Descubra o que faz um farmacêutico

Tem interesse na carreira de farmacêutico mas ainda não sabe o que faz um farmacêutico, exatamente? Aqui você encontra os detalhes mais importantes que você precisa saber sobre essa profissão e como trabalham os profissionais da Farmácia.

O que faz um farmacêutico?

O farmacêutico é um profissional que atua na área da saúde, principalmente em dois setores de atividade: assistência médica e Química. Nos laboratórios, a função do farmacêutico é bastante focada nas pesquisas que trabalham com a produção e desenvolvimento de remédios, cosméticos e medicamentos por meio de componentes sintéticos e reações químicas.

Esse profissional também tem participação importante nas análises e controle de qualidade de produtos de acordo com regras estabelecidas pelas autoridades sanitárias. Assim como a responsabilidade pela produção de remédios, o farmacêutico também está envolvido nas demais etapas até o processo de chegada ao paciente consumidor, fase em que é responsável por assegurar o uso correto desses medicamentos.

A profissão de farmacêutico pode ser considerada uma evolução de duas ocupações antigas: o boticário e o apotecário, que trabalhavam em cima de ativos naturais para produzir produtos medicinais. Séculos atrás, esses profissionais desempenhavam um papel tão importante como é a função dos médicos na Medicina atual.

Onde um farmacêutico pode atuar?

O Conselho Federal de Farmácia (CFF) reconhece mais de 70 áreas de atuação do farmacêutico. Elas são agrupadas em linhas de atuação do profissional de Farmácia, que também podem ser consideradas especializações. Veja quais são as linhas de atuação:

  • Alimentos
  • Análises Clínico-laboratoriais
  • Educação
  • Farmácia
  • Farmácia Hospitalar e Clínica
  • Farmácia Industrial
  • Gestão
  • Práticas Integrativas e Complementares
  • Saúde Pública
  • Toxicologia

Dentro dessas linhas, o Conselho Federal de Farmácia (CFF) ainda coloca áreas mais específicas. Ao todo, o CFF tem uma lista de 72 áreas de atuação para os farmacêuticos. Veja algumas das principais:

  • Acupuntura;
  • Administração Farmacêutica;
  • Administração Hospitalar;
  • Análises Clínicas;
  • Banco de Sangue;
  • Bioquímica Clínica;
  • Exames de DNA;
  • Farmácia Clínica;
  • Farmácia Veterinária;
  • Fitoterapia;
  • Genética Humana;
  • Imunologia Clínica;
  • Meio ambiente, segurança do trabalho, saúde ocupacional e responsabilidade social;
  • Saúde Pública;
  • Toxicologia Forense;
  • Vigilância Sanitária;
  • Virologia Clínica.

Como está o mercado de trabalho para o farmacêutico?

Com essas mais de 70 especializações, o mercado de trabalho para o farmacêutico vai muito além de profissionais que trabalham em farmácias e drogarias. Acompanhando algumas profissões da área da saúde, o mercado profissional para farmacêuticos é abrangente.

O farmacêutico pode trabalhar tanto no setor público (hospitais, postos de saúde, enfermarias, órgãos de vigilância sanitária) e no setor privado (farmácias, drogarias, laboratórios, distribuidoras, fábricas, empresas do setor).

O desenvolvimento da área da biotecnologia também é um fator que vem aquecendo o setor de Farmácia e favorecendo o mercado de trabalho. Para trabalhar na área pública, o crescimento e necessidade de políticas públicas para a saúde também é algo positivo para o termômetro do mercado de trabalho.

De acordo com dados de 2018 do Conselho Federal de Farmácia (CFF), 221.258 farmacêuticos estão estão inscritos nos conselhos regionais de Farmácia dos estados brasileiros. Somados, os números de farmácias e drogarias privadas, farmácias hospitalares e farmácias públicas no Brasil são superiores a 105 mil estabelecimentos.

Além disso, o país possui quase 10 mil laboratórios de análises clínicas, cerca de 4,5 mil distribuidoras de medicamentos e, ainda segundo o CFF, 450 indústrias farmacêuticas.

Qual é o salário de um farmacêutico?

“Quanto ganha um farmacêutico?”. Essa é outra pergunta bastante frequente na hora de escolher essa e qualquer outra profissão. No Brasil, não há um salário único para os profissionais de Farmácia.

Contudo, usando como base o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) de 2019, é possível identificar que a média salarial do farmacêutico no país é de R$ 3.721. O estado onde o trabalhador possui a maior remuneração média é o Distrito Federal: o farmacêutico recebe, em média, R$ 4.955, cerca de 33% acima da média nacional.

Mas como existem diversas áreas de atuação, o salário pode variar bastante de acordo com cada cargo. Veja as especializações da Farmácia com os maiores salários:

  • Farmacêutico Industrial: R$ 4.409
  • Farmacêutico em Saúde Pública: R$ 4.052
  • Farmacêutico Industrial: R$ 3.889
  • Farmacêutico Analista Clínico: R$ 3.759
  • Farmacêutico Hospitalar e Clínico: R$ 3.532
  • Farmacêutico de Alimentos: R$ 2.894
  • Farmacêutico de práticas integrativas e complementares: R$ 2.466

O curso de Farmácia

Para se tornar um farmacêutico, é preciso realizar o curso de Ensino Superior de Farmácia em uma faculdade que seja reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC). Segundo o Conselho Federal de Farmácia, há 637 cursos de graduação em Farmácia no Brasil.

A graduação prepara os estudantes para atuar em pesquisas, produção, preparação, dosagem, distribuição e comercialização de produtos como farmacêuticos, como medicamentos, cosméticos, produtos de beleza e higiene pessoal.

O curso de Farmácia pode ser ministrado na modalidade de ensino a distância (EaD). Além do bacharelado, estudantes também podem realizar outros tipos de formação: técnico e pós-graduação.

Quanto dura o curso de Farmácia?

Tanto presencialmente como a distância, o curso de Farmácia tem uma duração de 5 anos (10 semestres).

Assim que o estudante se formar e receber o diploma, é necessário se registrar no Conselho Regional de Farmácia do estado onde vive. Depois de cadastrado, estará apto legalmente para exercer a profissão de farmacêutico.

Faculdades que oferecem o curso de Farmácia

Como citado acima, é necessário que as faculdades sejam reconhecidas pelo MEC para que o curso de Farmácia possa formar profissionais. Na lista abaixo, estão algumas faculdades autorizadas pelo MEC e que possuem boas avaliações para a graduação.

Veja também:
Curso de Farmácia
Farmácia: Profissão, carreira e mercado de trabalho

Se interessou pela carreira de farmacêutico? Conte o que achou da profissão aqui nos comentários.

Compartilhar
Facebook Twitter Google Linkedin