreas do conhecimento.

+ Documentos do ProUni: o que pode reprovar na inscrição?

Uma das vantagens é que o aluno não precisa ter feito a prova do Enem e também não há a necessidade de comprovar renda. É possível escolher um curso a distância ou presencial e até mesmo escolher a média de mensalidade que você pode pagar.

Todas as universidades são reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC). Conheça algumas instituições de ensino superior que são parceiras da plataforma:

+ Leia mais!
Saiba como conseguir o Fies para curso tecnólogo
É necessário estar matriculado na faculdade para ter o Fies?

Encontre o curso que te ajudará a ir além!
Encontre o curso que te ajudará a ir além!
Os mais lidos
Quantos pontos do Enem tem que tirar para cada curso? Confira

Quantos pontos do Enem tem que tirar para cada curso? Confira

Por Guia da Carreira em 10/01/2024
Como calcular a nota do Enem? Entenda e veja como entrar na faculdade com bolsas

Como calcular a nota do Enem? Entenda e veja como entrar na faculdade com bolsas

Por Guia da Carreira em 10/01/2024
Prouni Medicina: Veja notas de corte para passar na faculdade

Prouni Medicina: Veja notas de corte para passar na faculdade

Por Amanda Nonato em 01/03/2023
Sisu 2023/2: veja as notas de corte médias dos cursos mais procurados

Sisu 2023/2: veja as notas de corte médias dos cursos mais procurados

Por Amanda Nonato em 22/02/2023
Entenda como conseguir desconto na faculdade com a nota do Enem

Entenda como conseguir desconto na faculdade com a nota do Enem

Por Amanda Nonato em 15/02/2023

Estude nas melhores sem sair de casa

As melhores faculdades com ofertas super especiais para você começar a estudar sem sair de casa.